Ultima atualização: 4 de agosto de 2021

Como escolhemos

12Produtos analisados

21Horas investidas

8Estudos avaliados

69Comentários coletados

Desde que foram à venda na Itália em 2005, as placas Arduino se tornaram extremamente populares entre os entusiastas da eletrônica e da programação, pois são uma ótima ferramenta para se iniciar nestas áreas. Como o hardware é completamente gratuito e modificável, há agora uma grande variedade de placas e kits Arduino disponíveis.

Há placas oficiais, por um lado, e placas compatíveis, por outro. Há tanta variedade e tantas possibilidades que não há limite além da própria imaginação. Entretanto, por esta mesma razão, escolher a placa ou kit Arduino certo pode ser uma tarefa um tanto complicada, especialmente se você é novo no assunto.




Mais importante

  • Graças ao fato de que o Arduino é um hardware completamente livre, é possível modificar ou melhorar qualquer projeto. Assim, além das placas oficiais, você pode encontrar um grande número de placas compatíveis com diferentes especificações.
  • O Arduino é uma ferramenta ideal para iniciantes em programação e eletrônica. Por esta razão, seu uso em ambientes educacionais é particularmente interessante. Neste sentido, diferentes projetos de treinamento já estão sendo desenvolvidos em escolas de ensino médio e centros de treinamento vocacional.
  • De todos os critérios de compra que você deve levar em conta, o mais importante é o uso que você vai fazer do Arduino. Tanto o tipo de placa quanto o número e tipo de peças que você vai precisar dependerá disso. Naturalmente, você também deve levar em conta os manuais incluídos no kit e a qualidade dos materiais.

Arduino: nossas recomendações

Aqui está nosso ranking dos cinco melhores kits Arduino atualmente disponíveis no mercado. Nele você encontrará tanto os starter kits quanto outros projetados para um propósito mais específico. De qualquer forma, todos eles oferecem uma boa relação custo-benefício.

Guia de compras: O que você deve saber sobre Arduino

Ao comprar uma prancha ou kit Arduino, é essencial que você tenha em mente uma série de questões importantes. Não esqueça que existem diferentes modelos de placas e kits Arduino e que cada um deles é projetado para um uso diferente. Por esta razão, nesta seção nós pretendemos responder as perguntas mais comuns dos compradores.

Arduino é um hardware completamente gratuito, é possível modificar ou melhorar qualquer projeto. (Fonte: Andrii Starunskyi: 73765674/ 123rf.com)

O que é exatamente o Arduino?

Arduino é uma plataforma de desenvolvimento baseada em uma placa eletrônica de hardware livre com um microcontrolador ATMEL reprogramável e uma série de pinos. Através destes pinos é possível estabelecer conexões entre o microcontrolador e uma variedade de sensores e atuadores.

Estas conexões são geralmente estabelecidas de uma maneira muito simples, geralmente usando cabos dupont. Ao conectar o circuito integrado do microcontrolador a um computador, as instruções podem ser gravadas usando uma linguagem de programação. O usuário pode então projetar programas que interagem com os circuitos eletrônicos.

Qual é a diferença entre Arduino e Genuino?

Neste caso, o nome pode levar à confusão. Acontece que oficialmente as placas Arduino são destinadas ao mercado americano, enquanto para outros mercados esses mesmos dispositivos são freqüentemente chamados de Genuino. A diferença é, portanto, apenas uma questão legal de nome de marca.

As placas Arduino são ideais para os entusiastas da eletrônica e da computação. (Fonte: Alexander Traksel: 103455831/ 123rf.com)

Quais são as vantagens e desvantagens do Arduino?

O Arduino oferece uma série de vantagens. Em primeiro lugar, porque o hardware é completamente livre, é possível modificar ou melhorar qualquer projeto. Isto torna possível que, além das placas oficiais, você possa encontrar um grande número de placas compatíveis. Além disso, tem uma comunidade ativa por trás dela.

É, portanto, uma ferramenta ideal para iniciantes no mundo da eletrônica e programação. A linguagem de programação que ela usa é simples e fácil de usar e muito poderosa, então ela oferece uma ampla gama de possibilidades. Na tabela a seguir, resumimos todas essas vantagens e muito mais.

Vantagens
  • Plataforma de hardware totalmente gratuita
  • É realmente fácil fazer projetos eletrônicos
  • Permite modificar ou melhorar seu projeto
  • Tem uma grande comunidade por trás dela que o suporta
  • Há uma grande variedade de placas e kits
  • É compatível com sistemas operacionais Windows, Mac OS e Linux
  • É ideal para iniciantes em eletrônica e programação
  • Usa uma linguagem de programação muito simples, mas ao mesmo tempo muito poderosa
Desvantagens
  • A princípio pode ser um pouco assustador

Por que comprar uma placa Arduino?

Primeiro de tudo, porque o Arduino é completamente livre e extensível. Portanto, qualquer modificação ou extensão que você queira fazer, você pode fazê-lo sem qualquer problema. E isto é verdade tanto para o projeto da placa de hardware quanto para o ambiente de desenvolvimento associado a ela. Por esta razão, existe uma grande variedade de placas não-oficiais e bibliotecas de software.

Além disso, o Arduino tem uma grande comunidade de usuários. Seu ambiente de programação é compatível com Windows, Mac OS e Linux. O Arduino usa uma linguagem de programação que é muito fácil de entender, mas ao mesmo tempo é tão poderoso que pode se adaptar a quase qualquer situação.

David CuartiellesUno de los creadores de Arduino
"O Arduino é um projeto de software, hardware e documentação livre. Nós escolhemos um modelo de negócio para seu sustento, o que nos dá uma certa autonomia ao não depender de subsídios para fazer tudo funcionar. Na Arduino, nós nos encarregamos de fazer as pranchas.

É aconselhável comprar um kit Arduino?

Uma prancha Arduino por si só não é muito útil. Ele requer uma série de elementos extras como uma fonte de alimentação, um cabo USB para carregar os programas que você cria em sua memória ou os diferentes módulos que permitem a criação de projetos. Portanto, a menos que você já tenha estes elementos, é aconselhável comprar um kit inicial.

Para quem é aconselhável comprar uma placa ou kit Arduino?

As placas Arduino são ideais para os entusiastas da eletrônica e do computador. Dada a grande variedade de placas, kits e módulos disponíveis, eles são adequados quer você esteja apenas começando ou tenha um conhecimento mais avançado. Eles também são uma grande ferramenta educacional para escolas ou centros de treinamento vocacional.

Existem diferentes modelos de placas oficiais Arduino, cada uma com especificações diferentes. (Fonte: Handdmadepictures: 35118263/ 123rf.com)

Quais são os modelos oficiais de pranchas Arduino?

Existem diferentes modelos de pranchas oficiais Arduino, cada uma com especificações diferentes. Como tal, eles oferecem características diferentes, já que alguns são projetados para usos específicos. Além disso, muitas das placas vêm em versões diferentes. Abaixo está uma lista dos principais modelos oficiais

  • Arduino Uno
  • Arduino TRE
  • Arduino/Genuino 101
  • Arduino Zero
  • Arduino Zero Pro
  • Arduino Yun
  • Arduino Leonardo
  • Arduino Due
  • Arduino Mega
  • Arduino Mega ADK
  • Arduino Ethernet
  • Arduino Fio
  • Arduino Nano
  • Arduino LilyPad
  • Arduino Pro
  • Arduino Pro Mini
  • Arduino Esplora
  • Arduino Micro
  • Arduino BT
  • Arduino Duemilanove
  • Arduino Diecimila
  • Arduino Primo
  • Arduino STAR OTTO
  • Arduino Industrial 101

O que são placas compatíveis com o Arduino?

Por ser hardware gratuito, qualquer pessoa com o conhecimento necessário pode construir sua própria placa. Desta forma, muitos fabricantes, aproveitando a enorme popularidade do Arduino, fabricam suas próprias pranchas e as vendem a um preço mais baixo que as pranchas oficiais.

Este é o caso da Freeduino, que tem modelos idênticos aos originais. O Zigduino adiciona funcionalidade extra às suas placas. A Funduino, por sua vez, tem modelos compatíveis a preços realmente baixos. A BQ Zum Core se destaca por ter desenvolvido seu próprio ambiente de programação BitBloq, que pode ser usado com outras placas Arduino.

Quais aplicações o Arduino tem?

Nós já mencionamos as aplicações do Arduino na educação ou como uma ferramenta para iniciantes em computação e eletrônica. No entanto, você pode fazer muito mais com o Arduino. Você pode projetar brinquedos divertidos, usá-los em drones, construir robôs básicos, criar impressoras 3D e até mesmo desenvolver criações artísticas.

Que linguagem de programação o Arduino usa?

A plataforma livre Arduino é programada com sua própria linguagem desenvolvida a partir da linguagem de programação de alto nível Processing. É, portanto, uma linguagem bastante similar ao C++. Portanto, é uma linguagem de programação de propósito geral associada ao UNIX e caracterizada pela sua boa portabilidade.

Critérios de compra

Se você está considerando adquirir um quadro ou kit Arduino, é importante que você leve em conta uma série de critérios de compra. Para ajudar você no processo de seleção, nós selecionamos aqueles que consideramos mais importantes. Esperamos que eles o guiem na escolha da placa ou kit Arduino certo para suas necessidades.

Seu uso pretendido

Seu uso pretendido do Arduino é o primeiro critério de compra a ser considerado. Você não vai precisar da mesma placa ou dos mesmos componentes para começar no mundo da eletrônica como você precisa para projetar projetos complexos ou para projetos educacionais. Tenha em mente que também existem kits destinados a crianças e adolescentes.

Alguns desses kits permitem que você construa brinquedos como carros robôs, ideais para combinar aprendizagem e diversão. Além disso, se você quer começar no mundo Arduino, uma opção muito interessante é optar por um kit inicial avançado com o qual, uma vez dados os primeiros passos, você pode desenvolver projetos mais complexos.

É importante que antes de tudo você esteja claro sobre que tipo de projetos você vai realizar. (Fonte: Marilia Castelli/ unsplash.com)

Tipo de placa

Existem atualmente vários modelos oficiais de placa Arduino, sem contar aqueles que foram descontinuados. Além disso, há muitas outras placas compatíveis que você pode usar em seus projetos sem nenhum problema. Se você optar por um quadro oficial, você deve ter cuidado com as falsificações. Às vezes eles são realmente difíceis de distinguir.

O modelo básico oficial é o Arduino Uno e é ideal para começar neste mundo excitante. Entretanto, se você quiser mais poder, você pode optar pelo Arduino Zero. Ou se você preferir um com muitas entradas, então o Arduino Mega, que vem com 54 entradas digitais, é o ideal para você. O resto das placas são projetadas para usos mais específicos.

Número de peças

Logicamente, o número de peças e recursos incluídos no kit é um aspecto fundamental na escolha de uma ou outra. Assim, quanto mais componentes ou acessórios o kit incluir, mais possibilidades criativas você terá à sua disposição. Além disso, é sempre mais barato comprá-los em um kit do que individualmente.

David CuartiellesCreador de Arduino
"O Arduino mudou a maneira como as pessoas falam sobre eletrônica".

Tipo de peças

Junto com o número de peças, o tipo de componentes incluídos também é importante. Portanto, é importante que você primeiro saiba que tipo de projetos você vai fazer e depois descubra que tipo de peças estão incluídas no kit e como elas podem ser combinadas umas com as outras para fazer diferentes tipos de projetos.

Alguns componentes essenciais que você não deve ficar sem são uma fonte de alimentação, um cabo USB para conexão com o computador e um conjunto completo de cabos conectores. E, é claro, a diretoria. Você também deve ter diodos, resistores, interruptores, botões e circuitos integrados.

Instruções e tutoriais

As instruções e tutoriais incluídos no kit são um critério a ser levado em conta. É verdade que você pode encontrar muita documentação do Arduino na Internet, em bibliotecas ou bibliotecas. No entanto, é sempre muito melhor tê-lo em primeira mão, do próprio fabricante do kit.

Os manuais e tutoriais incluídos geralmente mostram diferentes projetos que podem ser realizados com os elementos do kit adquirido. Muitas vezes, muitos fabricantes oferecem guias suplementares atualizados em seu website. Além disso, é importante garantir que os manuais estejam em inglês.

Resistência das peças

Tenha em mente que o Arduino é destinado a testes e à criação constante de diferentes designs. Nestas circunstâncias, é importante garantir que os materiais das peças e componentes sejam de alta qualidade. É essencial que elas sejam duráveis, para que você não tenha que substituí-las após apenas alguns meses de uso.

Às vezes, você pode encontrar placas e componentes que são bastante baratos, mas que são feitos de componentes de baixa qualidade ou têm má soldagem. Isto pode não ser um grande problema a curto prazo. No entanto, a longo prazo ele pode limitar sua capacidade de realizar novos projetos.

Resumo

A popularidade do Arduino tem crescido constantemente nos últimos anos. Muitos entusiastas da programação e eletrônica encontraram nesta ferramenta gratuita de hardware uma grande oportunidade para começar neste campo excitante ou para fazer seus próprios projetos tecnológicos.

Atualmente, existe uma grande variedade de placas Arduino, tanto oficiais quanto compatíveis. Também é possível comprar kits completos com uma grande variedade de componentes. Portanto, quando confrontado com uma gama tão ampla de escolhas, é importante que você esteja claro sobre quais são suas necessidades e para que vai usar o Arduino.

Finalmente, se você acha que este guia foi útil em seu processo de seleção, você pode nos deixar um comentário ou compartilhá-lo com seus amigos através das diferentes redes sociais.

(Fonte da imagem em destaque: Harrison broadbent/ unsplash.com)

Por que você pode confiar em mim?

Resenhas