Você nunca se perguntou como os engenheiros e arquitetos conseguem ter tanta certeza que os edifícios que constroem estão retos? Para que um prédio, e os outros elementos presentes na área da construção, carpintaria, mecânica e bricolagem consigam ficar em um ângulo reto, é necessário usar um goniômetro (digital ou analógico) que meça os ângulos corretamente.

O goniômetro foi pensado para trabalhar em conjunto com o nível a laser e com o inclinômetro. Ele é um instrumento de medição que não se pode faltar na caixa de ferramentas de nenhum profissional. Nesse artigo serão explicadas algumas das principais características dos goniômetros com o propósito de ajudar você a fazer sua melhor compra.

O mais importante

  • O goniômetro digital é uma ferramenta muito simples e barata que te permitirá realizar uma grande variedade de trabalhos. Ele é uma peça em forma de semicírculo ou de círculo graduado em 180 ou 360º.
  • O goniômetro é um instrumento muito simples de ser utilizado. Para usá-lo e medir algo é preciso apenas colocar a parte que fica suspensa no ponto que deseja mensurar e observar o valor que aparece na tela.
  • A precisão do instrumento é fundamental na hora de sua escolha pelo goniômetro mais ideal para você, como será possível perceber nos Critérios de Compra a seguir. Essas ferramentas devem oferecer uma faixa de medição que cubra pelo menos os ângulos entre 0 a 90 graus (º).

Ranking: Os melhores modelos de goniômetro do mercado

Você encontrará no mercado uma grande variedade de goniômetro. Existem alguns modelos digitais, que apresentam a informação de forma muito simples, e outros manuais, que necessitam de uma maior experiência e cuidado no manuseio.

A não ser que você já seja um construtor experiente, escolher o goniômetro mais adequado às suas necessidades não será uma tarefa simples. Para lhe ajudar nessa difícil missão, preparamos essa lista com os melhores modelos para você.

1º – Shahe Goniômetro Digital

Esse modelo de goniômetro digital é uma ferramenta muito precisa e demonstra isso em sua precisão de +- 0.5º e na cobertura entre 0 e 360º que é capa de fazer. Esse aparelho também permite que você salve medidas na memória interna. Além disso, mostra todas suas medidas e memória em uma tela LCD acoplada no corpo do goniômetro e é alimentado por uma bateria de 3 V que possui uma vida útil de, no mínimo, um ano.

2º – Trident Goniômetro para Ortopedia

Esse item é muito utilizado também pela medicina ortopédica e fisioterapia para mensurar as angulações corretas das articulações. É o modelo ideal para desenvolver um bom tratamento da saúde do corpo. Esse aparelho é todo feito em plástico e é analógico. Por ser mais simples é também mais barato e ótimo para ser levado para qualquer lugar sem medo de danificar e receber um prejuízo.

3º – Carci Goniômetro Grande PVC

O goniômetro desenvolvido pela Carci é mais um modelo de ótimo custo-benefício presente no mercado. Simples, útil, resistente e barato, esse aparelho é ideal para quem deseja um instrumento que funcione bem e sem precisar pagar muito. Ele é excelente para pessoas que desejam realizar trabalhos simples, domésticos e de bricolagem, mas pouco recomendado para serviços profissionais de maior complexidade.

4º – Carci Goniômetro de Dedo

A Carci é uma das fabricantes mais respeitadas do mercado e por isso mesmo se utiliza de sua fama para disponibilizar os mais diversos tipos de goniômetros no comércio nacional. Esse seu modelo pequeno é chamado de goniômetro de dedo e é ideal para pessoas que realizam serviços finos e cheios de detalhes.

Guia de compras: O que você deve saber sobre o goniômetro

Muitos trabalhos manuais de bricolagem, construção, fabricação de máquinas, elaboração de instrumentos musicais e trabalhos mecânicos, em geral, necessitam do uso de instrumentos de precisão, como o goniômetro. Esses equipamentos permitem que você tire medidas exatas das superfícies verticais, horizontais e, o mais importante, dos mais diversos ângulos.

Imagem de médico fazendo medição em joelho de paciente.

O goniômetro digital é uma ferramenta muito simples e barata que te permitirá realizar uma grande variedade de trabalhos. (Fonte: Elnur Amikishiyev: 99945512 / 123rf.com)

O que é um goniômetro?

O goniômetro é uma ferramenta em forma de círculo ou de semicírculo e que é graduada em 360º ou 180º. Esses equipamentos são conhecidos e utilizados desde a antiguidade para medir e construir ângulos.

Esse instrumento permite mensurar ângulos entre dois objetos. Tradicionalmente, eram utilizados para medir dois pontos de medida de uma costa ou a posição que um astro se encontrava ou a medida do horizonte.

Esse instrumento é capaz de determinar com bastante precisão a latitude através de cálculos matemáticos muito simples de serem efetuados. O goniômetro tradicional também era chamado de sextante. Hoje em dia, esses equipamentos evoluíram muito e por isso também são empregados na construção, na carpintaria, oficinas mecânicas e na bricolagem.

Para que serve um goniômetro?

Basicamente, o goniômetro serve para medir e comprovar ângulos entre duas superfícies com uma aresta (um ponto de intersecção) em comum. Por exemplo, pode ser duas paredes, um teto, a pendente de uma rampa em relação à horizontal da rua ou mesmo as duas faces de um prisma que você vai precisar soldar. Como você deve ter percebido, as aplicações são as mais variadas possíveis.

Os goniômetros digitais, em combinação com uma fita métrica, um inclinômetro ou um nível, forma um conjunto especialmente indicado para qualquer tipo de trabalho de construção. Eles também servem para medir o ângulo de corte das peças que são usadas para a fabricação de móveis, máquinas e até mesmo instrumentos musicais. O goniômetro é muito requisitado para os trabalhos de precisão.

Pessoa verificando goniômetro.

Os goniômetros digitais, em combinação com uma fita métrica, um inclinômetro ou um nível, formam um conjunto especialmente indicado para qualquer tipo de trabalho de construção. (Fonte: Edward Olive: 77334000 / 123rf.com)

Quais são os usos mais comuns de um goniômetro?

Como já foi explicado até então, o goniômetro pode ser utilizado para uma grande variedade de trabalhos nas mais diferentes áreas. Por isso, é muito comum encontrá-lo em trabalhos profissionais, assim como também nos trabalhos menores e domésticos, já que oferecem muita facilidade para realizar trabalhos delicados e são facilmente complementados com outras ferramentas de medição.

A seguir, serão detalhados mais alguns trabalhos que você pode realizar com um goniômetro, tanto no âmbito profissional quanto para ser usado ao nível doméstico e sem muitas complicações:

  • Instalação de prateleiras e armários.
  • Instalação de batentes de portas e janelas.
  • Decoração de espaços interiores e exteriores.
  • Trabalhos de construção, em geral.
  • Trabalhos de carpintaria, em geral.
  • Instalação de tubulações.
  • Fabricação de instrumentos musicais.
  • Fabricação de máquinas.
  • Instalação de dobradiças em portas e janelas.
  • Fisioterapia.

Quais são as diferenças existentes entre um goniômetro e um nível?

Os níveis a laser servem para controlar a verticalidade ou a horizontalidade de uma superfície. Tanto os níveis digitais quanto os níveis analógicos possuem a função de verificar e determinar se um plano está corretamente nivelado ou não. Simplesmente isso. Por outro lado, os níveis a laser oferecem funções adicionais ao de nivelamento, como a medição entre distâncias ou entre ângulos.

O goniômetro também serve para medir ângulos agudos, retos e obtusos entre dois planos. Esses planos podem ser duas paredes, um teto, o ângulo entre duas peças que necessitam ser soldadas ou entre duas peças que você irá unir. Alguns modelos de goniômetro digital podem dispor de funções de nivelamento e muitos possuem a tradicional bolha de nível.

Além de medir ângulos, o que mais se pode fazer com um goniômetro?

Além de medir os ângulos, a aplicação mais importante de um goniômetro é a de transferência de ângulos. Mas, nesse momento você deve estar se perguntando: o que significa transferir ângulos? Se trata de medir um ângulo. Por exemplo, o ângulo que uma viga faz em relação a uma parede ou uma coluna e a partir daí transportá-lo a um elemento concreto para que se realize um corte preciso ou que se ajuste a uma inclinação desejada.

Isso é especialmente importante para se trabalhar com cortes de esquadria, com uma serra de esquadria ou com uma serra circular de mesa. Esse tipo de trabalho é muito comum na carpintaria, por exemplo, para ajustar um móvel a um espaço. Além disso, a construção e a fabricação artesanal também são áreas que se utilizam da transferência de ângulos para seus serviços.

Quais são as vantagens de um goniômetro digital perante um analógico?

Um goniômetro analógico (tradicional) é algo a mais do que um simples transferidor de ângulos com uma régua presa em seu centro e a qual gira livremente desde seu ponto de intersecção. A base do transferidor fica sobre uma das faces e a régua é apoiada sobre a outra. Assim, o ângulo pode ser medido de acordo com o disco graduado central.

O goniômetro digital evita as complicadas leituras do disco comum, pois, mostra toda a informação em uma tela LCD. Além disso, muitos goniômetros digitais oferecem outros tipos de vantagens, como a conversão de ângulos. A seguir, será apresentada uma lista com as principais vantagens de um goniômetro digital:

  • Mostram a informação mediante exibição em uma tela LCD.
  • Dispõe de retroiluminação, portanto, você pode realizar trabalhos em ambientes com pouca luz.
  • Oferecem a conversão de ângulos em graus sexagesimais (os mais usados), centesimais ou radianos.
  • Permitem armazenar as medições e passar os dados para um smartphone ou para um computador.
  • São mais rápidos, pois, basta posicioná-los sobre a superfície a ser medida.
  • Alguns modelos de goniômetros dispõem de aplicações para que trabalhem em conjunto com outros elementos como um nível a laser ou um medidor a laser.
Homem medindo sapatos.

O goniômetro é utilizado em trabalhos de carpintaria, em geral. (Fonte: Elnur Amikishiyev: 122999629 / 123rf.com)

O que pode ser feito para complementar as funções de um goniômetro?

Como já foi explicado há pouco, o goniômetro funciona muito bem em conjunto com outros instrumentos de medição, podendo ser os níveis, os inclinômetros ou os medidores a laser. Alguns modelos (os maiores) geralmente apresentam um espaço em um dos braços, fabricado especialmente para que seja posicionado um medidor a laser. Isso também funciona bem com os níveis.

Um truque pouco conhecido é combinar o goniômetro com um medidor a laser e assim obter um braço de extensão infinito. Para isso é preciso que se coloque o braço principal sobre a superfície de referência e o outro braço sobre a superfície a ser medida. Se você desejar também projetar o ângulo, basta colocar o medidor a laser nesse mesmo braço que contém um local reservado e assim projetar a linha laser com uma maior precisão.

O que é melhor: um goniômetro ou um inclinômetro com medidor a laser?

É importante que você entenda muito claramente que essas duas ferramentas cumprem funções bastante diferentes. Embora alguns medidores a laser incluam funções de inclinômetro, as medidas de ângulos que oferecem nunca serão tão exatas como as de um goniômetro. O goniômetro fornece uma medição exata e muito confiável dos ângulos, enquanto que o inclinômetro detecta os desníveis.

Como já foi explicado anteriormente, é possível combinar ambos os instrumentos para conseguir medir os ângulos, nível e distância com uma só ferramenta. Mas, é recomendado que você não tente substituir um pelo outro. O goniômetro é uma ferramenta muito barata, portanto, vale a pena investir um pouco mais e evitar maiores problemas.

Fazendo medição com planta de imóvel, com caneta e calculadora ao lado.

O goniômetro é utilizado para trabalhos de construção, em geral. (Fonte: Caifas: 92645793 / 123rf.com)

Que tipo de manutenção necessita um goniômetro?

Por se tratar de um instrumento de precisão, o goniômetro precisa de certos cuidados por parte de seu usuário. Lembre que qualquer batida ou queda pode danificar seu mecanismo e fazer com que deixe de funcionar ou, pior ainda, não funcione corretamente. Logicamente, você não pode se dar o luxo de tirar medidas mal feitas de ângulos importantes, portanto, é recomendo que você siga alguns critérios de segurança.

A seguir, serão explicados alguns critérios de segurança e manutenção para o uso correto do goniômetro e que certamente será de grande utilidade para uma melhor conservação de seu equipamento. Além disso, também foram adicionados alguns conselhos com o mesmo objetivo de simplificar sua relação com o aparelho:

  • Não bata nele ou o force demais.
  • Quando abrir os braços para medir os ângulos, se certifique de não forçar muito o mecanismo. 
  • Se o modelo de seu goniômetro tiver freio, nunca force seu limite. A ferramenta deve girar livremente.
  • Guarde sempre o goniômetro dentro de sua própria embalagem. 
  • Guarde o aparelho em um lugar seco e fresco, fora do alcance da umidade, da luz solar e de produtos corrosivos.
  • Limpe cuidadosamente o instrumento quando terminar de utilizá-lo. 
  • Verifique a cada três meses a precisão das medidas fornecidas pelo aparelho. Pode fazer isso o comparando com outros goniômetros.

Critérios de Compra

Os trabalhos manuais de precisão necessitam de ferramentas de qualidade que facilitam o trabalho e que garantem a conquista dos melhores resultados. Dessa forma, é muito importante saber escolher os equipamentos que irá utilizar. Para lhe ajudar, foi preparado esse guia de critérios de compra para que você seja capaz de escolher o melhor goniômetro do mercado.

  • Tamanho
  • Funções
  • Precisão
  • Design
  • Acessórios

Tamanho

O tamanho de um goniômetro é determinado pelas suas necessidades e pelos tipos de trabalhos que você pensa em fazer dele. Por exemplo, os modelos maiores, com braços mais compridos, são adequados para a construção e alvenaria.

É possível encontrar uma gama muito completa de goniômetros desse tipo. Alguns dispõem de espaços para se adequar ao uso em conjunto com medidores ou níveis.

No caso de seu desejo ser um goniômetro para trabalhos de precisão, por exemplo, para carpintaria, ajuste de peças mecânicas ou trabalhos de fabricação e bricolagem, o melhor a se fazer é escolher um goniômetro pequeno.

Esses equipamentos são mais flexíveis e de fácil manuseio, características vitais para os casos que precisa utilizar o aparelho em espaços estreitos e de pouca acessibilidade.

Engenheiro em obra.

O goniômetro digital é capaz de armazenar as medições e compartilhar esses dados com um smartphone ou computador. (Fonte: Ian Allenden: 42638520 / 123rf.com)

Funções

Apesar desses equipamentos serem fabricados para medir e transportar ângulos, não custa nada verificar se eles também disponibilizam alguma função extra.

Se você pensa utilizar o goniômetro para trabalhos de construção, alvenaria ou para mexer em tubulações e canalizações, é válido escolher um modelo que também possui função de nível. Ele te ajudará muito e facilitará seu trabalho, poupando espaço em sua bolsa e descartando a necessidade de ter que comprar mais um instrumento.

Outra função muito atraente de alguns modelos é a da memória. Essa função te permitirá gravar as medidas para que consiga transferir os ângulos de forma mais precisa. Isso será muito útil para trabalhos de construção e corte. Se seu goniômetro dispõe de função para exportar as medidas para um smartphone ou computador, com certeza é porque você tem em mãos uma ferramenta de primeira linha.

Precisão

A precisão é o fator de compra mais importante para um goniômetro. Se a medição dos ângulos não é precisa, a qualidade dos trabalhos também será afetada. Nesse sentido, é importante que você escolha um equipamento que cubra o maior número de ângulos possíveis. A maioria dos goniômetros cobrem entre 180º e 360º, sendo 360º o de melhor escolha possível.

Essa característica deve fornecer uma precisão de medição entre 0,1 e 0,3 graus no máximo e a resolução deve ser pelo menos de 0,1 graus. Nesse caso, quanto maior for esse número, menor será a precisão do aparelho. Também é importante que o equipamento disponha de um conversor de ângulos, pois, assim você poderá trabalhar de uma forma mais confortável.

Design

O tipo de design e fabricação do instrumento é capaz de fornecer uma ideia inicial da qualidade do goniômetro e logicamente do seu preço de mercado. Dessa forma, a maioria dos goniômetros possuem o mesmo formato de fabricação para que todos se adequem mais facilmente às mais diferentes superfícies e dos mais variados tamanhos.

Como já foi explicado, existem formatos grandes, fabricados para projetos de alvenaria, e outros menores, ideais para trabalhos de precisão.

De uma forma geral, é importante prestar bastante atenção no material de fabricação do aparelho. O mais recomendado é que as suas partes metálicas sejam de alumínio, pois, esse metal não sofre com corrosão e necessita de menos cuidados.

É recomendado também que você escolha um modelo com freio e que as partes “macias” sejam fabricadas em borrachas de primeira qualidade e sejam também antideslizantes.

Acessórios

O principal acessório e que não deve faltar a nenhum goniômetro é um estojo ou bolsa para guardá-lo. Esses equipamentos são delicados e é preciso evitar as quedas para que consiga aumentar o máximo possível a vida útil do aparelho. Nesse caso, é recomendado que você escolha um modelo com estojo, pois, ele oferece uma maior proteção contra quedas e batidas.

Alguns modelos possuem uma luz LED e uma tela retroiluminada. Esses dois complementos são ideais caso você trabalhe na construção e necessita de uma iluminação extra. Existem alguns modelos que incluem um nível de bolha e outros que possuem um espaço entre os braços para se colocar outros equipamentos em combinação, como medidores a laser ou inclinômetros.

Imagem de fisioterapeuta medindo pé.

O goniômetro é muito utilizado na fisioterapia. (Fonte: Daniela Pelazza: 104696873 / 123rf.com)

Resumo

Como você já percebeu, o goniômetro é uma ferramenta muito simples, mas fundamental para uma grande variedade de trabalhos de construção e carpintaria. Graças a ele, você poderá atingir os melhores resultados em cortes angulados e em medições de superfície. O utilize em seus projetos de bricolagem e certamente sempre atingirá os melhores resultados.

Na relação custo-benefício, o goniômetro é uma ferramenta simples, precisa e necessária, com a qual você deve contar em sua caixa de ferramentas. Nesse artigo foi explicado tudo o que você deve saber sobre o goniômetro e em quais fatores você deve prestar mais atenção na hora da escolha final. Agora, cabe a você decidir!

Se você acha que esse artigo foi útil, deixe um comentário e compartilhe esse conteúdo com seus amigos e familiares para que eles também possam entender mais sobre o melhor goniômetro do mercado.

(Fonte da imagem destacada: Alexandr Loskutov: 2074986/ 123rf.com)

Por que você pode confiar em mim?

GUIA55 Redação
GUIA55
Os redatores do GUIA55 realizam pesquisas aprofundadas e escrevem artigos altamente informativos e de qualidade sobre os mais variados temas do seu interesse.