Várias rodelas de maçã desidratada

A FAO, “Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura”, diz que um terço de toda a comida produzida é desperdiçada ou estraga antes de ser consumida. Isto acontece tanto no mundo industrializado quanto nos países em desenvolvimento, na maioria dos lares. Um desidratador de alimentos pode ajudá-lo a evitar isto.

Com este dispositivo, os alimentos podem ser conservados por muito mais tempo, mantendo todas as suas propriedades, eliminando-se somente a água. É adequado para ser usado com frutas e legumes, bem como carnes e peixes. Neste Guia, você saberá tudo o que precisa saber sobre desidratadores de alimentos, bem como os melhores modelos do mercado.

O mais importante

  • A desidratação de alimentos é realizada há séculos. Esta é uma forma de sempre ter acesso às frutas de qualquer estação ou de aproveitar ingredientes que seriam desperdiçados caso contrário.
  • Você pode utilizar os alimentos desidratados para preparar lanches saudáveis ou adicioná-los às suas receitas. Tudo fica mais simples com um desidratador de alimentos.
  • Através da desidratação da comida, os alimentos perdem água enquanto mantêm as suas propriedades mais importantes. Além disso, um sabor mais intenso é alcançado. Não se esqueça de que muita comida que acabaria no lixo pode durar até um ano após a desidratação.

Ranking: Os melhores desidratadores de alimentos do mercado

A seguir, você conhecerá alguns dos melhores desidratadores de alimentos do mercado. Você descobrirá suas principais características e alguns recursos interessantes. Observe todos estes aspectos para que possa fazer uma boa compra. Você pode avaliar o que cada um oferece a você e como se encaixam em seu orçamento para tomar a sua.

1º – Desidratador de alimentos Sedona digital

Este desidratador digital altamente eficiente distribui o ar aquecido com total precisão, permitindo secar os alimentos perfeitamente. Ele inclui um ventilador de controle duplo, uma porta de vidro transparente para melhor monitorar o progresso e um interior muito fácil de limpar, já que todos os componentes podem ser removidos.

Seu painel de controle é totalmente digital e automatizado, permitindo para controlar com precisão a forma como o alimento é desidratado. Os dois ventiladores podem ser ativados separadamente, permitindo que você escolha secar quatro, cinco ou todos as nove bandejas de cada vez.

O Controle Digital de temperatura pode ser apresentado em graus Fahrenheit (° F) ou Celsius (° C), e o temporizador pode ser definido para até 150 horas de funcionamento ininterrupto. Possui também um “modo noturno” que torna a operação mais silenciosa quando necessário. Vem com nove bandejas de malha.

2º – BioChef Arizona Sol 9 US

Este desidratador de alimentos tem 600W de potência. Ele possui um termostato ajustável, com o qual você pode controlar a temperatura no interior. Possui tecnologia de proteção enzimática, EPT, que ajuda a preservar melhor os nutrientes encontrados nos alimentos, que é uma das principais razões para optar pela desidratação.

O dispositivo tem um sistema de secagem horizontal superior à de modelos similares. O motivo disto é o fato de o ventilador estar localizado na parte de trás do aparelho, o que proporciona uma secagem mais homogênea.

Você pode utilizar o aparelho para prolongar a vida da comida que você tem em sua casa, mas também permite que você faça, por exemplo, iogurte ou pão, que precisam ficar expostos a uma temperatura um pouco acima da temperatura ambiente para favorecer a atividade microbiótica.

3º – Desidratador de alimentos CO-Z US

Este desidratador dispõe de dez bandejas para que você possa usá-lo para secar grandes quantidades de alimentos de uma só vez. Sua alta potência, 1000W, fará com que uma secagem rápida e eficiente seja possível para qualquer tipo de alimento.

Você pode preparar peixes, carnes, frutas, legumes, ervas, sementes, castanhas e todos os tipos de vegetais. O ar entra pela parte traseira, é aquecido e distribuído por todas as bandejas.

O aparelho possui um termostato regulável e um temporizador de até 15 horas. Você pode remover as bandejas para preparar comidas como pão ou iogurte. Possui um display digital que facilita muito o uso do aparelho.

Guia de Compras: O que você precisa saber sobre o desidratador de alimentos

Nas próximas seções, vamos ajudá-lo a descobrir as principais funções de um desidratador de alimentos. Você também saberá quais aspectos você deve ter em mente antes de fazer sua compra. Vamos mostrar até mesmo algumas receitas que você pode preparar com este aparelho.

Mulher na cozinha, de braços cruzados e sorrindo

Desidratar os alimentos fará com que você desperdice uma menor porcentagem da sua compra.
(Fonte: Lenetstan: 50656893/ 123rf.com)

O que é o desidratador de alimentos e para que serve?

Um desidratador de alimentos, como o próprio nome diz, é um dispositivo usado para preservar diferentes alimentos removendo a água contida nos mesmos. Esses dispositivos ainda não são muito comuns no Brasil, mas vem ganhando popularidade nas cozinhas de todo o mundo por permitirem variar a maneira como preparamos e conservamos nossa comida.

O processo de “desidratação” é ideal para preservar frutas, carnes e outros produtos.

Graças às novas tecnologias, a conservação de alimentos está mais fácil do que nunca.

O desidratador de alimentos oferece a melhor conservação?

Para muitos, a desidratação dos alimentos é a melhor maneira de preservá-los. A seguir, mostramos os outros métodos, para que você possa comparar. Tenha em mente que todos são métodos válidos, mas nem todos podem ser usados sempre e podem não manter as propriedades dos alimentos.

  • Congelamento. Quando um alimento é congelado, as mudanças na temperatura podem afetar os nutrientes. O congelamento altera a estrutura molecular e, por esse motivo, quando descongelado, o sabor e a textura são diferentes. O tempo de conservação é mais curto, sendo por volta de seis meses.
  • Conservas. Os alimentos enlatados são previamente submetidos a temperaturas muito altas. Desta forma, o aparecimento de bactérias e esporos é evitado. Neste caso, os nutrientes também são modificados a nível molecular. Não abuse desse tipo de alimento, pois os plastificantes nas latas são um pouco tóxicos.
  • Defumado. Neste método, a fumaça é usada para eliminar os micro-organismos dos alimentos. Esta é uma boa técnica para conservar peixes, carnes ou embutidos, por exemplo. No entanto, não é bom consumir muito desses alimentos, pois algumas substâncias presentes na fumaça podem ser nocivas para a saúde.
  • Salgamento. Quando um alimento é salgado, ele se acidifica, o que pode alterar o seu sabor e propriedades.
foco

Lembre-se que desde a antiguidade a comida é preservada secando-a ao sol.

Por que não secar os alimentos ao sol?

Após o comentário anterior, há quem pense que secar a comida ao sol seria uma boa opção. Afinal, é um recurso natural e não tem custo. No entanto, atualmente isto não é uma boa ideia por diferentes razões. Na tabela a seguir, explicaremos algumas delas.

Motivo Explicação
Clima Nada garante que o clima seja adequado
Higiene Os alimentos ficam expostos a sujeiras
Insetos Podem entrar em contato com a comida
Controle de umidade É difícil controlar para obter uma desidratação adequada

Quais são as vantagens de possuir um desidratador de alimentos?

Há muitas vantagens em se possuir um desidratador de alimentos, como você certamente já percebeu. Abaixo, analisamos alguns motivos para se ter esse tipo de aparelho em sua casa. Depois de analisá-los, você verá que este é o dispositivo que você procurava para aproveitar melhor os alimentos.

  • As condições são mantidas constantes. Com este aparelho, o processo de desidratação é controlado do início ao fim. Ele permite que você escolha tempo e temperatura, e que ambos permaneçam estáveis.
  • Propriedades. Quando os alimentos são desidratados a uma temperatura de cerca de 40 graus, eles mantêm suas propriedades termolábis. Ou seja, enzimas e vitaminas não são afetadas pelo calor, e o resto dos nutrientes também são preservados. Apenas a água é perdida.
  • Despesa. Um desidratador tem um consumo de energia moderado. Além disso, lembre-se de que você evitará jogar fora alimentos e não precisará comprá-los secos se precisar, o que compensará este consumo e o custo do aparelho.
  • Contaminação. Quando você desidrata a comida em casa, pode garantir que ela não entrará em contato com outros alimentos. Desta forma, você evitará problemas de alergia.
  • Texturas diferentes. A desidratação não só procura preservar alimentos, mas também cria lanches saudáveis ou ingredientes para diferentes receitas. Você só precisa programar o tempo certo para obter a textura que procura.
  • Versatilidade. Permite criar diferentes receitas. Você pode usar cortadores de biscoito para criar lanches muito originais. Outra opção é pulverizar ingredientes para preparar sais ou açúcares com sabor.
  • Alimentos saudáveis. É verdade que alimentos desidratados são vendidos no mercado, mas eles certamente são menos saudáveis. Eles levam conservantes, farinhas ou corantes para parecerem mais atraentes. Com o seu desidratador, tudo será 100% natural.
Dr. MoranoExpert em Medicina Estética e Nutrição

“As frutas desidratadas duram por mais tempo, mantendo a maioria dos nutrientes e oferecendo uma maneira muito conveniente e prática de diversificar a nossa dieta. Elas contém uma grande variedade de nutrientes essenciais, incluindo antioxidantes, fibras solúveis e vitaminas.”

Quais receitas você pode preparar com seu desidratador de alimentos?

Existem muitas receitas que você pode fazer com seu desidratador de alimentos. Com a ajuda deste aparelho, podemos fazer desde chips de banana até beef jerky. Abaixo, mostramos a você três receitas que você pode preparar com o desidratador de alimentos.

Rolinhos de pêssego e coco

Você precisará de 4 pêssegos frescos e coco ralado. Você só tem que bater os pêssegos no liquidificador até obter um creme homogêneo. Em seguida, coloque papel manteiga na bandeja do desidratador e espalhe o creme de pêssego por cima. Polvilhe com coco ralado.

Você deve programar o desidratador a 55 graus, por cerca de sete horas. O tempo dependerá do aparelho, portanto tenha cuidado. Deixe esfriar, enrole, corte a massa em tiras e a receita estará pronta!

Chips de Banana

Você só precisa de quatro bananas e quatro limões. Primeiro, esprema os limões. Em seguida, corte as bananas em pedaços de cerca de um centímetro. Em seguida, coloque-os de molho por 15 minutos no suco de limão. Passado este tempo, coloque todos os pedaços de banana na bandeja do desidratador. Programe a 65 graus por duas horas.

Em seguida, abaixe a temperatura para 50 graus por mais seis horas. Com o tempo, a textura deve ficar crocante. Você pode usar esta mesma receita para preparar chips com outros tipos de frutas.

Tigela com rodelas de banana desidratada

Um desidratador te ajudará a conservar os alimentos e evitar disperdícios.
(Fonte: Handmadepictures: 25958618/ 123rf.com)

Carne seca

Você precisará de um quilo de carne. Para a marinada, misture 100 ml de molho de soja, 100 ml de molho inglês, mel, pimenta e alho em pó. Misture todos os ingredientes em uma tigela e introduza a carne cortada em pedaços de 5 milímetros. Deixe marinando por doze horas.

Em seguida, coloque a carne no desidratador com um pouco da marinada sobre ele. Programe a 45 graus por seis horas. Quando estiver pronto, você pode consumir a carne ou guardá-la em um recipiente de vidro fechado.

Quais alimentos você pode desidratar?

A lista de alimentos que você pode desidratar é infinita. A versatilidade é uma das grandes vantagens deste eletrodoméstico. Mas para que você possa começar a usá-lo, mostraremos alguns alimentos que você pode desidratar utilizando este dispositivo. Certamente, em pouco tempo, você expandirá essa lista.

Alimento Exemplos
Frutas Maçã, bananas, morangos, pêssegos, damascos, kiwis, entre outros
Verduras Cenouras, cebolas, champignon, alho-poró, pimenta, repolho, entre outros
Carnes Boi, porco, frango, cordeiro, coelho
Pescado Salmão, truta, bacalhau, merluza
Sementes Abóbora, girassol, gergelim

Quais são as vantagens e desvantagens do desidratador de alimentos?

Desidratadores de alimentos possuem muitos benefícios, mas também certas desvantagens. Em particular, o processo de desidratação leva muito tempo e pode ser um pouco tedioso para iniciantes na cozinha. Estas são as principais vantagens e desvantagens dos desidratadores de alimentos:

Vantagens
  • Conservam os alimentos por mais tempo
  • Mantém as propriedades dos alimentos
  • Evita o desperdício
Desvantagens
  • Precisa de bastante tempo
  • Necessita de espaço de armazenamento

Critérios de compra

Mostramos a seguir alguns critérios que você deve ter em mente ao adquirir seu desidratador de alimentos:

  • Bandejas
  • Capacidade
  • Potência
  • Temporizador
  • Motor
  • Preço

Bandejas

O número de bandejas contidas no desidratador de alimentos lhe dirá quanta comida você pode desidratar de cada vez. Se você for usá-lo com frequência e preservar muitos alimentos, procure um modelo com pelo menos 10 bandejas.

Não se esqueça que se elas possuem malha, ela deve ser bastante fechada para que você possa desidratar sementes.

Capacidade

Seguindo a mesma linha do ponto anterior, procure bandejas com pelo menos 8 centímetros de profundidade. Isto é importante pois, caso contrário, você não será capaz de desidratar alimentos como tomates cortados ao meio. Alguns modelos mostram a quantidade em peso que você poderá desidratar de uma vez.

Tigela com chips de maçã desidratada

Desidratar é um método mais higiênico que secar ao sol.
(Fonte: Jirkaejc: 89307577/ 123rf.com)

Potência

Você deve levar em conta a potência do aparelho escolhido, pois ela é fundamental para que você obtenha um bom resultado. Uma potência alta permitirá que você execute certas elaborações, e faça isso em um tempo menor.

Temporizador

É importante que o aparelho possua um temporizador. Isso permitirá que você controle melhor os tempos de desidratação, e determinar exatamente quando o processo começa e termina. Isso impedirá que você cometa erros que podem arruinar a comida.

Motor

Procure modelos de desidratador cujo motor e sistema de ventilação estejam localizados na parte inferior. Ele deve possuir diferentes saídas de ar que atravessam as bandejas, e de preferência uma no topo. Isto é importante para extrair umidade e obter uma boa desidratação.

Preço

O preço dos desidratadores varia muito. É importante que você estude as características oferecidas por cada modelo e não esqueça o uso que você pretende dar a ele, por exemplo se o utilizará com frequência ou apenas em momentos específicos. Sempre procure o melhor custo-benefício.

Resumo

Um desidratador irá ajudá-lo a desperdiçar menos comida, e você terá acesso a frutas de qualquer estação independente da época. Você poderá armazenar diferentes ingredientes, que se tornarão parte de deliciosas receitas. Também é possível preparar lanches saudáveis, e você sempre saberá o que você está consumindo e o tipo de alimento utilizado.

Não se esqueça que a desidratação é um sistema que tem sido usado para preservar alimentos desde o início dos tempos. No entanto, com este tipo de aparelhos você poderá fazer isto de uma maneira muito mais eficiente, conservando todas as suas propriedades.

Agora você já conhece as vantagens do desidratador de alimentos. Compartilhe essas informações nas redes sociais para que seus amigos e familiares também aprendam.

(Fonte da imagem em destaque: Jirkaejc: 89307577/ 123rf.com)

Por que você pode confiar em mim?

GUIA55
GUIA55
Redação
Os redatores do GUIA55 realizam pesquisas aprofundadas e escrevem artigos altamente informativos e de qualidade sobre os mais variados temas do seu interesse.

Avalie esse artigo

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars
44 Voto(s), Média: 4,48 de 5
Loading...
4.48 44