Capacete de ciclismo
Ultima atualização: 14 de janeiro de 2020

Como escolhemos

15Produtos analisados

20Horas investidas

5Estudos avaliados

71Comentários coletados

Se você está pensando em passear com sua bicicleta, ou já sai com ela de vez em quando, é hora de pensar em comprar um capacete de ciclismo. Não importa se você é atleta profissional ou apenas usa a bicicleta para ir trabalhar, o capacete é um elemento fundamental quando falamos em segurança. No entanto, há muitos ciclistas que subestimam a importância dele e utilizam apenas quando estão em rodovias.

O ciclismo tem uma infinidade de benefícios associados, tanto físicos como mentais, mas sua prática não está isenta de certos riscos. Ninguém está livre de quedas ou batidas acidentais, por isso o uso do capacete para ciclismo é altamente recomendável. Você está procurando, mas ouviu falar de aerodinâmica e ventilação e acabou ficando na dúvida? Fique conosco!




O mais importante

  • O capacete de ciclismo pode proteger de qualquer batida ou impacto na cabeça.
  • Dependendo da modalidade que você for praticar, é possível escolher entre diferentes tipos de capacetes.
  • A aerodinâmica e ventilação são alguns dos critérios, ainda que não sejam os únicos, que devemos considerar antes de comprar o capacete de ciclismo.

Os melhores capacetes de ciclismo do mercado: Nossos favoritos

O capacete é um elemento fundamental para os amantes da bicicleta. É imprescindível, independente da rota que você for fazer, já que protege sua cabeça de qualquer tipo de impacto, por menor que seja. Desta forma, o capacete aumenta sua segurança. Abaixo, vamos apresentar os melhores capacetes de ciclismo do mercado:

Um capacete de ciclismo seguro e confortável

Este capacete de ciclismo da Atrio é leve e confortável, oferece segurança e durabilidade, fácil de ajustar para que o encaixe em sua cabeça seja firme e anatômico. Possui luz de LED traseira e entradas de ventilação.

Ótima opção em custo benefício

Este capacete de ciclismo High One conta com LED iluminador, é muito confortável, com furos para ventilação e prendedor ajustável no queixo. As proteções internas são removíveis, é muito leve e possui um design unissex.

Um capacete leve e resistente

Esta opção de capacete de ciclismo da Refactor, possui viseira, sistema de ajuste regulável, 9 furos superiores e 8 inferiores, com garantia e muito leve. Uma ótima opção para as pedaladas.

O favorito dos usuários

Este capacete da Atrio tem ótima qualidade e várias entradas de ar, possibilita uma segurança e conforto em excelentes níveis. Possui viseira removível e está disponível em diferentes cores, para todos os gostos.

Guia de compras: Tudo que você precisa saber sobre capacete de ciclismo

Sabemos que comprar um capacete de ciclismo não é fácil. Há vários fatores que podem influenciar na escolha e, às vezes, a terminologia usada neste esporte pode te atrapalhar um pouco. Mas não se preocupe. Vamos esclarecer todas as dúvidas que podem surgir sobre os tipos de capacete, materiais de fabricação e demais aspectos que não devem ser ignorados. Vamos começar?

Capacete de ciclismo

O ciclismo é associado a uma infinidade de benefícios, tanto físicos quanto mentais, mas sua prática não está isenta de certos riscos. (Fonte: Jozef Polc: 116381389 / 123rf.com)

Existem vários tipos de capacete de ciclismo?

O ciclismo é um esporte que inclui muitas opções diferentes, portanto, os equipamentos e os acessórios utilizados também variam de uma modalidade para outra. Isso acontece principalmente com os capacetes, visto que necessitam de determinadas particularidades de acordo com a atividade que será realizada. Vamos explicar os diferentes tipos:

Tipo de capacete Ventilação Aerodinâmica Design Categoria
Urbano Poucos orifícios Não é muito considerado Muito chamativo Ciclismo urbano
Capacete de MTB (Ciclismo de montanha) De viseira Muito boa ventilação Muito boa aerodinâmica Com uma pequena viseira na parte frontal removível Para categorias XC (Cross country), o mais comum em ciclismo de montanha e rally
De trail Vários orifícios para ventilação Não possuem tanta aerodinâmica como no caso das viseiras Com uma viseira muito maior que a anterior Para trail (categoria menos técnica que as anteriores)
De enduro Boa ventilação Boa aerodinâmica Parecido com o de moto, protege cabeça e rosto Para enduro (categoria mais técnica dentro do ciclismo de montanha)
De estrada Clássicos Muito boa ventilação Muito boa aerodinâmica Parecido com o “MTB com viseira” mas sem viseira Ciclismo em estradas
Semi-aero Sem ventilação Muito maior aerodinâmica que os “capacetes clássicos” Existem alguns com viseira, protetor de queixo e áreas sensíveis do rosto Ciclismo em estradas
Aero Sem nenhuma ventilação Os mais aerodinâmicos Design compacto e fechado Utilizado por atletas profissionais, também usado em provas e ciclismo em pistas
Triathlon/Contrarrelógio Sem parte traseira alongada Sem orifícios de ventilação Grande aerodinâmica Estética parecida com os de ciclismo tradicional, possuem lentes para proteção dos olhos Contrarrelógio e triathlon de média e longa distância
Parte traseira média Alguns orifícios de ventilação Com mais aerodinâmica que os anteriores Design alongado, com lentes protetoras Contrarrelógio e triathlon de média e longa distância
Parte traseira longa Quase nenhuma ventilação Os que possuem mais aerodinâmica São duros e pesados, podendo causar incômodo Contrarrelógio e triathlon de média e longa distância

De quais materiais são fabricados os capacetes de ciclismo?

A grande maioria dos capacetes são fabricados de poliestireno e polipropileno, os materiais mais leves e seguros do mercado. A parte interior do casco (de poliestireno expandido) é a mais importante, já que é responsável por absorver os impactos.

Esta espuma é dividida em camadas de diferentes densidades, dependendo da necessidade de absorção de cada área.

O protetor externo do capacete de plástico tipo ABS (muito resistente a batidas) protege o poliestireno interno, o mantendo compacto e garantindo sua proteção em caso de impacto.

A dureza da carcaça pode variar em função da modalidade de ciclismo que será praticada. Em alguns casos, é possível encontrar capacetes fabricados com o método ,.

O que é o método in-mold que alguns capacetes de ciclismo são fabricados?

O método in-mold permite fundir a carcaça e o interior do capacete. Devido a sua fabricação em um mesmo molde aumentar notavelmente a qualidade do casco. Graças a essa tecnologia, os cascos in-mold são muito mais leves e resistentes ao impacto do que os modelos que não se utiliza esse tipo de fusão térmica.

O método in-mold permite fundir a carcaça e o interior do capacete.

Também podemos encontrar com cascos cuja carcaça esteja colada na parte interior. Este tipo de fabricação, muito mais econômica, é a mais utilizada em modelos para iniciantes.

De fato, possui algumas características, como o envelhecimento precoce e pouca leveza. Oferece uma pior resposta aos impactos.

A partir do resultado da combinação de ambas as fórmulas, obtemos a tecnologia hybrid in-mold. É utilizada em modelos de carcaças múltiplas e é pouco comum. Geralmente, pode encarecer o produto.

Como acertar o tamanho do meu capacete de ciclismo?

Antes de comprar qualquer tipo de capacete de ciclismo, você deve saber o tamanho que precisa. Para isso, pegue uma fita métrica flexível e meça sua cabeça um pouco acima das sobrancelhas (a parte da cabeça onde fica a parte mais larga do crânio). A medida resultante será o perímetro da sua cabeça. Observe a tabela com as equivalências:

Tamanho do casco XP P M G GG
Perímetro da cabeça (em cm) 53-54 55-56 57-58 59-60 +60

Como sei se meu capacete de ciclismo está bem ajustado?

Depois de ter encontrado o tamanho certo, é hora de escolher o capacete. Mas, como saber se está bem colocado? Lembre-se que o capacete deve cobrir parte da sua testa.

O ideal é que fique dois dedos distante da sobrancelha, assim estará bem posicionado. Depois você deverá ajustar a parte de trás e a fivela. Além disso, também precisará fazer o mesmo com as tiras em formato de "V", localizadas nas laterais e na tira do queixo.

Abra a boca o máximo possível. Se o capacete pressionar a sua cabeça, ele está bem ajustado, se não, aperte a tira do queixo e tente novamente. É importante que o capacete não pressione sua cabeça, já que pode machucar depois de um tempo.

Quando devo substituir meu capacete de ciclismo?

Não havendo nenhum contratempo, é recomendado substituir o capacete a cada 5 anos. Este tempo estimado é devido a espuma interna (de poliestireno) e outros materiais utilizados em sua fabricação que podem se deteriorar com o tempo.

Em caso de impacto ou batida, troque sempre o capacete, mesmo se não tiver dano aparente. Antes de comprar olhe a data de fabricação.

Capacete de ciclismo

O ciclismo é um esporte que possui muitas categorias diferentes, por isso que tanto equipamentos quanto acessórios utilizados podem variar de uma modalidade para outra. (Fonte: Avemario: 76042900 / 123rf.com)

Como devo cuidar do meu capacete de ciclismo?

Em primeiro lugar, devemos proteger nosso capacete das altas temperaturas, já que a cola utilizada para juntar as diferentes partes pode se deteriorar ou, inclusive, se tornar líquida. Lembre que não é indicado limpar seu capacete com produtos químicos, já que podem ser muito agressivos e danificá-los.

Limpe seu capacete com um pano úmido e sabão.

Um pano úmido com sabão será o suficiente. Você pode retirar as almofadas internas para lavar. Deixe secar em um local ventilado e evite o uso de secadores de cabelo.

Também não é aconselhável colocar câmeras, luzes ou outros objetos no capacete, já que podem alterar suas propriedades mecânicas, além de serem perigosos em caso de queda.

Capacete de ciclismo

A grande maioria dos capacetes são fabricados de poliestireno e polipropileno, os materiais mais leves e seguros do mercado. (Fonte: Maksym Protsenko: 93693246 / 123rf.com)

Quais são as vantagens e desvantagens do capacete de ciclismo?

Nos meses de calor, o ciclismo ganha mais adeptos. Por isso, é importante fazer com que todos os usuários entendam que o capacete é essencial tanto para andar na estrada quanto para passear na cidade. As batidas ou impactos, por exemplo, com galhos, podem causar ferimentos ou arranhões na cabeça. Abaixo, vamos mostrar as vantagens e desvantagens:

Vantagens
  • Proteção da cabeça de batidas, quedas e impactos
  • Proteção contra a chuva
  • Proteção contra pequenos machucados: galhos e pedras que podem saltar
Desvantagens
  • Pode ser ruim de carregar quando fizer uma parada e tirá-lo
  • Faz o usuário suar mais
  • Dificuldade para ouvir ao redor

Critérios de compra

Antes de optar por um ou outro capacete, você deve considerar uma série de critérios de compra que vão ajudar na sua decisão. Até o momento, já te contamos as informações mais importantes sobre este item de segurança. No entanto, você não deve ignorar os principais pontos listados abaixo:

Ventilação

A ventilação facilita a circulação do ar enquanto você anda de bicicleta. É importante que, antes de escolher seu capacete de ciclismo, você considere qual categoria você vai realizar e estude se precisa de uma boa ventilação ou se, pelo contrário, é melhor não ter para um melhor rendimento esportivo.

O fato do capacete ter um maior ou menor número de orifícios não significa que terá uma melhor ou pior ventilação. Para saber se seu capacete tem uma boa ventilação, preste atenção nas entradas e saídas de ar.

Fique em frente a uma parede que não seja branca e segure o capacete. Se você conseguir ver a cor da parede através dos orifícios, é bem ventilado.

Capacete de ciclismo

Se você for andar fora da cidade, o capacete é obrigatório. (Fonte: Dmytro Sidelnikov: 110475719 / 123rf.com)

Aerodinâmica

Você deve ter em mente que a aerodinâmica geralmente anula a ventilação, por isso alguns capacetes podem ser muito quentes para trechos muito longos e lentos. O vento é um dos piores inimigos do ciclista.

De fato, uma pequena brisa pode forçar o ciclista a dobrar o esforço para conseguir manter a velocidade. Aqui entra em jogo a aerodinâmica.

Fivelas ajustáveis

É importante que você possa ajustar o capacete com facilidade. Por isso, você deve prestar atenção se as fivelas podem ser ajustadas de maneira simples, bem como um mecanismo simples para abrir e fechar. A parte traseira permitirá que você ajuste o capacete conforme o contorno da sua cabeça.

Jens VoigtCiclista profissional alemão

"Quando minhas pernas doem, digo: Fiquem quietas pernas! Façam o que eu digo pra fazer!"

Viseira

Alguns capacetes não possuem viseira, outros possuem viseira fixa ou removível. Insistimos mais uma vez na necessidade de identificar previamente a modalidade que você irá praticar, pois a presença da viseira dependerá em grande parte disso.

Independente da modalidade de ciclismo, há quem prefira capacete com viseira para proteger do sol.

Comodidade e design

O conforto é um dos pontos mais importantes que você deve considerar ao comprar um capacete de ciclismo. Além do tamanho, a parte interna tem um papel fundamental.

Será mais confortável quando as almofadas internas estiverem colocadas corretamente nos pontos de contato da cabeça com o capacete de ciclismo. O design é outro aspecto a ser levado em conta.

Há uma infinidade e modelos, para todos os estilos. Para escolher o seu, é necessário buscar entre a infinidade de capacetes disponíveis no mercado. Além da viseira, existem redes anti-insetos, óculos acoplados e protetores de queixo. Quando você encontrar o seu, vai querer usar todos os dias!

Capacete de ciclismo

Nos meses de calor, o ciclismo ganha mais adeptos. (Fonte: Fabio Formaggio: 57812996 / 123rf.com)

Resumo

O capacete de ciclismo é um elemento fundamental que não deve faltar em nenhum momento com sua bicicleta. Dependendo da rota que será feita, você deverá escolher um ou outro tipo de capacete. O design, a aerodinâmica e a ventilação vão fazer diferença. É muito importante utilizar o capacete, mesmo dentro da cidade.

Lembre que os capacetes de ciclismo não duram para sempre, é recomendável trocar após 5 anos. Se sofreu algum impacto, você deverá descartar imediatamente mesmo que aparentemente não tenha nenhum dano. O ajuste é fundamental para garantir uma maior proteção. Existe uma infinidade de modelos no mercado, você já escolheu o seu?

Se você gostou deste artigo, deixe um comentário logo abaixo e compartilhe em suas redes sociais com seus familiares e amigos. Obrigado!

(Fonte da imagem destacada: Katarzyna Białasiewicz: 21930944/ 123rf.com)

Por que você pode confiar em nós?

Raul Barbosa Educador Físico e Ciclista
Você pode até tentar encontrar um esporte que Raul não assista ou não conheça as regras. Provavelmente, falhará com louvor. Ainda que o ciclismo seja sua modalidade preferida, o educador físico tem interesse por basicamente todas as modalides, do futebol ao badminton, do vôlei ao curling. Aqui, quer te ajudar a iniciar - ou continuar - na prática do seu esporte predileto.
Curiosa por natureza e apaixonada por viagens, ama estar por dentro das novidades que podem facilitar e tornar mais alegre o dia a dia das pessoas. No Guia55, escreve e adapta artigos para auxiliar suas decisões de compra.