person with glasses of champagne
Ultima atualização: 19 de outubro de 2020

Como escolhemos

9Produtos analisados

21Horas investidas

4Estudos avaliados

68Comentários coletados

"Eu somente bebo champagne em duas ocasiões: quando estou apaixonada e quando não estou." Esta frase é da lendária designer Coco Chanel, mas poderia ser a frase de muitas pessoas, afinal,  o champagne é uma bebida que agrada ao paladar de muitos.

No entanto, para que uma comemoração com champagne seja completa, a garrafa tem que ser da melhor qualidade. Por isso, confira este guia de compras sobre esta bebida, para que então você possa escolher a mais adequada para o seu paladar e para o seu bolso.




O mais importante

  • O champagne é um tipo de vinho espumante produzido exclusivamente na região de Champagne, no sudoeste da França. Ele pode ser de três tipos, dependendo das uvas utilizadas na sua fabricação: Blanc de Blancs, Blanc de Noirs ou Rosé.
  • Uma das classificações mais importantes desta bebida é determinada pelo nível de açúcar que ela contém. Isso é sempre especificado no rótulo e a sua escolha depende do uso que você fará da bebida.
  • Na última seção deste artigo, você encontrará os critérios de compras que devem ser avaliados para adquirir uma champagne de qualidade.

Os melhores champagnes do mercado

Pode ser muito difícil decidir-se por uma garrafa de champagne, diante da variedade que existe no mercado. Para facilitar a sua tarefa, fizemos uma lista alguns dos melhores exemplares desta bebida disponíveis atualmente. Confira quais são eles abaixo.

O melhor champagne rosé

Essa champagne possui uma linda cor rosa pálido, com aroma de frutas vermelhas e é ideal para acompanhar frutos do mar. Se você deseja algo especial e diferente para celebrar, esse champagne é a escolha certa para você. Sua garrafa é de 750 ml.

O champagne com o melhor custo-benefício

Outra marca tradicional de champagne é a Moët & Chandon, e esse produto é ideal para quem quer curtir bons momentos de celebração, mas sem abrir mão do custo-benefício. A garrafa possui 750 ml e acompanha um cartucho.

O melhor champagne para ocasiões especiais

Essa champagne é ideal para quem deseja celebrar uma data especial, seja ela uma formatura, um casamento ou a chegada do ano novo. Ela é produzida pela Dom Perignon, uma das marcas mais prestigiadas do mercado e responsável pelo primeiro champagne cuvée do mundo, o que lhe concedeu um renome internacional. Essa garrafa possui 750 ml.

Guia de compras: O que você deve saber sobre o champagne

Para escolher um champagne, não basta apenas escolher o que estiver mais barato, pois existem diversos fatores que podem influenciar na sua decisão. Por isso, confira as informações que vamos fornecer abaixo, para que assim você possa fazer a melhor escolha.

Cheerful bride and bridesmaids celebrating hen party

O champagne é uma bebida que remete a celebrações. (Fonte: Ammentorp: 92947282/ 123rf.com)

O que é o champagne?

O champagne é um tipo de vinho espumante proveniente da região de Champagne, no sudoeste da França. Embora bebidas semelhantes sejam produzidas em outras regiões do mundo, o champagne é protegido por uma denominação de origem controlada.
Apenas vinhos provenientes da Champagne podem ser assim denominados.

As uvas chardonnay, pinot meunier, pinot noir, pinot gris, arbanne e petit meslier são usadas para fazer esta bebida. Além disso, é realizado um processo de fermentação dupla, também conhecido como método de champenoise. Por ser tão especial, o champagne é considerado uma bebida sofisticada e se tornou a favorita para celebrações especiais como casamentos, formaturas, etc.

Como o champagne é produzido?

Antes de chegar ao seu copo, o champagne segue as seguintes etapas:

  • Primeira fermentação: A primeira fermentação do champagne acontece entre 18°C e 20°C. O suco da uva, ou mosto, se mistura com o fermento e produz o etanol. Esse processo geralmente é realizado em tanques ou barris.
  • Segunda fermentação: Nesta segunda etapa, a fermentação ocorre dentro das garrafas, que são armazenadas viradas para baixo. Durante semanas, as garrafas são viradas duas vezes por dia. Desta forma, as leveduras passam por todo o vinho e os sedimentos acumulados permanecem no gargalo da garrafa.

Qual é a diferença entre champagne e cava?

Já se perguntou qual é a diferença entre cava e champagne? Há quem diga que a cava tem pior qualidade, mas isso não é verdade. Dê uma olhada na tabela a seguir para identificar as diferenças entre essas bebidas.

Champagne Cava
Climatologia A Champagne é uma região fria e úmida e as uvas têm pouco tempo para amadurecer

Como resultado, o champagne é mais ácido

É produzida no Mediterrâneo, onde o tempo para o amadurecimento das uvas é maior

O sabor da cava é mais frutado

Variedades de uva As uvas mais utilizadas são chardonnay, pinot noir e pinot meunier (a primeira branca e as outras tintas) Xarello, macabeo, parellada, malvasía e chardonnay (todas brancas) são geralmente usadas.
Solo Os solos da região de Champagne são ácidos e têm pouco substrato, e, por isso, o champagne precisa de mais açúcares adicionados Os solos são argilosos e calcários, portanto as uvas são ricas em açúcar

Como o champagne é classificado segundo seu grau de açúcar?

O champagne tem classificações diferentes de acordo com a quantidade de açúcar natural que suas uvas contêm. Observe a lista abaixo, para entender melhor esse diferenciação.

  • Brut Nature: Tem menos de 3 gramas de açúcar por litro e é o favorito dos conhecedores.
  • Extra brut: Contém até 6 gramas de açúcar por litro.
  • Brut: Contém entre seis e 12 gramas de açúcar por litro. É um dos mais vendidos porque equilibra acidez e doçura.
  • Extraseco: Contém entre 12 e 17 gramas de açúcar por litro.
  • Seco: Contém entre 17 e 32 gramas de açúcar por litro.
  • Semiseco: Contém entre 32 e 50 gramas de açúcar por litro.
  • Doce: Mais de 50 gramas de açúcar por litro.

Qual é a maneira correta de tomar champagne?

Como uma garrafa de champagne não é uma barata, é importante que você saiba a maneira certa de apreciar essa bebida. Confira abaixo algumas dicas para fazer isso da melhor maneira:

O que fazer O que não fazer
Verifique se a temperatura está entre 5°C e 9°C Evite refrigerar a garrafa por um longo tempo, pois isso pode alterar o sabor da bebida
Use um copo de vinho branco ou tulipa, pois eles são largos o suficiente para permitir que todos os aromas sejam liberados Não use o copo flauta típico, pois, embora ele seja amplamente utilizado, ele limita o contato da bebida com o oxigênio
Para abrir a garrafa, coloque o polegar em cima, solte o arame sem removê-lo e vire a garrafa enquanto retira a rolha Tente não encher demais o copo
Sirva o champagne em duas fases enquanto inclina o copo, após colocar a primeira parte, aguarde a espuma assentar. Depois preencha dois terços do copo Não quebre a rolha
Não segure o copo pela parte superior, pois ele deve ser segurado pela haste

Quais coquetéis podem ser preparados com champagne?

O champagne acompanha bem os coquetéis. Não deixe de experimentar esses três coquetéis clássicos que contêm champagne:

  • Black Velvet: Ele contém a mesma quantidade de champagne e cerveja Guinness. Pode parecer uma combinação estranha, mas funciona. Ele foi criado em 1861 em Londres.
  • Mimosa: Esse coquetel tem champagne e suco de laranja e é servido frio.
  • Kir Royal: Este clássico francês é feito com champagne e licor de groselha. Às vezes são adicionados pedaços de morango.

Existem diferentes cores de champagne?

Muitas pessoas ficam surpresas ao descobrir que esta bebida pode possuir cores diferentes. O tom do champagne depende da montagem e do caráter do vinho. Quanto mais leve for o vinho espumante, mais claro o champagne será. Se for feito com uvas brancas, poderá ter como cores o ouro pálido, ouro verde, ouro velho, ouro cinza, amarelo palha ou amarelo intenso.

Quando o champagne é obtido através da maceração de uvas pretas, ele é conhecido como champagne rosé. Essa variedade é menos conhecida, mas também vem em tons diferentes. A paleta de cores do champagne rosé varia entre rosa suave e rosa profundo, e seu sabor varia do mais leve ao mais intenso.

Champagne in bed in a hotel room, ice bucket, glasses and fruits on white linen

O champagne é um tipo de vinho espumante que vem da região de Champagne, no sudoeste da França. (Fonte: Daria Minaeva: 44252973/ 123rf.com)

Critérios de compra

Você já deve estar ansioso para comprar uma deliciosa champagne, no entanto, vale a pena dar uma olhada nos critérios que selecionamos abaixo, para não cometer erros na escolha dessa bebida. Confira quais são eles abaixo:

Variedade

Antes de escolher o champagne que você deseja, é importante saber o tipo que você procura, pois isso limitará as suas opções. Se você quiser uma bebida com notas cítricas e sabores como maçã verde, opte por um Blanc de Blancs. O que caracteriza esse champagne é que ele é feito apenas com uvas verdes.

Se deseja obter uma champagne com toques de morango e framboesa, escolha um Blanc de Noirs. São usadas uvas tintas na sua fabricação, especialmente a pinot noir e pinot meunier. Esta variedade possui uma cor clara porque não fica muito tempo em contato com a casca das uvas. Caso você queira experimentar um champagne diferente, opte por um rosé.

Christmas party

O champagne pode ter tonalidades diferentes, como acontece com o rosé, por exemplo. (Fonte: Yulia Grogoryeva: 89669178/ 123rf.com)

Vinícolas

Quando se trata de champagne, a origem é muito importante. O ideal é que você observe qual é o local específico onde as uvas foram cultivadas. Existem centenas de comunidades onde eles produzem esta bebida. No entanto, apenas 42 vinícolas têm a designação Premier Cru e apenas 17 delas têm a denominação Grand Cru.

Estas duas certificações garantem que os produtores tenham a capacidade de produzir uvas excepcionais e bebidas de alta qualidade.

Existem três outras classificações entre os produtores: Maisons, Cooperatives e Vignerons. A primeira é apenas para grandes produtores, como a Perrier, a segunda é para um grupo de produtores e a terceira é para fabricantes familiares.

Doçura

Como explicamos anteriormente, a classificação do champagne é determinada pelo seu teor de açúcar. Portanto, a doçura é um dos critérios que você deve ter em mente ao comprar uma garrafa. O nível de açúcar que você escolher dependerá do seu gosto e também do uso que você deseja dar à bebida.

Para beber com sobremesas, recomenda-se optar por um vinho doce ou semi-seco. O champagne Brut é muito popular para beber como aperitivo. O Extra Brut é o acompanhamento perfeito para um jantar. Mas se você deseja brindar e comemorar, a sua melhor opção é um champagne Brut Nature.

foco

Sabia que o champagne é uma das bebidas alcoólicas que menos engordam? Um copo de 150 ml normalmente contém apenas 70 calorias.

Autenticidade

Reconhecer um verdadeiro champagne não é dificil, pois, para ser autêntica, a garrafa deve incluir certas menções relacionadas à sua origem e elaboração. Por exemplo, ela deve especificar o nome ou o nome comercial do produtor e o município onde o champagne é fabricado. Além disso, deve haver a indicação no rótulo de que o produto é de origem francesa.

Além disso, o champagne deve incluir um número de registro designado pelo Comité de Champagne. A garrafa também deve mencionar as particularidades da colheita (Blanc de Blancs, Rosé, dentre outros) e os componentes alérgicos do produto.

Envelhecimento

Este é um fator que não devemos subestimar ao buscar por um champagne, pois o envelhecimento é importante para esta bebida. Caso na garrafa conste a inscrição Non Vintage (NV), significa que o período de envelhecimento é inferior a 15 meses.

Um champagne Non Vintage normalmente é mais frutado. Caso a embalagem diga que a bebida é vintage, isso significa que o seu envelhecimento é de, pelo menos, 36 meses. Esse champagne costuma ser proveniente de anos em que a colheita é muito boa e se caracteriza por ser cremoso.

Resumo

Com este guia de compras, você adquiriu os conhecimentos necessários para saber como apreciar uma boa garrafa de champagne. Basta então decidir qual tipo de champagne deseja provar e fazer a sua escolha.

Agora você já sabe também como diferenciar um champagne de outro dependendo do seu grau de açúcar, e isso é fundamental para que você decida pela bebida que esteja mais de acordo com o seu gosto pessoal.

Se você gostou do artigo, compartilhe-o nas suas redes sociais ou deixe um comentário.

(Fonte da imagem destacada: Sonjachnyj: 75615939/ 123rf.com)

Por que você pode confiar em nós?

Ricardo Amorim Músico e Viajante
A música e as viagens sempre foram as paixões de Ricardo. Seu violão o acompanha pelo mundo, desde que saiu de casa aos 17 anos. Desde então, já conheceu mais de 50 países e segue sua jornada rumo aos 100. Além de suas duas paixões, Ricardo também escreve sobre outras formas de lazer, especialmente sobre livros, aproveitando os dois anos investidos no curso de Jornalismo.
Jessica Bigio Jornalista
Jornalista e editora com mais de 8 anos de experiência em veículos internacionais. Curiosa por natureza e apaixonada pelas palavras. O processo de escrever, desde a pesquisa à parte criativa, lhe encanta.