Imagem de cachorro com coleira.
Ultima atualização: 3 de abril de 2020

Como escolhemos

8Produtos analisados

16Horas investidas

3Estudos avaliados

48Comentários coletados

A melhor coleira antipulga para cachorro é aquela que vai garantir sempre a segurança e a proteção do pet contra pulgas, carrapatos ou outros parasitas. Além disso, a coleira deve ser duradoura, fácil de usar e resistente aos movimentos contínuos do animal, afinal, você sabe como os cachorros gostam de cheirar tudo e passear por todas as partes!

Antes de comprar uma boa coleira antipulga, é interessante conhecer as diferentes opções que podemos encontrar no mercado. Também é importante saber como utilizá-las e quais recomendações são dadas pelos veterinários. Esse produto evoluiu muito nos últimos anos até ser elaborado quase 100% com extratos ou elementos naturais.




O mais importante

  • As pulgas podem causar graves danos à saúde do cachorro. Um dos elementos mais úteis para lutar contra elas e suas picadas é a coleira antipulga. É preciso escolher a mais eficaz possível!
  • As coleiras antipulgas para cachorros protegem o cão desses parasitas externos e muitos modelos também são efetivos contra os carrapatos, piolhos e mosquitos. Seu uso é muito simples e possuem efetividade durante tempo limitado (entre 3 e 8 meses, dependendo do tipo de coleira).
  • Antes de comprar uma coleira antipulga para cachorro, é preciso levar em consideração sua formulação e componentes, procurando por aqueles mais naturais possíveis. Considere também o tamanho, o tempo de efetividade e todas as proteções que a coleira garante.

As melhores coleiras antipulgas: Nossas sugestões

Atualmente há diversos modelos de coleiras antipulgas para cachorros e é fundamental escolher a mais adequada para seu pet. Abaixo, segue uma seleção com algumas recomendações baseada em avaliações positivas dos usuários, nas vendas e na relação custo-benefício. Todas as coleiras sugeridas abaixo podem ser encontradas na Amazon e compradas do conforto da sua casa.

Coleira antipulga de qualidade nacional

A Ourofino é a maior marca brasileira de produtos veterinários e, claro, não podia deixar de produzir uma coleira antipulga. A Leevre, produto oferecido pela empresa, age contra pulgas (por 9 meses) e carrapatos (por 6 meses) e, além disso, protege também o pet do mosquito transmissor da leishmaniose (por 6 meses). É um produto autorizado pela Anvisa.

Coleira que protege contra 11 parasitas

A coleira antipulga Inspector é da empresa alemã Neoterica e pode ser encontrada na Amazon dos EUA com envio para o Brasil. O produto é impermeável, sem odor, com proteção garantida de até 4 meses e combate até 11 tipos de parasitas (além de pulgas e carrapatos, protege da Uncinaria, Trichuris e Toxocara, por exemplo, vermes que atacam os cães). Está disponível em 3 tamanhos adapáveis a animais de pequeno, médio e grande porte.

Coleira importada a preço acessível

A coleira antipulga da Flea and Tick é dos EUA e pode ser encontrada na Amazon americana com envio ao Brasil. Mesmo com a taxa de envio e o imposto de importação, seu preço é atrativo. Essa coleira é 100% natural e conta com um leve cheiro de menta. Protege de pulgas e carrapatos, mas não de mosquitos, por isso o fabricante recomenda combiná-la com outra coleira específica para mosquitos. A proteção dura 6 meses e o produto é impermeável.

Guia de Compras: O que você deve saber sobre a coleira antipulga

Como acabamos de ver no Ranking, as melhores coleiras antipulgas para cachorros, ou as melhores marcas, devem reunir as seguintes características: ser eficaz e funcional, fácil de colocar/utilizar e ser o mais natural possível para não machucar a pele e nem o pelo do cachorro, nem causar possíveis alergias.

Cachorro com coleira no pescoço.

Antes de comprar uma boa coleira antipulgas, é bom conhecer as diferentes opções que você pode encontrar no mercado. (Fonte: Zuzky: 66179212 / 123rf.com)

O que é a coleira antipulga e quais vantagens ela tem?

Uma coleira antipulga é um produto que protegerá o cachorro de parasitas como pulgas, carrapatos e outros. Trata-se de um elemento de plástico ou borracha, de tamanho ajustável, impregnado de uma substância química que repele parasitas indesejáveis. A coleira vai liberando a substância química, que se espalha pelo corpo do cão para protegê-lo.

Entre as vantagens de utilizar coleira antipulga para cachorro, além de sua função lógica, destacam-se:

  • Permitem mobilidade total do cachorro, por onde seja, inclusive na água. A grande maioria das coleiras são impermeáveis e resistentes à água e aos banhos.
  • Cuidam do pet com uma alta capacidade de repelência e persistência.
  • Muitas coleiras, além de combater carrapatos e pulgas, atuam também como repelentes do mosquito pertencente ao gênero phlebotomus, transmissor da leishmaniosis. Têm uma durabilidade de meses.
  • O preço é econômico.
  • Trazem a segurança e tranquilidade de que o animal estará a salvo.
  • Apesar de alguns modelos não terem odor, outros apresentam um cheiro agradável.

Como a coleira antipulga funciona?

O funcionamento das coleiras antipulgas depende de uma fórmula farmacêutica repelente de parasitas que fica armazenada dentro de cada coleira. Essa substância é liberada em baixas concentrações e se distribui sobre o corpo do cão progressivamente, da cabeça ao rabo. A única coisa que você precisa fazer é colocar a coleira ao redor do pescoço do cachorro.

A coleira costuma ser de tamanho único e se ajusta às medidas do pescoço do cachorro. É importante deixar a coleira um pouco folgada (o suficiente para que caibam dois dedos entre o pescoço e a coleira) para que o cachorro se sinta cômodo e nem perceba que a está usando. Uma vez que a coleira seja colocada e o cachorro não reclame, o que sobrar da coleira (em comprimento) pode ser cortado.

Imagem de cachorro com coleira vermelha.

É um produto que evoluiu muito nos últimos anos até chegar a ser elaborado quase 100% com extratos ou elementos naturais. (Fonte: Elen: 19881980 / 123rf.com)

Quais tipos de coleira antipulga existem?

A principal diferenciação que pode ser feita quanto às coleiras antipulgas é: coleira química X coleira natural. Isso dependerá da composição do produto, e o mais recomendável é que seja o mais natural possível.

A próxima diferenciação é em função do tipo de parasita que combatem. Existem coleiras antipulgas para combater apenas pulgas e outras mais completas, que combatem também carrapatos ou mosquitos.

Os especialistas recomendam cuidado no momento de escolher a coleira porque os produtos químicos que ela contém devem ser adequados ao parasita que será combatido. O ideal é escolher uma marca reconhecida porque isso garante mais qualidade.

Quanto tempo dura uma coleira antipulga para cachorro?

A duração e a efetividade das coleiras antipulgas para cachorros depende do modelo e da marca. Costuma durar mais do que outros tipos de antiparasitas, como pastilhas ou ampolhas (que serão comentadas mais adiante). É preciso ler cuidadosamente as indicações antes de comprar a coleira, mas o habitual é que durem pelos menos 8 meses antes de vencerem.

Regra geral, o recomendável é que, dependendo do tempo indicado pelo fabricante, a coleira seja trocada pelo menos duas vezes por ano. É preciso ter cuidado porque algumas coleiras podem ter uma proteção diferente para cada tipo de parasita. Por exemplo: 4 meses contra pulgas, mas 6 meses contra carrapatos. Assim, leve em consideração o que seu cão precisa.

Cachorro em janela de carro.

Cuidam do pet com alta capacidade de repelência e persistência. (Fonte: Patrik: 59792239 / 123rf.com)

Devo usar a coleira antipulga no cachorro a partir de que idade?

Um veterinário é quem poderá dar as melhores recomendações a respeito da idade para começar a utilizar coleira antipulga (e também as próprias coleiras, em suas indicações na embalagem). Algumas marcas advertem que os cachorros menores de 6 ou 8 semanas não usem esse produto. Assim como os cachorros de porte pequeno ou com saúde delicada.

O principal motivo disso é que o cachorro pode acabar arrancando ou mordendo a coleira e sofrer algum tipo de intoxicação com os inseticidas que a compõe. Os cachorros com menos de 8 semanas têm um sistema imunológico imaturo e ainda não têm capacidade de combater as toxinas desses produtos. Por isso, é melhor evitar possíveis riscos.

foco

Você sabia que também é preciso cuidar do ambiente onde o animal convive? Isso porque a pulga não é o único problema. Os ovos, larvas e casulos também devem ser eliminados, e eles estão espalhados pelo ambiente.

Que recomendações devem ser seguidas para o uso da coleira antipulga?

Além da recomendação sobre a idade do cachorro, nas próprias instruções de uso da coleira antipulga há outros conselhos, como:

  • Manter a coleira fora do alcance de crianças, longe dos alimentos e dos olhos.
  • Lavar as mãos depois de manipular a coleira.
  • Vigiar para que o cachorro não morda a coleira.
  • Se comprar várias coleiras de uma vez, armazene o produto em um lugar fresco e seco.
  • Se houver infestação severa de parasitas, a coleira deve ser substituída com mais frequência do que a indicada na embalagem. Nesse caso, consulte o veterinário.
  • Para um resultado melhor, é recomendável dar banho no cachorro antes de colocar a coleira e eliminar pulgas e carrapatos se o animal já tiver esses parasitas no corpo.
  • Verificar se não há reações alérgicas, principalmente durante as primeiras horas de uso, e avisar o veterinário caso haja alguma alteração.
Cachorros passeando de carro.

A grande maioria das coleiras são impermeáveis e resistentes à água e aos banhos. (Fonte: Nat: 34143443 / 123rf.com)

Onde comprar as melhores coleiras antipulgas para cachorros?

Na Amazon você vai encontrar a maior vitrine desse tipo de produto, com uma infinidade de marcas de coleiras caninas de diferentes tamanhos e preços. Desde marcas mais reconhecidas às menos populares, com conselhos de uso e garantia. Você poderá comprar da sua casa, com total comodidade, os melhores acessórios para seu pet.

Uma das grandes vantagens de comprar a coleira antipulga para cachorros na Amazon é conferir os comentários das compras verificadas. Nessas opiniões dos usuários você vai encontrar informações mais detalhadas sobre o produto, como o cheiro que tem ou se o efeito realmente dura pelo tempo indicado.

O que pode ser usado além da coleira antipulga?

Além da coleira antipulga, existem outras opções para proteger seu cachorro de parasitas externos. Quando o cão já tem pulgas, o melhor é combinar o uso da coleira com outro método para garantir uma eficácia e proteção completa. Deixamos um pequeno quadro comparativo no qual você poderá ver essas opções com suas vantagens e desvantagens.

Antiparasitas para cachorros Vantagens Desvantagens
Ampolha antiparasitas Eficácia

Muito preventiva

Dose em função do peso do cachorro

Duração mais breve que a coleira: entre 3 semanas e 4 meses

Indicada para cachorro já infectados

Produto químico

 Spray antiparasitas O método mais rápido e eficaz quando o cachorro está altamente infectado

A opção mais segura para cachorros

Muito prático

Não é preventivo
Pastilhas repelentes Método muito eficaz e preventivo

É administrada uma vez por mês, com a comida, e a dose depende do peso do cachorro

Pode ser dada a qualquer cachorro, inclusive fêmeas prenhas e filhotes que já comam comida sólida

Sua efetividade é de apenas um mês

Não elimina as pulgas adultas

Deve ser combinada com outros produtos

A coleira antipulga tem o mesmo efeito das ampolhas?

Os dois produtos, coleira antipulga e ampolha, são antiparasitas, mas, há diferenças entre eles. As ampolhas são eficazes atacando os parasitas que já estão presentes no animal, já as coleiras são para prevenir que eles ataquem o cachorro. Por outro lado, a durabilidade das coleiras é maior do que a das ampolhas.

A coleira é o método mais simples, prático e econômico.

As ampolhas costumam ser mais caras e, além disso, é preciso seguir uma série de recomendações posteriores, como não dar banho no cachorro durante os dois dias seguintes à aplicação. O melhor é estudar cada caso e, inclusive, consultar o veterinário, que te ajudará a escolher o método mais adequado. A coleira é, sem dúvidas, o método mais simples, prático e econômico.

Critérios de Compra

Você vai conhecer agora os principais critérios aos quais deve prestar atenção antes de comprar a melhor coleira antipulga para seu cachorro. Entre eles estão a composição da coleira e quanto dura seu efeito, que são fatores-chave. A coleira deve ser trocada com a frequência recomendada, caso contrário, não vai funcionar!

  • Composição do repelente
  • Tempo de efetividade
  • Dimensões da coleira
  • Proteção
  • Impermeabilidade

Composição do repelente

A formulação do produto repelente que compõe a coleira antipulga é muito importante. Alguns cachorros apresentam certa intolerância às substâncias habitualmente usadas contra pragas e, por isso, é recomendável preferir produtos naturais e com zero tóxicos. As marcas estão cada vez mais centradas nisso: uma composição 100% natural.

Cachorro em jardim com coleira na boca.

Muitas coleiras, além de combater carrapatos e pulgas, atuam também como repelentes do mosquito pertenecente ao gênero phlebotomus. (Fonte: Chabala: 27321071 / 123rf.com)

Tempo de efetividade

Como já citado, o tempo de efetividade depende de cada coleira e de cada marca. Isso varia em função dos princípios ativos e da rapidez de sua liberação sobre a pelagem do animal. Busque a coleira com maior efetividade possível e lembre-se de que esse produto protege o animal de diversos insetos, mas a proteção não é a mesma em todos os casos.

Dimensões da coleira

A maioria dos modelos que existem no mercado se ajustam a diversas medidas e a única coisa que é preciso fazer é cortar a coleira uma vez que ela seja ajustada às dimensões desejadas. Se o cachorro for muito grande, há coleiras antipulgas desenhadas especialmente para eles (as de comprimento maior). A medida de cada coleira aparece especificada na embalagem.

Proteção

A coleira antipulga costuma ser multifuncional, não serve somente para proteger de pulgas e carrapatos. Como se pôde ver no Ranking, algumas coleiras também protegem contra mosquitos para evitar o contágio da leishmaniosis. Quanto maior a proteção oferecida pela coleira, mais tranquilo você pode ficar quanto à saúde do seu pet.

Cachorro bege no entardecer.

A coleita antipulga traz a segurança e a tranquilidade de que o pet está a salvo. (Fonte: Jaromi: 48037642 / 123rf.com)

Impermeabilidade

É fundamental que a coleira seja impermeável e resistente à água. O cachorro precisa seguir realizando suas atividades habituais, e levar uma vida normal com a coleira significa tomar banho, sair na chuva ou ter contato com a água. Uma coleira impermeável garante que o efeito continuará existindo mesmo que ela seja molhada.

Resumo

A possibilidade de que o cachorro possa sofrer com pulgas ou carrapatos é uma das coisas que mais preocupa os tutores. Por isso que uma prevenção correta é fator-chave e a coleira antipulga é uma das melhores alternativas para isso. Assim, confira a pelagem do seu pet de vez em quando, visite o veterinário regularmente e dê muita atenção à higiene do cão.

A coleira antipulga para cachorro está cada vez melhor, mais eficaz e, o mais importante, com fórmulas mais naturais. Existem outros tipos de produtos para parasitas que contam com grande quantidade de químicos tóxicos que, em alguns casos, poderiam prejudicar a pele do cachorro ou provocar algum tipo de alergia. Hoje em dia, é muito incomum que a coleira antipulga cause algum tipo de problema, por isso, compre-a sem medo!

Se esse artigo foi útil para tirar suas dúvidas quanto à coleira antipulga, que tal compartilhá-lo nas suas redes sociais ou deixar um comentário? Se o que você busca é sempre o melhor para seu animal de estimação, não deixe de ler sempre os textos deste blog!

(Fonte da imagem destacada: Chalabala: 48037647 / 123rf.com)

Por que você pode confiar em mim?

Bianca de Moura Formada em Veterinária
Bianca herdou a paixão pelos animais de seu pai, que também é veterinário. O amor pelos bichinhos é tanto que, hoje, ela divide seu tempo entre atender em clínicas particulares e ajudar ONGs que resgatam cães abandonados. Além disso, ainda encontra tempo para conversar, na internet, com pessoas que dividem com ela esse amor pelos pets.