RJ45

Atualmente é difícil imaginar-se em um mundo sem tecnologia. E um dos dispositivos mais importantes é a placa de rede, pois ela é a responsável pela comunicação de um computador em uma rede de computadores.

Elas permitem a conexão de dois ou mais computadores para que compartilhem dados, arquivos ou qualquer informação armazenada neles. Portanto, neste artigo, você poderá saber como elas funcionam, quais tipos existem e quais são as melhores do mercado.

O mais importante

  • Uma placa de rede é um dispositivo de hardware de computadores e servidores que possibilitam a interconexão entre eles. Elas permitem, dentre outras coisas, conexão com redes da Internet, compartilhamento de arquivos e a conexão entre um computador e uma impressora.
  • Uma placa de rede funciona através da conversão de sinais digitais em impulsos elétricos, que são decifrados pelo dispositivo receptor após a transmissão. O processo também pode ocorrer sem fio.
  • O fluxo de informações que circula graças à placa de rede é medido em megabits por segundo. Quanto maior seja esse número, maior será a quantidade de dados que podem ser transferidos.

As melhores placas de rede do mercado

É preciso observar diversos elementos de uma placa de rede antes de escolher o modelo ideal para você. Além da sua durabilidade, elas podem ser tornar obsoletas rapidamente devido à evolução tecnologica, por isso é preciso escolher com cuidado. Confira abaixo uma seleção de algumas das melhores placas de redes do mercado.

A melhor placa de rede wireless

Essa placa de rede possui uma excelente velocidade de até 300 Mbps e tecnologia MIMO com maior intensidade de sinal e cobertura wireless, oferecendo maior desempenho e estabilidade. Além disso, os padrões de criptografia WPA / WPA2 garantem que sua rede fique segura contra ameaças de invasores.

A placa de rede com o melhor custo benefício

Essa placa de rede possui um excelente custo benefício, pois ela oferece uma velocidade de até 150 Mbps e uma conexão sem fio que proporciona uma ótima experiência de navegação. Ela ainda possui uma antena destacável, que pode ser girada e ajustada em diferenter direções para caber em vários ambientes.

A melhor placa de rede com fio

Essa placa de rede com conector para cabo ethernet possui uma alta performance e velocidade, e é compatível com os sistemas operacionais mais conhecidos como Windows 10/8/7/Vista/XP, Linux, MacOS 10.2, dentre outros. Sua velocidade pode chegar a 1000 Mbps e pode ser ampliada para até 2000 Mbps com a sua função Full Duplex.

Guia de compras: O que você deve saber sobre uma placa de rede

Depois de saber quais são as melhores opções de placa de rede disponíveis, é importante que você saiba o que é importante observar nesse produto. Tentaremos explicar de maneira simples e compreensível os aspectos técnicos mais relevantes para que o usuário faça a melhor opção.

mulher consertando um computador

Uma placa de rede é importante para conectar um computador a uma rede de computadores. (Fonte: Auremar: 13841688/ 123rf.com)

O que é uma placa de rede?

Uma placa de rede é um dispositivo de hardware que funciona integrado a computadores ou servidores de Internet. Ela permite a comunicação entre eles, facilitando a troca de informações e arquivos.

A placa de rede também é conhecida por outros nomes, como adaptador de rede ou NIC, sigla para Network Interface Card. Elas geralmente funcionam conectadas a cabos de rede (Ethernet), embora também existam os modelos wireless, que permitem que você se conecte à Internet por Wi-Fi.

Que tipos de placa de rede existem?

Nos últimos anos, a placa de rede evoluiu para modelos wireless.Assim, uma conexão via cabo não é necessária e ela permite uma excelente velocidade de conexão, o que tem tornado esses modelos cada vez mais populares. Existem também outros dois tipos de placas de rede: Com fio (Ethernet) e fibra ótica.

As primeiras, com fio, são as mais comuns. Seu custo é reduzido e elas oferecem garantias de segurança no acesso a redes compartilhadas. Isso é fundamental, devido à vulnerabilidade que essas redes podem oferecer em determinadas circunstâncias. Os modelos com suporte à fibra ótica são os mais recentes, garantindo conexões ultrarrápidas.

homem no escritório

A placa de rede wireless tem se tornado cada vez mais popular.
(Fonte: Popov: 106206721/ 123rf.com)

Como funciona uma placa de rede?

Uma placa de rede funciona por meio de estímulos elétricos que são transportados através de um cabo, de um dispositivo para outro – no caso de uma placa de rede com fio. Esses impulsos são provenientes da conversão de sinais digitais pelos circuitos integrados na placa de rede. Assim, é produzida a tensão que envia o sinal.

Então, através de diferentes métodos de codificação esses sinais recebidos pela rede são convertidos em códigos binários para que o computador ou dispositivo receptor possa decifrá-los. Tudo isso ocorre em uma fração de segundo.

O que são os megabits e como eles interferem em uma placa de rede?

Um megabit é uma unidade de medida utilizada nos processos de transferência de dados. Sua importância deriva do impacto que eles têm no resultado final da transferência, afinal, quanto maior é o número de megabits por segundo, maior é o fluxo de informações.

Cada megabit por segundo é equivalente a 1000 kilobits por segundo e, contrariamente ao que se pensa, essa unidade não mede estritamente a velocidade da transferência, mesmo que a influencie diretamente. Se trata do fluxo de informações que viaja por cada unidade de tempo – segundo – de um dispositivo para outro.

engenheiro de computação

Uma placa de rede é um dispositivo de hardware integrado a um computador ou servidor de Internet. (Fonte: Goodluz: 37491034/ 123rf.com)

Uma placa de rede é compátivel com qualquer computador?

Nem toda placa de rede é compatível com qualquer computador. Em alguns casos, devido ao seu tamanho, pois cada uma tem suas próprias medidas, embora quase sempre seja devido à incompatibilidade com o sistema operacional do computador. Existem modelos, por exemplo, que funcionam apenas em Windows, e alguns que funcionam apenas com as versões mais recentes dos sistemas operacionais.

Casos de incompatibilidade também podem ocorrer entre a placa de rede e o roteador, por exemplo. Isso ocorre quando a placa de rede do nosso computador não é compatível com os protocolos e sinais mais avançados, o que pode acontecer nas conexões de alta velocidade por meio de fibra ótica.

O que é o IP e qual é a sua relação com a placa de rede?

Primeiramente, devemos definir o que é IP. Essa sigla significa Internet Protocol – em inglês – ou Protocolo da Internet – em português. O IP é basicamente um número de identificação da conexão de rede TCP / IP de um computador, tablet ou smartphone – e de qualquer dispositivo que esteja conectado à Internet.

Em outras palavras, ele individualiza e identifica cada dispositivo. Através da placa de rede podemos configurar esse IP e até criar outros para configurar várias redes de trabalho.

O que é o MAC e que relação tem com a placa de rede?

O MAC – Media Access Control, em inglês – é um identificador, assim como o IP, mas neste caso formado por 48 bits. Ele serve para identificar exclusivamente cada placa de rede de um dispositivo. Ao contrário dos IPs, eles não podem ser modificados, pois estão integrados à placa de rede desde a sua fabricação.

O MAC é usado exclusivamente no nível interno das redes, e, por isso, os usuários estão menos acostumados a lidar com ele, já que ele não é necessário para configurar, por exemplo, o acesso à Internet. Ele permite a transferência segura de arquivos e informações entre computadores. As tecnologias Ethernet, Wi-Fi e CSMA / CD utilizam o MAC.

Quais são as vantagens e desvantagens de uma placa de rede?

Como existem diversos tipos de placa de rede, é conveniente mencionar as vantagens e desvantagens oferecidas por cada uma delas. Por isso, confira abaixo quais são os prós e contras de uma placa de rede:

Tipo de placa de rede Vantagem Desvantagem
Wireless Conexão móvel

Muito comuns

Menos estabilidade

Menos velocidade

Mais inseguras

Ethernet Mais segura

Rápida

Estável

Física, não móvel

Necessidade de cabo

Fibra ótica Ultrarrápida

Ainda em desenvolvimento

Mais caras

Critérios de compra

Agora que você sabe um pouco mais sobre uma placa de rede, é fundamental que saiba quais são os critérios de compra que devem ser observados antes da sua aquisição. Confira abaixo quais são eles:

Compatibilidade

Nem toda placa de rede é compatível com qualquer dispositivo, e, portanto, é preciso garantir que ela tenha essa compatibilidade com o seu equipamento. A incompatibilidade ocorre, acima de tudo, em relação aos sistemas operacionais, como Windows, MacOS, Linux, dentre outros.

Além disso, não é preciso apenas observar o sistema operacional, mas também a sua versão. Por exemplo, muitos programas e placas de rede funcionam com o Windows 10, mas não com versões mais antigas, como Windows Vista ou XP. Portanto, tenha isso em mente antes de adquirir a sua placa de rede.

Gamer Girl

É fundamental verificar a compatibilidade antes de adquirir a sua placa de rede.
(Fonte: Roman Kosolapov: 104368106/ 123rf.com)

Objetivo

A transferência de dados, que, como dissemos, é medida em megabits por segundo, será mais rápida ou mais lenta, dependendo das características técnicas da sua placa de rede e do tipo de arquivo que pretenda transferir. Por exemplo, se quiser baixar vídeos da Internet, irá precisar de uma placa de rede mais potente.

Tipo de conexão

Existem três tipos de placa de rede dependendo da conexão que elas oferecem. Por um lado, a wireless, que permite a conexão através de redes Wi-Fi. Além dela, ainda existe a placa de rede Ethernet, que oferece maior segurança e a mais recente e mais rápida, a de fibra ótica.

Velocidade de transferência de dados

Conforme mencionamos anteriormente, esse valor é medido em megabits por segundo. Esse é um critério importante para quem necessita que a transferência de dados e arquivos entre os dispositivos ocorra da maneira mais rápida possível. Mas cuidado, caso a conexão disponível não tenha essa velocidade, não adianta comprar a placa de rede com maior velocidade.

Por isso, análise qual é a velocidade mais adequada de acordo com a conexão que você já tem na sua casa, e com a placa de rede que deseja adquirir. Da mesma forma, não faz sentido comprar uma placa de rede de fibra ótica para o computador, se a sua conexão não for de fibra ótica.

Protocolos de rede

Protocolos de rede são padrões que especificam o método ou a forma pela qual a troca de informações entre dispositivos ocorre. O mais comum de todos é o TCP / IP, embora existam mais, como o IPX / SPX.

Dependendo do protocolo de rede com o qual o sistema operacional trabalha, os requisitos técnicos da placa de rede serão diferentes. Portanto, é importante saber essa informação, principalmente se decidir comprar pela Internet ao invés de ir a uma loja física, pois não terá assistência de algum vendedor mais experiente no assunto.

Resumo

Neste artigo, tentamos mostrar alguns aspectos básicos de uma placa de rede, tanto do ponto de vista técnico quanto do ponto de vista das opções oferecidas pelo mercado. Esperamos que este guia de compras tenha sido útil para que você faça a melhor escolha possível.

Essa escolha não é fácil, pois envolve uma série de fatores. No entanto, com paciência para pesquisar com calma e seguindo nossas dicas, você certamente escolherá a melhor opção.

Se você gostou deste artigo, não deixe de compartilhá-lo nas suas redes sociais ou de deixar seus comentários.

(Fonte da imagem destacada:  Stieberszabolcs: 44505530/ 123rf.com)

Por que você pode confiar em mim?

Paula Testoni Engenheira de Softwares
Viajar pelo mundo da tecnologia é o que Paula sabe e ama fazer. Principalmente pela região onde habitam os hardwares e softwares. Além de arquitetar softwares para startups e médias empresas, tem tempo para escrever sobre as novidades da Informática que surgem desde o Vale do Silício até Shenzhen.