Ultima atualização: 12 de outubro de 2021

Como escolhemos

4Produtos analisados

45Horas investidas

13Estudos avaliados

215Comentários coletados

Procurando por receitas de panquecas e tudo o que você vê são receitas com aveia? Se a resposta for sim, e você ama, você é um de nós. A tendência para o consumo de certos alimentos menos refinados, como a farinha de aveia, está aumentando.

A verdade é que a percepção dos alimentos está mudando e o desenvolvimento do mundo da boa forma física tem ajudado a popularidade da farinha de aveia. Para aderir à tendência, mas com consciência, neste artigo nós olhamos para todos os aspectos da farinha de aveia.




O mais importante

  • A aveia é uma grande fonte de proteínas de origem vegetal, carboidratos complexos e boas gorduras. Não tem nada a ver com farinhas refinadas.
  • A farinha de aveia é obtida através da moagem do grão de aveia e é utilizada em muitas receitas. No café da manhã, como um lanche... Você pode até mesmo fazer um hambúrguer com ele!
  • Seu consumo tem aumentado nos últimos anos, o que levou a uma grande variedade de farinhas de aveia. Ao comê-lo, você está ajudando o planeta enquanto nutre seu corpo.

Aveia: nossa recomendação dos melhores produtos

Oatmeal é um dos alimentos mais populares da última década. Se você não sabe de qual farinha de aveia você precisa, você está no guia certo. Aqui estão nossas 4 farinhas de aveia favoritas.

Guia de compras: O que você precisa saber sobre a farinha de aveia

Devido ao seu valor nutricional, versatilidade e benefícios à saúde, o consumo de aveia tem aumentado nos últimos anos. Além disso, a variedade de formatos nos quais ela é apresentada apenas incentiva seu consumo.

Para que você não tenha dúvidas sobre esta superalimentação, nesta seção nós lhe contamos tudo sobre seus benefícios, propriedades e outras perguntas feitas pelos usuários.

avena en plato

Estar mais consciente dos alimentos que você come tem um benefício direto na sua saúde. (Fonte: Liliya Kandrashevich: 50089052/ 123rf)

Quais são as propriedades da farinha de aveia?

A farinha de aveia é obtida através do processamento de grãos de aveia. Este processo resulta em um produto mais versátil que retém as mesmas propriedades da matéria-prima

  • Fonte de avenantramidas. Isto faz dele um alimento com propriedades antioxidantes, anti-inflamatórias e anti-catogênicas, entre outras (1).
  • Fonte de proteína vegetal. Desta forma, ela promove a recuperação muscular (2, 6).
  • Fonte de carboidratos complexos. Embora seu conteúdo possa ser menor que o de outras farinhas, os carboidratos que ele fornece são de melhor qualidade.
  • Baixo percentual de lipídios. Fornece gorduras saudáveis. Um estudo concluiu que a adição de aveia à dieta regular foi uma das formas mais eficazes de baixar os níveis de lipídios séricos (3).
  • Alto em vitamina B. A aveia é rica em vitaminas B1 e B6 que desempenham um papel importante em várias funções do corpo.
  • Contém minerais. A aveia é rica em ferro, zinco, magnésio, fósforo e potássio.
  • Fonte de beta-glucanos. Esta é uma fibra encontrada naturalmente na aveia que ajuda a manter o colesterol no sangue em um nível normal. Também melhora o trânsito intestinal, pode estimular o sistema imunológico e pode destruir células cancerígenas (4, 5).
  • Fonte de aminoácidos. Graças a isso, a aveia é referida como um alimento de alto valor nutricional (6).

Quais são os benefícios da farinha de aveia?

Aqui estão alguns dos benefícios mais importantes da farinha de aveia

  • Prevenção de doenças cardiovasculares. Ele contém lecitina e beta-glucanos que promovem a redução do colesterol. Portanto, poderia estar diretamente relacionado ao desenvolvimento e prevenção de doenças (7).
  • Limpador de vesícula biliar. Ao carregar os sais biliares da digestão, a aveia limpa a vesícula biliar. Desta forma, evita acumulações. (7).
  • Fornecimento de ferro. O ferro é um dos minerais fornecidos pela aveia. Por este motivo, poderia ser um bom alimento para aqueles que sofrem de anemia (8).
  • Fortalece o sistema imunológico. Devido ao seu alto conteúdo de zinco, ele poderia fortalecer o sistema imunológico (2).
  • Ajuda em dietas de emagrecimento. A farinha de aveia contém uma alta porcentagem de fibra, portanto proporciona uma maior sensação de saciedade.
  • Prevenção ao câncer. Há vários estudos sobre o papel da dieta e do estilo de vida em nossa saúde. Em relação à farinha de aveia, acredita-se que, graças ao seu alto teor de ácidos graxos, ela poderia ter uma poderosa atividade anticarcinogênica (7, 9).

Quais são as contra-indicações da farinha de aveia?

Devido ao seu valor nutricional, mais e mais pessoas estão escolhendo substituir farinhas refinadas por farinha de aveia. Entre suas contra-indicações, nós poderíamos incluir

  1. Doença celíaca. De acordo com os regulamentos europeus, a aveia é um cereal livre de glúten, então nós poderíamos entender que a farinha de aveia não contém glúten.
    No entanto, esta é uma questão controversa, pois pode ser armazenada e processada com outros cereais que contêm glúten.
    É por isso que os rótulos nas embalagens de farinha de aveia indicam que ela contém ou pode conter glúten (10).
  2. Distúrbios intestinais. A farinha de aveia é caracterizada por um alto teor de fibras, o que pode causar gás em um estômago sensível (11).
  3. Mudança abrupta de dieta. Se você decidir introduzir uma grande quantidade de aveia em sua dieta durante a noite, você pode se expor ao inchaço.
  4. Diabetes. A farinha de aveia tem uma alta concentração de carboidratos, o que pode dificultar a escolha das refeições para não exceder a ingestão diária deste macronutriente.
  5. Doenças inflamatórias intestinais. Em algumas doenças como a doença de Crohn, é recomendado reduzir a ingestão de alimentos ricos em fibras.

Receitas com aveia

Graças às suas propriedades e benefícios à saúde, cada vez mais nutricionistas estão recomendando a inclusão da aveia em nossa dieta. Como resultado, as receitas que o incluem são muito variadas: café da manhã, sobremesas e até mesmo refeições.

Hambúrgueres

Ingredientes Quantidades
Lentilhas cozidas e escorridas 400 g
Cebola vermelha ¼
Beringela ½
especiaria A gosto
Farinha de aveia 40 g
Sal ½ colher de chá
Azeite de oliva 2 colheres de sopa
Pão ralado 1 colher de sopa
  1. Descasque a cebola vermelha e corte-a junto com a berinjela.
  2. Acrescente-os a uma frigideira antiaderente com uma colher de sopa de óleo e uma pitada de sal.
  3. Ferva em fogo brando por 10 minutos ou até ficar macio.
  4. Lave as lentilhas e drene.
  5. Em uma tigela, despeje as lentilhas e vegetais cozidos e acrescente as especiarias.
  6. Misture os ingredientes juntos e divida a mistura em duas partes. O primeiro deve ser amassado em uma pasta; o segundo deve ser amassado com um garfo até que seja uma pasta suave.
  7. Em uma tigela, junte as duas metades, adicione a farinha de aveia e misture.
  8. Cubra a tigela e deixe-a descansar na geladeira por 1 hora.
  9. Depois retire a tigela da geladeira e divida a mistura em 4 partes.
  10. Molde cada parte em forma de hambúrguer. Use papel pergaminho para evitar que ele saia e para facilitar o seu manuseio.
  11. Para tostar o exterior de seus hambúrgueres, despeje uma pequena quantidade de pão ralado por cima e pressione um pouco para baixo para que estejam bem integrados.
  12. Repita o processo do outro lado e dos lados.
  13. Marque os hambúrgueres em uma frigideira e vire-os cuidadosamente.
  14. Pegue o hambúrguer, seus melhores molhos e coberturas e já está!

hamburguesa saludable

Oatmeal é usado na preparação de várias receitas. (Fonte: Lefteris kallergis: TLKIVSW6Do/ Unsplash.)

Como a farinha de aveia é diferente de outros tipos de farinha?

A popularidade das farinhas refinadas tem sido drasticamente reduzida nos últimos anos. Médicos, nutricionistas e nutricionistas recomendam sua substituição por outros tipos de farinha, como farinha integral, legumes, nozes ou outras farinhas, como farinha de aveia, que têm um melhor valor nutricional.

Isto não é apenas porque as farinhas refinadas têm um conteúdo calórico mais alto em comparação com outros tipos de farinha, mas também por causa de seu processo de produção.

No processo de refino, apenas parte do trigo é usada e o farelo e o gérmen de trigo são perdidos. Estas duas partes são uma grande fonte de fibras, minerais e vitaminas do complexo B.

Para entender esta diferença entre as diferentes farinhas no mercado de uma forma mais visual, sugerimos que você dê uma olhada na tabela a seguir:

Kcal Proteínas (g) Gordura (g) Carboidratos (g) Fibra (g)   Sem glúten
Farinha de aveia 391 12 7 68 onze
Farinha de trigo 455 10 4 95,4 1
Farinha de coco 306 18 12 23,5 33
Farinha de amêndoa 633 26,23 56,31 4,92 14,16
Farinha de centeio 326 10 1,9 59,7 quinze
Farinha de milho 369 8,7 2,7 76 3
Farinha de arroz 3. 4. 5 6,5 1 77 2,4
Farinha de grão de bico 336 18 5,9 44 15,5

Sabor

Para aqueles com um dente doce, a papa de aveia pode ser um pouco insípida. Se este for o seu caso, a melhor opção é escolher papas de aveia aromatizadas. Este tipo de farinha é perfeito para fazer sobremesas.

Desta forma, você não precisa de nenhum aditivo que possa mudar o valor nutricional de suas sobremesas. Você pode encontrar uma grande variedade de sabores. Existem sabores de chocolate, baunilha e até mesmo biscoitos.

pan integral

Seu consumo tem aumentado nos últimos anos, por isso existe uma grande variedade de farinhas de aveia. (Fonte: Mariana Kurnyk: 1775043/ Pexels)

Proteína

É verdade que, embora a farinha de aveia seja rica em proteína, às vezes ela fica aquém das suas necessidades diárias. A solução é farinha de aveia com proteína. Você pode escolher se quer que ela seja aromatizada também.

Desta forma, você pode preparar receitas saudáveis. É muito divertido criar pratos diferentes, tanto doces quanto salgados. Todos eles serão saudáveis.

Sem glúten

Encontrar substitutos sem glúten está se tornando cada vez mais fácil. Se você tem doença celíaca, a farinha de aveia sem glúten permite que você desfrute dos benefícios nutricionais do produto sem comprometer o sabor e a qualidade.

Portanto, recomendamos que, se você tem uma intolerância, antes de comprar farinha de aveia, você verifique se o pacote tem rotulagem sem glúten ou um selo de certificação.

BIO

A consciência ambiental está crescendo entre jovens e adultos em todo o mundo. Portanto, ser capaz de encontrar alternativas aos nossos produtos favoritos que estão em sintonia com nossos ideais é gratificante.

Alguns termos e rótulos encontrados em embalagens de farinha de aveia são: BIO, ECO e orgânico. Tudo isso nos permite identificar sua origem e conformidade com certos padrões éticos, de segurança alimentar e de qualidade.

É facilmente reconhecido por um logotipo verde com uma folha e estrelas ao seu redor.

The Dietary Guidelines for AmericansNombre
"A DGA recomenda incluir três porções de farinha integral e menos de três porções de farinha de arroz refinada, forte ou branca por dia"

Resumo

Estar mais consciente dos alimentos que você come tem um benefício direto na sua saúde. Não se trata apenas de parecer bem por fora, o que é uma vantagem, trata-se de se sentir bem por dentro.

Portanto, incluir alimentos como a farinha de aveia, que contém um alto valor nutricional, é ideal para prevenir possíveis doenças. Sua infinita lista de propriedades e benefícios tornou-a mundialmente famosa entre os profissionais de saúde e, portanto, chegou até nós consumidores.

Seu conteúdo em vitaminas, minerais e proteínas só reafirma o que já sabemos: a aveia é o futuro dos alimentos! Se você ganhou um melhor entendimento de sua função e benefícios com este artigo, por favor deixe um comentário e compartilhe este artigo.

(Fonte da imagem em destaque: Pamela Maxwell: 123155246/ 123rf)

Referências (11)

1. Varma P, Bhankharia H, Bhatia S. Oats: A multi-functional grain. J Clin Prev Cardiol; 2016; 5:9-17. [cited 2021]
Fonte

2. Moreiras O, Carbajal Á, Cabrera L, Cuadrado C. Tabla de composición de alimentos. Pirámide; 2013. [cited 2021]
Fonte

3. Diaz M, Jiménez I, Jiménez L. Comparación del efecto de ocho modificaciones dieterias sobre los niveles de lípidos séricos de pacientes dislipidémicos de Santa Fé de Bogotá; 1996 [cited 2021]
Fonte

4. Staka A, Bodnieks E, Puķītis A. Impact of Oat-Based Products on Human Gastrointestinal Tract; 2015 [cited 2021]
Fonte

5. Sadiq M, Tahir-Nadeem M, Kashif M, Shabir R, Butt M. Unique among the cereals. European Journal of Nutrition; April 2008 [cited 2021]
Fonte

6. García-Pereyra J, Alvarado-Gómez O, Olivares-Sáenz E, Salazar E. Rendimiento de grano y calidad del forraje de amaranto (Amaranthus spp.) cultivado a diferentes densidades en el noreste de México. Revista Internacional de Botánica Experimental: June 2005 [cited 2021]
Fonte

7. Gómez A, Ceballos I, Ruiz E, Rodriguez P, Valero T, Ávila J, Varela G. Datos actuales sobre las propiedades nutricionales de la avena. Fundación Española de la Nutrición; 2017 [cited 2021]
Fonte

8. Caceda C, Castillo L, Espinoza L, Burgos A. Granolita de cañihua, kiwicha, avena y miel de caña para prevenir y disminuir la anemia. Universidad San Ignacio de Loyola: 2019 [cited 2021]
Fonte

9. Rasane P, Jha A, Sabikhi L, Kumar A, Unnikrishnan VS. Nutritional advantages of oats and opportunities for its processing as value added foods - a review. J Food Sci Technol. 2013;52(2):662–75 [cited 2021]
Fonte

10. Janatuinen E, Pikkarainen P, Kemppainen T, Kosma V, Järvinen R, Uusitupa M, Julkunen R. A comparison of diets with and without oats in adults with celiac disease. 1995 [cited 2021]
Fonte

11. Carper J. Los alimentos: medicina milagrosa. Qué comer y qué no comer para prevenir más de 100 enfermedades y problemas. Amat: 1993 [cited 2021]
Fonte

Por que você pode confiar em mim?

Artículo académico
Varma P, Bhankharia H, Bhatia S. Oats: A multi-functional grain. J Clin Prev Cardiol; 2016; 5:9-17. [cited 2021]
Ir para a fonte
Libro
Moreiras O, Carbajal Á, Cabrera L, Cuadrado C. Tabla de composición de alimentos. Pirámide; 2013. [cited 2021]
Ir para a fonte
Artículo científico
Diaz M, Jiménez I, Jiménez L. Comparación del efecto de ocho modificaciones dieterias sobre los niveles de lípidos séricos de pacientes dislipidémicos de Santa Fé de Bogotá; 1996 [cited 2021]
Ir para a fonte
Estudio
Staka A, Bodnieks E, Puķītis A. Impact of Oat-Based Products on Human Gastrointestinal Tract; 2015 [cited 2021]
Ir para a fonte
Artículo científico
Sadiq M, Tahir-Nadeem M, Kashif M, Shabir R, Butt M. Unique among the cereals. European Journal of Nutrition; April 2008 [cited 2021]
Ir para a fonte
Revista científica
García-Pereyra J, Alvarado-Gómez O, Olivares-Sáenz E, Salazar E. Rendimiento de grano y calidad del forraje de amaranto (Amaranthus spp.) cultivado a diferentes densidades en el noreste de México. Revista Internacional de Botánica Experimental: June 2005 [cited 2021]
Ir para a fonte
Informe
Gómez A, Ceballos I, Ruiz E, Rodriguez P, Valero T, Ávila J, Varela G. Datos actuales sobre las propiedades nutricionales de la avena. Fundación Española de la Nutrición; 2017 [cited 2021]
Ir para a fonte
Artículo científico
Caceda C, Castillo L, Espinoza L, Burgos A. Granolita de cañihua, kiwicha, avena y miel de caña para prevenir y disminuir la anemia. Universidad San Ignacio de Loyola: 2019 [cited 2021]
Ir para a fonte
Artículo académico
Rasane P, Jha A, Sabikhi L, Kumar A, Unnikrishnan VS. Nutritional advantages of oats and opportunities for its processing as value added foods - a review. J Food Sci Technol. 2013;52(2):662–75 [cited 2021]
Ir para a fonte
Ensayo clínico
Janatuinen E, Pikkarainen P, Kemppainen T, Kosma V, Järvinen R, Uusitupa M, Julkunen R. A comparison of diets with and without oats in adults with celiac disease. 1995 [cited 2021]
Ir para a fonte
Libro
Carper J. Los alimentos: medicina milagrosa. Qué comer y qué no comer para prevenir más de 100 enfermedades y problemas. Amat: 1993 [cited 2021]
Ir para a fonte
Resenhas