sander
Ultima atualização: 22 de maio de 2020

Como escolhemos

13Produtos analisados

18Horas investidas

3Estudos avaliados

78Comentários coletados

O acabamento é a fase mais delicada de uma obra. Por mais que uma construção tenha sido erguida com todo profissionalismo e competência, o que fica visível ao término dos trabalhos é a textura que garante a qualidade da pintura. Então, para não colocar tudo a perder, o ideal é contar com uma lixadeira de paredes antes dos retoques finais.

Mesmo para quem não utiliza profissionalmente, mas gosta de ter algumas ferramentas à mão para alguns trabalhos como hobby, essa pode ser uma grande parceira. Ao longo desse artigo, você vai conhecer mais sobre a lixadeira de parede, suas vantagens, formas de utilização e como escolher a mais adequada para cada uso. Siga conosco.




O mais importante

  • As marcas mais renomadas são as que costumam garantir produtos de mais qualidade mas também os mais caros. No entanto, como se trata de uma ferramenta que será submetida a trabalhos de alto impacto, é importante levar em consideração todas as características do produto e não apenas o preço.
  • Sempre é com contar com uma lixadeira de parede de alta potência. Assim, quando tiver um trabalho mais pesado a executar, esse não será um inconveniente.
  • A facilidade de uso é um critério fundamental a ser avaliado na hora da escolha. A lixadeira precisa ser o mais leve possível e simples de manejar. Lembre-se que você possivelmente vai utilizá-la por diversas horas seguidas. Falaremos mais sobre isso na seção “Critérios de Compra”.

As melhores lixadeiras de parede do mercado: nossas recomendações

A variedade é muito grande, cada qual com suas características e vantagens. O mercado da construção civil cresce muito e, consequentemente, a oferta também. Pra ajudar na sua decisão sobre a melhor lixadeira, preparamos uma seleção com as mais vendidas e bem avaliadas da atualidade. Confira e comece a escolher a sua!

A lixadeira de parede que aspira a poeira

Desenvolvida para lixar paredes e tetos, essa lixadeira acompanha um saco de aspiração, que não deixa as partículas finas se espalharem pelo ambiente.

Com motor de dupla isolação e velocidade variável, ela tem aba removível, o que facilita o trabalho em cantos e pequenos espaços.

A lixadeira tem uma lanterna de LED embutida para auxiliar o trabalho em locais pouco iluminados. O kit acompanha sete tipos de lixas, com gramatura que vai de 60 a 240 grãos.

A lixadeira de parede mais ergonômica

Essa lixadeira foi projetada para trazer mais conforto e agilidade ao lixar paredes e tetos. Para isso, ela traz acionamento por meio de um botão de rápido alcance. O corpo da lixadeira foi desenvolvido com um sistema de molas.

Assim, a potência de 800W e a alta rotação — de até 2300 — não geram trepidações. Isso torna o trabalho mais suave para o operador, que também conta com o conforto do cabo emborrachado.

A lixadeira telescópica para maior alcance

Para quem vai trabalhar em grandes obras, essa é a ferramenta indicada. Essa lixadeira tem sistema telescópico que permite prolongar o alcance da ferramenta com mais conforto e eficiência.

Prática e econômica, ela conta com sistema de alta rotação, para realizar o trabalho até sete vezes mais rapidamente do que os lixamentos manuais. Ela conta ainda com mangueira coletora de pó, lanterna LED e kit com chaves de fenda e discos de lixa.

Guia de compras: O que você precisa saber sobre a lixadeira de parede

Antes de se decidir pela compra de uma lixadeira de parede, é importante conhecer quais são as características e aplicações principais dessa ferramenta. Assim, você terá certeza de que essa é a ferramenta ideal para suprir suas expectativas. Para facilitar, vamos responder agora as dúvidas mais frequentes sobre esse equipamento e sua utilização. Acompanhe.

giving maintenance

A lixadeira de parede é uma ferramenta perfeita para vários trabalhos de reforma, construção e até artesanato. (Fonte: Kalinovsky: 125523567/ 123rf.com)

O que é uma lixadeira de parede?

A lixadeira de parede é uma ferramenta elétrica que permite nivelar as superfícies de paredes e tetos. O objetivo é eliminar irregularidades ou restos de materiais para deixar uma textura uniforme para receber a pintura.

A ferramenta garante executar esse serviço de forma mais rápida e com menos esforço. Para tanto, conta com um motor rotativo que faz girar um disco de lixa preso à extremidade do aparelho.

Ao contrário do lixamento feito à mão, este garante mais regularidade, rapidez e menos poeira no ambiente, já que a maioria dos modelos conta com sistema de aspiração dos resíduos durante o processo.

Quais os principais tipos de lixadeira de parede?

Atualmente, é possível encontrar três tipos distintos de lixadeiras de parede. Cada um dele oferece resultados satisfatórios, especialmente quando bem empregados, de acordo com a necessidade de cada trabalho.

Para ilustrar a diferenciação desses três tipos, elaboramos uma tabela que traz detalhes sobre a utilidade de cada um deles. Assim, ficará mais fácil escolher a ferramenta ideal.

Tipo Utilidade
Lixadeira de gesso Indicada especialmente para lixar paredes feitas em placas de gesso ou para acabamentos em Drywall.
Pode ser usada para lixar grandes superfícies como paredes e tetos
Lixadeira orbital É o tipo ideal para paredes de alvenaria.
Seu tamanho reduzido permite trabalhar em locais pequenos, como degraus e cantos
Lixadeira telescópica Também conhecida como “girafa”, ela pode ser usada para lizar paredes, tetos e solo. A vantagem é que possui um cabo que permite prolongar a distância, para lixar locais altos e de difícil acesso, como tetos, beirais e mesaninos

Como usar uma lixadeira de parede?

Ainda que variem os modelos, a forma de uso de uma lixadeira é basicamente sempre a mesma. O primeiro ponto, já que falamos de um equipamento elétrico, é encontrar uma tomada compatível com a voltagem do aparelho, próxima ao local onde vai trabalhar.

Algumas lixadeira tem cabo longo, com até 4 ou 5 metros de comprimento. Se este não for o caso, procure usar uma extensão elétrica que permita alcançar todos os locais em que pretende trabalhar, especialmente se for lixar grandes superfícies.

O ideal é iniciar o trabalho com a lixadeira em baixa rotação.

Tomados todos os cuidados com a parte elétrica, é hora de escolher o disco adequado para o serviço que será executado. Verifique se a gramatura é a indicada ao tipo de superfície que vai ser lixada. O próximo passo é ligar o equipamento e começar o trabalho, sempre controlando a velocidade da rotação.

A lixadeira pode ser utilizada para remover chapiscos?

O chapisco é uma técnica de revestimento de paredes muito antiga e tradicional. Na verdade, era a forma encontrada para disfarçar as imperfeições e outros problemas como infiltrações nas superfícies.

Atualmente, a grande tendência em arquitetura e construção são as paredes lisas, com textura sedificada. Por isso, as pessoas que têm em casa alguma área com a técnica de chapisco, procuram formas de alisar a parede e torná-la mais suave.

A lixadeira de parede é uma grande aliada neste trabalho. Com o disco correto, permite que, rapidamente, todo o chapiscado seja removido. Assim, o aspecto irregular dará lugar a uma parece com aparência moderna, uniforme e muito mais atrativa.

Vale lembrar que a quantidade de concreto usado na técnica de chapisco é grande. Isso significa que o processo de lixamento deve expelir muita poeira. Por esse motivo, é fundamental utilizar uma lixadeira de parede que conte com sistema de aspiração de pó.

wall sander

As marcas mais renomadas normalmente produzem os equipamentos com mais qualidade — e os mais caros —.
(Fonte: Kalinovsky: 125519609/ 123rf.com)

A lixadeira de parede é melhor que a de madeira?

Os dois tipos de lixadeira têm funções distintas. Ainda que a lixadeira de parede seja mais versátil e permita realizar trabalhos em diversos materiais, até mesmo a madeira. Já o contrário não ocorre, dado que a lixadeira de madeira costuma ser menos resistente para paredes.

Basicamente, o que ocorre é que tanto uma quanto a outra podem ser utilizadas em uma infinidade de materiais, desde que usado o disco correto. No entanto, a potência e o mecanismo de cada uma é que vai ditar a sua capacidade de ter um desempenho a contento.

Se você possui uma lixadeira de madeira, poderá usá-la para remover colas, vernizes e pequenas irregularidades. Porém, por ser pequena, vai levar muito tempo para lixar uma parede inteira — e pode ser que o motor não aguente — e nem entregue o resultado esperado.

Lixadeira de parede e de teto são a mesma coisa?

Os modelos mais modernos de lixadeira de parede permitem realizar o mesmo trabalho no teto e no solo, com conforto e eficiência. Isso porque são desenvolvidas com adaptação para vários ângulos. O que, em muitos casos, possibilita alcançar o teto sem necessidade de escadas.

O tipo de lixadeira de parede mais indicados para uso também como lixadeira de teto é a telescópica, também chamada de “girafa”. Com ela, é possível trabalhar o forro de construções com o pé direito mais alto, sem qualquer dificuldade.

Como utilizar os discos da lixadeira de parede?

A forma de utilização dos discos varia de acordo com o modelo da lixadeira. Algumas, tem  sistema próprio de encaixe, e combinam furos e presilhas. Outras, fixam-se à lixa por parafusos na base do equipamento. Há, ainda, os modelos que se aderem as lixas com o auxilio de velcro.

Uma consideração importante com relação ao uso do disco é que existe uma gramatura específica para cada tipo de superfície e para o efeito esperado. Sendo assim, é fundamental seguir as orientações do fabricante e sempre levar em consideração as condições da parede.

woman using a wall sander

Sempre é bom contar com um modelo de alta potência para as superfícies maiores e mais difíceis.(Fonte: Auremar: 130985112/ 123rf.com)

Quais os cuidados na manutenção da lixadeira de parede?

O primeiro passo para manter sua lixadeira em perfeito estado é ter atenção às superfícies em que vai trabalhar. Tente, na medida do possível, deixá-la muito limpa. Certifique-se sobre umidade excessiva. Isso pode prejudicar o bom funcionamento do equipamento.

Além disso, esteja sempre atento às condições dos discos de lixas. Lembre-se que eles são praticamente descartáveis. Mais que isso, provavelmente você vai precisar substitui-los ainda durante um mesmo trabalho. Nunca tente economizar a lixa. Isso pode danificar o aparelho.

A limpeza também é importante. Ao finalizar o trabalho, remova as peças desmontáveis e retire o excesso de pó e sujeira que possa ter se acumulado na máquina. Assim, ela estará pronta para ser guardada.

Critérios de compra

Antes de escolher definitivamente por um modelo de lixadeira de parede, é preciso avaliar as condições em que ela será utilizada e quais as vantagens esse equipamento trará ao seu dia a dia. Mas, há mais cuidados a se atentar antes da compra. São critérios que podem ser determinantes para um uso proveitoso da ferramenta. Veja quais são:

Aspiração

Como comentamos há pouco,  trabalho de lixar paredes pode gerar muita poeira e resíduos no ambiente. Por esse motivo, contar com um sistema eficiente de aspiração é mais do que necessário, seja por sistema próprio ou pela conexão a um aspirador de pó tradicional.

Portanto, antes de comprar a sua lixadeira de parede, certifique-se se ela conta com sistema que permita eliminar o pó enquanto executa a obra. Dessa forma, você conseguirá economizar tempo e trabalho na limpeza do local depois de finalizado o lixamento.

two man talking

A facilidade de uso da ferramenta é um critério importante na hora da escolha, pois trata-se de um equipamento de uso prolongado. Por esse motivo, deve ser leve e simples de manejar. (Fonte: Auremar: 85813340/ 123rf.com)

Potência

Um elemento fundamental na hora de decidir pelo modelo ideal é a potência da lixadeira. É esse fator que determina a capacidade do equipamento para conseguir remover todas as irregularidades em toda a extensão da parede.

A potência da máquina também determina a rapidez do trabalho.

Se você trabalha em pequenas áreas e em superfícies que exigem pouco esforço dos discos de lixa, uma máquina com potência de média a baixa poderá ser suficiente. Mas é bom levar em consideração que, quando o motor tem mais força, ele gira com mais velocidade.

Facilidade de uso

Mais do que agilizar o trabalho, é preciso que a sua nova lixadeira de parede permita a execução simples de cada tarefa. Para tanto, a facilidade no manuseio da ferramenta é um dos fatores cruciais. Antes de comprar, fique atento a esses pontos que podem passar em branco.

A empunhadura da lixadeira deve permitir uma manipulação confortável, sem pesar muito em um único braço, por exemplo. Parece superficial, mas vale lembrar que as áreas trabalhadas normalmente serão grandes e a tarefa costuma levar bastante tempo.

Sempre que possível, de preferência aos modelos que contam com ajustes personalizáveis, como as lixadeiras telescópicas ou as que permitem mudar o lado da empunhadura de apoio lateral.

Certifique-se, ainda, sobre a facilidade de acessar o botão “liga-desliga”. Além de conforto, esse pode ser considerado um item de segurança na sua lixadeira de parede.

guy sanding a wall

Entre os pontos fundamentais para uma pintura de qualidade estão os cuidados para eliminar os restos de tinta, cimento ou outros materiais que possam prejudicar a superfície da parede. (Fonte: Kośmider: 104694579/ 123rf.com)

Tamanho do disco

O tamanho do disco pode ser determinante para sua escolha, na medida em que define o alcance do trabalho. Quanto maior o disco, maior a região lixada de uma única vez. No entanto, é fundamental ter clareza sobre a utilização que vai dar à máquina antes de decidir.

Em outras palavras, esteja atento aos seus objetivos. De nada adianta uma lixadeira com grandes discos se a sua ideia é utilizá-la em pequenas áreas. Neste caso, o tamanho vai atrapalhar o trabalho.

Opiniões de compradores

Mesmo após avaliar cada um desses pontos, você pode se sentir em dúvida sobre a lixadeira de parede mais adequada. Isso é normal. Portanto, não hesite. Procurar a opinião de outras pessoas que já compraram a ferramenta é sempre uma excelente ajuda.

Consulte a seção de avaliações do produto na internet, em lojas confiáveis. Você pode, ainda, conversar com pessoas conhecidas que já utilizam o equipamento no dia a dia. Pode ter certeza de que não há nada melhor que a experiência como aliada em momentos de decisão.

sanding the roof

Os profissionais da construção recomendam que o trabalho comece sempre pela parte mais alta das paredes. (Fonte: Kalinovsky: 127289076/ 123rf.com)

Resumo

A lixadeira de parede é um dos equipamentos indispensáveis em reformas e construções. Atualmente, uma grande tendência da arquitetura em manter as paredes cada vez mais lisas e sedosas. No entanto, conquistar esse efeito com lixas manuais é difícil e trabalhoso. Por esse motivo, fizemos questão de expor as características das mais modernas lixadeiras de parede.

Trouxemos as informações sobre a utilidade desse equipamento, com comparativos entre os diversos tipos de lixadeiras. Mostramos os cuidados na utilização e manutenção do aparelho, para um uso mais eficiente e duradouro. Também fizemos questão de destacar alguns critérios importantes que merecem atenção no momento da escolha, para uma compra bem sucedida.

Com isso, esperamos ter ajudado na sua decisão pela melhor lixadeira de parede. Se gostou deste material, aproveite para compartilhar com seus amigos. Muito obrigado!

(Fonte da imagem destacada: Thodonal: 31704253/ 123rf.com) 

Por que você pode confiar em nós?

Luiz Felipe Andrade Manutentor profissional
Luiz Felipe herdou do pai, mestre de obras, a paixão pelas ferramentas. Tanto é que desde cedo decidiu seguir uma carreira que poucas pessoas sabem que existe: a de manutentor profissional, ou seja, a pessoa que é especialista em manutenções. Com tanto conhecimento na área, resolveu compartilhar o que sabe com o público que, como ele, ama criar e consertar.
Vera Pereira Redatora/Editora
Jornalista, especialista em produção de conteúdo digital, tem na escrita a sua maior paixão. Adora investigar, apurar fatos e reconstruir histórias. Por isso, atua na pesquisa e adaptação dos conteúdos internacionais à realidade e legislação brasileiras.