Motherboard

O conceito de placa mãe que conhecemos hoje foi criado nos anos 80 por Patty McHugh, engenheira da IBM. Seu desenvolvimento permitiu simplificar bastante a maneira como os diferentes componentes de um hardware interagem e facilitou também a melhoria do design dos computadores.

Hoje, uma placa mãe é um elemento indispensável nos computadores, já que o restante dos componentes está conectado a ela. Por isso também é muito importante que você adquira uma placa mãe que seja compatível e que ofereça opções de expansão caso você precise futuramente.

O mais importante

  • A placa mãe é um elemento fundamental dos computadores, uma vez que os demais componentes do equipamento estão conectados a ela como microprocessador, a placa de vídeo, o monitor, o teclado, dentre muitos outros.
  • Ao escolher uma placa mãe, primeiro você precisa se certificar de que ela é compatível com o processador que você vai instalar. Neste caso, é preciso levar em conta o fabricante, e o modelo do processador.
  • É importante que você esteja familiarizado com as características de uma placa mãe para escolher a melhor para o seu computador. Portanto, é essencial que você conheça elementos como o chipset, os slots da memória RAM e as portas de conexão, pois esses serão alguns dos Critérios de Compra.

As melhores placas mãe: Nossas sugestões

Para escolher uma boa placa mãe para o seu computador, é preciso que você saiba quais são alguns dos melhores modelos disponíveis no mercado atualmente. Por isso, confira a lista abaixo.

A melhor placa mãe para jogos

Essa placa mãe é, sem dúvidas, um dos melhores modelos disponíveis no mercado para games. Ela foi lançada para ter compatibilidade com os processadores de 9ª geração da Intel, e já vem de fábrica liberada para overclock. A fabricante dela, a Aorus, é conhecida no mercado por escolher os melhores componentes para os seus produtos, e por isso essa placa mãe tem uma alta durabilidade.

A placa mãe com o melhor custo benefício

A Asus é uma excelente fabricante, e por isso essa placa mãe é uma ótima escolha. Como ela possui um custo um pouco mais baixo, você encontrará algumas limitações no seu uso. No entanto, ela é fabricada com componentes de alta durabilidade e possui estabilidade para longas sessões de jogos. Essa placa mãe também possui o software Fan Xpert 2+, que é capaz de controlar as ventoinhas do sistema, para um melhor controle de refrigeração.

A melhor placa mãe para o dia a dia

Essa placa mãe é uma excelente opção para quem deseja adquirir um produto de qualidade para usar no dia a dia, seja no trabalho ou em casa. Ela possui capacitores sólidos e áudio HD 5.1 canais. Além disso, ela possui uma estabilidade reforçada para suportar tarefas que exigem bastante capacidade do sistema.

Guia de Compras: O que você deve saber sobre a placa mãe

Se você precisar comprar uma placa mãe, é essencial considerar uma série de questões importantes. Afinal, existe uma grande variedade de modelos diferentes, projetados para diferentes perfis de usuário. Portanto, nesta seção, tentaremos esclarecer as principais perguntas que você possa ter sobre uma placa mãe.

Placa mae

Podemos considerar que a placa mãe é como se fosse a coluna vertebral de um computador.
(Fonte: Andor Bujdoso: 65640951/ 123rf.com)

Quais são as razões para comprar uma placa mãe?

As razões pelas quais você pode precisar comprar uma placa mãe são principalmente três: Para substituir a placa mãe do seu computador e melhorar o seu desempenho, para substitui-la porque está danificada ou para montar um novo computador.

De qualquer forma, antes de escolher uma placa mãe, é importante que você decida quais características são importantes para você. Se optar por uma placa mãe com componentes duráveis, é provável que o investimento seja maior, o que eventualmente acabará valendo a pena, já que ela terá uma menor probabilidade de dar problemas.

Mujer trabajando

Antes de comprar uma placa mãe observe se os componentes dela são duráveis. (Fonte: Scanrail: 85043449/ 123rf.com)

Quais são as vantagens de comprar uma placa mãe para montar seu computador?

É muito vantajoso montar um computador, pois costuma ser mais barato do que o equipamento que já vem montado. Além disso, isso permite escolher quais componentes você deseja instalar no seu computador e investir mais naqueles que você considera mais importantes de acordo com o uso que fará dele.

Você também pode tirar proveito de algum componente do seu computador antigo ou comprar um item usado.

foco

Projetar seu próprio PC requer um conhecimento mínimo sobre hardware e muita pesquisa para encontrar os componentes certos e compatíveis.

Quais são os elementos básicos de uma placa mãe?

Uma placa mãe possui alguns elementos básicos, como o conector ATX, os slots da memória RAM, os slots de expansão PCI e PCI Express, os conectores dos drivers de armazenamento, os conectores PS / 2, conectores gráficos, bateria CMOS, portas USB e de rede, BIOS e chipset, conforme você poderá conferir abaixo:

  • Conector ATX: Através dele a energia principal chega até a placa mãe.
  • Slots de memória RAM: Em geral, para desktops, há entre dois e oito slots. No caso de uma placa mãe para laptop, essa costuma ser a única parte dela que inclui opções de expansão.
  • Slots de expansão PCI e PCI Express: É usado para adicionar novos componentes ao dispositivo, como placas de vídeo ou placas de som. Os slots PCI já não são tão comuns, por isso não é muito fácil encontrá-los.
  • Conectores dos drivers de armazenamento: É aqui que estão conectados discos rígidos, unidades SSD, DVD players, gravadores, dentre outros.
  • Conectores PS/2: Para conectar os teclados e o mouse.
  • Conectores gráficos: São usados para conectar os monitores. É possível encontrá-los do tipo DisplayPort, HDMI, DVI e até VGA.
  • Portas USB: Nessas portas podem ser conectados o mouse, impressoras, pen drives ou discos rígidos externos.
  • Portas de rede: Os cabos Ethernet conectam-se a elas para dar acesso a uma rede com fio.
  • BIOS (Basic Input/Output System, em inglês): É um chip que fica localizado nas bordas da placa mãe e que é responsável pela execução de diversas tarefas.
  • Chipset: É composto por um conjunto de pequenos circuitos, responsáveis pela coordenação do fluxo de dados.
  • Bateria CMOS (Complimentary Metal Oxide Semiconductor, em inglês): É uma bateria de lítio que fornece a energia necessária para alimentar o BIOS.

Quais formatos de placa mãe existem?

Atualmente uma placa mãe possui dezenas de formatos diferentes e cada um foi projetado para um tipo de computador. Os três mais comuns são: o ATX, o micro ATX  e o mini ITX. Preparamos uma tabela completa explicando suas principais características.

Naturalmente, quanto maior o tamanho da placa mãe, mais conectores e possibilidades de expansão ela terá. Portanto, preste atenção na tabela abaixo:

ATX Micro ATX Mini ATX
Dimensões 305 x 244 mm 244 x 244 mm 170 x 170 mm
Uso Seu uso é muito variado, por isso ela pode ser usada para computador gamers, equipamentos de escritório ou de casa Normalmente são utilizadas em computadores de escritório Elas são fabricadas para os mini PCs, para caixas registradoras e para qualquer outro equipamento de pequenas dimensões
Slots Possui até sete slots de expansão e quatro slots para memória RAM Eles geralmente têm cinco slots de expansão e até quatro slots de memória RAM Possui um slot de expansão e dois slots de memória RAM
Vantagens Como possuem uma área de superfície maior para circuitos integrados, possuem um número maior de slots de expansão para os componentes São mais baratos que o ATX Permitem a montagem de computadores com dimensões menores

Por que é importante que sua placa mãe permita realizar overclock?

Você já deve ter ouvido falar de overclock. Essa é uma prática que pode ser executada no processador, na memória RAM e na placa de vídeo. O que se busca com esta técnica é aumentar a velocidade do relógio ou a frequência de trabalho de um componente.

O que é alcançado com isso é um aumento no seu desempenho e velocidade. No caso dos processadores, a Intel e a AMD já possuem uma tecnologia que permite que sua frequência seja aumentada automaticamente. Para executar essa prática, é importante que o processador e a placa mão sejam desbloqueados e permitam o overclock.

Herramientas y placa

Na atualidade, uma placa mãe pode ter inúmeros formatos diferentes. (Fonte: Lightfieldstudios: 105705626/ 123rf.com)

Critérios de Compra

Quando se trata de adquirir uma placa mãe, é importante considerar alguns Critérios de Compra. Para tornar o processo de escolha mais fácil, selecionamos os que consideramos mais importantes abaixo.

  • Formato
  • Qualidade dos circuitos
  • Chipset
  • Placa de vídeo
  • Conexões

Formato

Ao escolher o formato, você deve levar em consideração o uso que fará da placa mãe e se precisará fazer alguma expansão dela no futuro. Inicialmente, exceto para usos muito específicos, você deve optar pelos formatos ATX ou micro ATX, que são bastante flexíveis e oferecem opções de expansão.

As placas ATX são compatíveis com praticamente qualquer modelo de PC. Já o formato micro ATX é ideal se o seu orçamento for mais limitado. Para montar um computador com refrigeração líquida, com várias placas de vídeo, e outros componentes avançados, os formatos XL-ATX e E-ATX são os mais adequados para você.

Ingenieros

O chipset é um conjunto de componentes eletrônicos que gerencia o fluxo de dados. (Fonte: Andor-Bujdoso: 65640951/ 123rf.com)

Qualidade dos circuitos

A qualidade de fabricação da placa influencia tanto o bom funcionamento dos demais componentes do computador, quanto a vida útil do equipamento, daí a sua importância. No caso de o equipamento ser usado para tarefas básicas de escritório, você não precisa de uma placa mãe que possua capacitores e circuitos que ofereçam alto desempenho.

Caso você precise realizar tarefas pesadas com o computador, o overclock será necessário. Nesse caso, é essencial que você opte por uma placa mãe que possua circuitos de alta qualidade. Por possuírem um sistema mais avançado nesses casos, o preço também costuma ser maior.

Chipset

O chipset serve como controlador do fluxo de dados na placa. Além disso, ele determina quais componentes são compatíveis com a placa mãe. Existem chipsets compatíveis com processadores Intel ou com AMD. A seguir, confira uma lista com alguns dos melhores deles.

  • Intel B360: Chipset sem capacidade para overclock ou suporte para RAID, embora suporte unidades SSD. Ideal se você deseja montar um computador econômico.
  • Intel H370: Ele também não tem a capacidade de realizar overclock, mas possui suporte para unidades RAID e SSD. É usado em placas mãe econômicas.
  • Intel Z390: Permite overclock. É indicado para equipamentos de jogos de última geração. É aconselhável montar em processadores da faixa K, bem como em memórias RAM de 4.500 MHz e inferiores.
  • Intel X299: Especialmente indicado para trabalho ou para computadores que executam tarefas exigentes.
  • AMD A320: Não permite overclock ou várias placas de vídeo. Projetado para os equipamentos mais baratos.
  • AMD B450: Aceita overclocking e várias placas de vídeo. É uma opção particularmente interessante para computadores gamers.
  • AMD X470: Projetado para equipamentos de jogos de última geração. Ele suporta overclock e várias placas de vídeo.
  • AMD X399: O chipset AMD mais avançado. Projetado para quem deseja ou precisa de equipamentos muito potentes.

Placa de vídeo

Primeiramente, você precisa se certificar de que a placa mãe que você comprar é compatível com a sua placa de vídeo. Além disso, caso esteja pensando em instalar duas ou mais placas de vídeo para melhorar o desempenho do seu computador, especialmente para jogar games, é essencial garantir que ela suporte a instalação de mais de uma placa de vídeo.

Normalmente, nesse caso, o fabricante geralmente indica isso expressamente. SLI (Scalable Link Interface, em inglês) é o sistema Multi GPU para placas de vídeo Nvidia, enquanto Crossfire é o sistema correspondente para placas de vídeo ATI / AMD.

Conexões

Como a placa mãe é o centro das conexões de um computador, é fundamental que você verifique se ela oferece todas as conectividades que você deseja. Também é recomendável que você verifique o número e o tipo de conectores SATA disponíveis.

Você também deve considerar o número e o tipo de portas USB que possui.

Obviamente, você também deve considerar o número e o tipo de portas USB que possui, o tipo de conectores de áudio e vídeo que possui e se ela vem com conectividade Wi-Fi e Bluetooth. No caso de portas USB, convém que algumas delas estejam na frente da placa. E, claro, não se esqueça das portas PCI Express.

Resumo

Para montar um computador, a escolha da placa mãe é decisiva na configuração do restante do equipamento. Se, pelo contrário, o que você precisa é substituir a placa mãe, ela terá que se adaptar aos componentes que você já possui.

Portanto, para fazer a escolha certa, você deve levar em consideração o formato da placa mãe, o slot, o chipset, as conexões, a qualidade dos circuitos e o tipo e número de placas de vídeo que ela aceita. Além disso, é preciso considerar também a possibilidade de expansão.

Se esse Guia de Compras foi útil para você, não esqueça de deixar seu comentário ou de compartilhá-lo nas suas redes sociais.

(Fonte da imagem destacada: bee32: 72668634/ 123rf.com)

Por que você pode confiar em mim?

GUIA55
GUIA55
Redação
Os redatores do GUIA55 realizam pesquisas aprofundadas e escrevem artigos altamente informativos e de qualidade sobre os mais variados temas do seu interesse.

Avalie esse artigo

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars
45 Voto(s), Média: 4,02 de 5
Loading...
4.02 45