É bem provável que que vá parecer grego se você ouvir por aí o termo oxímetro de pulso, mas esse é um instrumento da saúde muito importante e do qual você talvez já tenha ouvido falar, embora possa não lembrar imediatamente do nome. Se trata de um aparelho de uso hospitalar que, na sua versão mais popular, recebe o seu dedo para medir a circulação do oxigênio no seu sangue.

Hoje, viemos te contar que o oxímetro de pulso se tornou uma ferramenta muito útil para quem é esportista, já que você pode usá-lo para melhorar o seu rendimento. O seu uso é recomendável em treinos que vão colocar à prova a sua capacidade pulmonar. Quer saber mais? Então continue a ler o resto do artigo!

O mais importante

  • O oxímetro de pulso, ou pulsioxímetro, é um aparelho que mede a saturação de oxigênio no sangue. Existem aqueles que são de uso hospitalar, mas também existem modelos para o uso doméstico.
  • Ele é muito popular entre esportistas e amantes das alturas, já que pode ajudar a identificar uma emergência no caso de marcar níveis de oxigênio muito abaixo do recomendável.
  • A precisão e o uso de baterias ou pilhas são os fatores determinantes na hora da compra. O serviço pós-venda por parte do fabricante também é importante.

Os melhores oxímetros de pulso: Nossas recomendações

Seja para ajudar com os seus treinos físicos, seja para fazer parte das suas expedições às alturas, você já deve saber que um oxímetro de pulso é fundamental para o desenvolvimento dessas atividades. Por isso, trazemos para você alguns dos mais bem-avaliados modelos na Amazon.

O oxímetro de dedo preferido do público

O modelo de oxímetro de dedo AT101C foi projetado para medir a saturação de oxigênio no sangue arterial (SpO2) e o ritmo da pulsação em adultos e crianças de forma não invasiva, seja em casa, em um estabelecimento profissional ou móvel. Suas principais funções são: mede mesmo com o dedo gelado; funciona com as unhas pintadas; super leve (pois funciona apenas com uma pilha); tela colorida com ajuste de brilho; visor ajustável (rotaciona).

O melhor custo-benefício

Esse oxímetro é de pequeno tamanho, facilitando o transporte, e também pode ser utilizado com um cordão que segue juntamente ao aparelho. O aparelho é operado por apenas um botão, trazendo conveniência e facilidade no uso. ​​Baixo consumo de energia, medição de 30 horas em duas pilhas AAA. Desliga automaticamente dentro de 8 segundos quando não há sinal, para ajudar a poupar as pilhas.

O produto com o melhor design

Preciso e confiável em testes clínicos, este oxímetro de pulso de dedo é portátil, fácil de levar de um lado para o outro, e vai tirar as suas medições de SpO2 rapidamente, além de medir a sua pulsação. Conta com função de alarme para marcar a pulsação e advertir quando o SpO2 e a pulsação estão fora dos limites recomendados pelos profissionais da saúde. Sua tela OLED tem 6 modos de visualização diferentes para focar na informação que você quer, do jeito que você prefere.

Guia de Compras: O que você precisa saber sobre um oxímetro de pulso

Se você chegou até aqui é porque tem um objetivo em mente. Ou você quer realizar uma boa recuperação após os seus treinos, que te permita melhorar o seu condicionamento físico, ou gosta de se aventurar por montanhas de vez em quando e quer controlar o seu estado de saúde. Seja como for, você precisa de um oxímetro de pulso. Aqui, vamos tirar todas as suas principais dúvidas.

Imagem de homem medindo pulso com oximetro.

Um oxímetro de pulso é um pequeno aparelho que mede a saturação de oxigênio no sangue. Tem um formato de pinça e pode ser colocar em qualquer dedo. (Fonte: Belchonock: 107794599 / 123rf.com)

O que exatamente é um oxímetro de pulso?

Um oxímetro de pulso é um pequeno aparelho que mede a saturação do oxigênio no sangue. Ele tem um formato de pinça e pode ser colocado em qualquer dedo. É composto por uma luz, que detecta a cor do sangue, e um sensor, que envia a informação. Ao liberar oxigênio o sangue fica azulado. Quanto mais azul, maior a presença de oxigênio.

Um oxímetro de pulso para esportistas costuma incluir também outras funções como controlar a frequência cardíaca, medir o ritmo da respiração, o índice de perfusão (sinal do pulso arterial) e até o nível de hidratação. Tudo isso faz com que o oxímetro de pulso seja um aparelho quase que indispensável para quem pratica esportes ou escaladas e trilhas em lugares altos.

O que é a saturação do oxigênio que o oxímetro de pulso mede?

A saturação de oxigênio (SpO2) corresponde à quantidade de oxigênio medido no sangue. Para você ter ideia, segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde), estes níveis devem ficar entre 95 e 100% em uma pessoa saudável. No entanto, você deve saber que durante exercícios intensos os níveis vão normalmente ficar mais baixos.

Medindo com oximetro de pulso.

Os oxímetros de pulso, ou pulsioxímetros, para esportistas incluem outras funções como o controle da frequência cardíaca. (Fonte: Photoba: 98906977 / 123rf.com)

Que tipos de oxímetro de pulso existem?

O mais recomendável para esportistas são os oxímetros de dedo, ou portáteis. Porém, existem modelos destinados especificamente ao público da saúde. Os oxímetros de punho, parecidos com relógios de pulso e com o sensor no dedo, são usados em paciente com apneia do sono. Vejamos a seguir uma tabela:

Tipo de oxímetro Bateria Funções especiais Formato Funcionalidades
Oxímetro de dedo Costuma usar duas pilhas AAA

Uso pontual

Mede o nível de oxigênio no sangue e a frequência do pulso

Monitoração intermitente

O nível do oxigênio se mede por gráfico ou porcentualmente

De pinça. Portátil, pequeno e leve Você coloca o dedo diretamente no aparelho

É mais barato

Uso pontual

Oxímetro de punho Bateria de longa duração Mede o nível de oxigênio no sangue e a frequência do pulso

Controle constante sobre o paciente (pacientes com apneia do sono)

Parecido com um relógio de pulso com um cabo que leva até o dedo Uso hospitalar
Oxímetro de mesa Cabo de alimentação Inclui mais funcionalidades do que os outros, como por exemplo a medição da pressão arterial É o único oxímetro que não é portátil É usado em consultórios, clínicas e hospitais
Oxímetro pediátrico ou neonatal Costuma usar duas pilhas AAA Mede o nível do oxigênio no sangue e a frequência do pulso De pinça. Adaptado ao tamanho das crianças e bebês No caso de recém-nascidos se conecta diretamente ao pé

Em crianças um pouco maiores, a abertura para o dedo é menor do que aquela dos aparelhos para adultos

Oxímetro de mão portátil Costuma usar pilhas AAA Mede o nível de oxigênio no sangue e a frequência do pulso

Pode ser conectado a um dedo do pé

Recomendado para pacientes com doenças nas pernas

Se trata de uma pequena tela parecida com um smartphone Uma pequena tela do tamanho da palma da mão facilita levá-lo de um cômodo ao outro para ser usado em outros pacientes
Oxímetro fetal Cabo de alimentação Realiza a leitura do oxigênio do bebê que ainda está na barriga De arame Usado durante o parto

Quais as vantagens e desvantagens de um oxímetro de pulso?

O oxímetro de pulso é usado principalmente por pessoas com problemas respiratórios. Nos últimos tempos esse tipo de aparelho ficou na moda entre os esportistas também, já que permite avaliar a recuperação em cada treino. Uma recuperação correta teria níveis entre 94 e 100% de SpO2, caso contrário, o oxímetro marcaria 93% ou menos.

Você precisa levar em conta que este tipo de oxímetro é o mais adequado ao uso doméstico. Além de ser portátil, é fácil de usar.

Ele é recomendado para pacientes ou praticantes de esportes que precisam acompanhar a sua saturação de oxigênio e não querem ter que marcar uma consulta toda vez só pra isso. Outra coisa é que funcionam com pilhas ou baterias, como veremos na próxima tabela.

Vantagens Desvantagens
Técnica rápida, indolor e não invasiva É preciso prestar atenção às pilhas ou baterias para que o aparelho não esteja descarregado na hora de usá-lo
Tenha os resultados na hora Se a leitura de oxigênio estiver baixa é preciso marcar uma consulta médica
Fácil de transportar  
Após realizar exercícios a sua necessidade de oxigênio pode variar, coisa que o oxímetro detectará  
Muito útil para quem pratica esportes em altitudes elevadas
Permite uma intervenção rápida no caso de qualquer alerta
Fácil, cômodo e rápido na hora de obter resultados
Não precisa de muita manutenção
Se adapta à idade de cada usuário
Grande variedade de preços
Não precisa ficar ligado à corrente elétrica, já que usa pilhas ou baterias

Quando você deve se preocupar com um resultado do seu oxímetro de pulso?

Segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde), os níveis ideais do oxigênio no sangue devem ficar pelo menos em 95%. No caso de uma marcação de 92% ou menos já se considera caso de hipoxemia (pouco oxigênio no sangue), o que pode acarretar dificuldades respiratórias, dor de cabeça, confusão e agitação. Isso pode configurar uma emergência.

A hipoxia pode desencadear o mal das montanhas (hipobaropatia), que pode causar tontura, enjoo, vômito, dor de cabeça, falta de apetite, cansaço, transtornos de sono e edema cerebral e pulmonar. Estes sintomas podem se manifestar de forma leve, moderada ou aguda. O oxímetro vai te ajudar a identificá-lo corretamente.

95% ou mais de SpO2 Taxas normais
Entre 93 e 94% Abaixo do normal
93% ou menos Já se fala de hipoxemia, nesse caso é preciso consultar um especialista

Como um oxímetro de pulso impacta treinos de resistência?

O oxímetro de pulso é uma ferramenta a se considerar na hora de incrementar os seus treinos. A recuperação, tão importante quanto o esforço, pode ser medida através de um desses aparelhos. Uma recuperação correta permite que você melhore a sua capacidade física.

Além disso, o oxímetro de pulso é essencial para esportistas que treinam em grandes altitudes. É nesse tipo de ambiente que você precisa tomar mais cuidado, já que a diminuição da pressão atmosférica pode baixar os seus níveis de oxigênio até um ponto em que isso pode se tornar um risco à saúde.

A altitude impacta diretamente no seu rendimento devido ao ar mais rarefeito. O corpo reage a isso aumentando o ritmo respiratório e sanguíneo para carregar mais oxigênio, o que pode causar fadiga e tontura.

foco

Quando a saturação está abaixo de 90% surge a hipoxia, que, nos casos mais graves, pode levar à morte.

Como usar corretamente um oxímetro de pulso?

Esse método nada invasivo para medir a saturação do oxigênio no sangue (SpO2) é feito de maneira muito simples. No entanto, você deve ter em mente uma série de itens para que a medição seja realizada corretamente, já que detectar um nível abaixo do recomendado pelos profissionais da saúde pode ser algo de importância vital.

  • Em primeiro lugar, você deve limpar o sensor com um algodão ou algo similar.
  • Antes de colocar o oxímetro, lembre-se que suas unhas precisam estar limpas e sem restos de esmalte para que a medição não apresente problemas. Você deve ficar parado.
  • Não exponha o oxímetro à luz, seja ela natural ou artificial, logo antes de realizar a leitura do resultado.
  • Verifique se as suas mão não estão frias demais. Se esse for o caso, esfregue elas até que você alcance uma temperatura corporal mais adequada.
  • Coloque o aparelho no dedo para realizar a medição na altura da sua unha.
  • Espere alguns segundos até obter a leitura da saturação do oxigênio.

Critérios de Compra

Antes de comprar um oxímetro de pulso você deve ter em mente uma série de parâmetros que vão ajudar a deixar a sua decisão mais fácil. É provável que você não saiba quase nada sobre este aparelho, se esse for o caso te recomendamos refletir sobre uma série de características que vão te ajudar a tomar uma decisão acertada.

  • Tamanho
  • Precisão
  • Bateria
  • Auxílio técnico de pós-venda

Tamanho

A maioria dos modelos de oxímetro de pulso tem um tamanho padrão de 0,8 x 2,5 cm. No entanto, para você não ficar em dúvida na hora de escolher o tamanho, aconselhamos que você meça o seu dedo da ponta da unha até a parte onde ela começa, o eponíquio.

Com essa medida você vai poder checar também as medidas do oxímetro e não ter nenhuma surpresa na hora que o aparelho já estiver comprado.

Imagem de medição de dedo.

Os oxímetros de pulso de dedo são usados especialmente por pessoas com problemas respiratórios. (Fonte: Belchonock: 128232016 / 123rf.com)

Precisão

Pode apostar que, hoje em dia, todos os diferentes modelos de oxímetro de pulso estão em dia com a sua tecnologia. Ainda assim, você pode acabar preferindo por aqueles que te ofereçam mais funcionalidades, como ter um sinal para indicar quando o teste não está sendo realizado da forma correta. Assim, você vai poder se sentir seguro de que a leitura de dados do seu aparelho está correta.

Bateria

Você deve levar em conta o uso que pretende dar ao aparelho, já que não é a mesma coisa medir a saturação do oxigênio depois de fazer exercícios físicos do que depois de uma expedição por uma montanha. Por isso você precisa verificar se o melhor para você é ter pilhas ou baterias.

Leve em conta o tempo que o oxímetro vai ficar fora da sua base de recarga e decida qual das duas opções é a melhor para você.

Oxímetro em dedo.

O oxímetro é extremamente útil para esportistas que praticam atividades físicas em altitudes elevadas. (Fonte: Ramon Velasco Perez: 67173679 / 123rf.com)

Auxílio técnico de pós-venda

De maneira geral, estes aparelhos precisam passar por manutenção e serem recalibrados aproximadamente a cada dois anos. Por isso, aconselhamos que você verifique se o fabricante oferece este serviço ou não.

É bom verificar se o seu oxímetro foi validado por alguma instituição reconhecida.

Resumo

O oxímetro de pulso é um aparelho que permite a você medir o nível de saturação do oxigênio no sangue (SpO2) de uma maneira simples e indolor. Inicialmente um item de uso hospital, acabou se tornando muito popular entre pacientes com problemas respiratórios, esportistas e amantes de atividades em regiões elevadas. O oxímetro de pulso de dedo é o mais recomendado para uso doméstico.

Além disso, o oxímetro de pulso permite que um esportista realize a recuperação correta durante o seu treino. Segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde), os níveis ideais de SpO2 em um corpo sadio são entre 95 e 100%. Na hora de comprar um oxímetro é preciso que você leve em conta o uso que pretende dar a ele, para que você possa avaliar se é melhor escolher um modelo à pilhas ou à bateria.

Se você gostou desse artigo, deixe um comentário e compartilhe com os seus aminos nas redes sociais!

(Fonte da imagem destacada: Clickandphoto: 53130486 / 123rf.com)

Avalie esse artigo

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars
42 Voto(s), Média: 4,00 de 5
Loading...