A foto mostra uma mão segurando um celular com a tela quebrada
Ultima atualização: 13 de maio de 2021

O celular já se tornou um item a mais do nosso corpo. É muito difícil alguém ir a algum lugar sem ter ele por perto, não é mesmo? No entanto, o que você vai fazer se ele estragar ou for roubado? Um seguro para celular pode ser uma excelente opção!

Seja muito bem-vindo ao nosso portal! Neste artigo nós vamos tirar todas as suas dúvidas a respeito do seguro para celular. Será que ele é realmente necessário? Qual a diferença entre o seguro e a garantia estendida? Como ele funciona?

Continue a leitura para saber mais!




Primeiro, o mais importante

  • Leia atentamente a apólice do seu seguro. A maioria delas não cobre situações como pane elétrica e furto simples. Atenção aos seguros que possuem carência.
  • Existem seguros que vão reembolsar o valor do aparelho contratado. Outros vão te dar um aparelho igual ou equivalente.
  • Os seguros para celular podem ser contratados de forma mensal ou anual.

Os melhores seguros para celular: nossas recomendações

Guia de Contratação: o que você precisa saber sobre seguro para celular

A cada 100 brasileiros, pelo menos 99 possuem celular (1). Os dados são da Anatel, a Agência Nacional de Telecomunicações. Em alguns estados, a média sobe para mais de um por pessoa.

Com tantos aparelhos em circulação, acabam surgindo alguns problemas, como: roubos, quedas, danos por água, entre outros. Para amenizar esses problemas, muitas pessoas recorrem ao seguro para celular. Mas, será que é realmente válido contratar um?

Confira a resposta para esta e muitas outras dúvidas a partir de agora com o nosso Guia de Contratação. Veja:

Garoto segura celular com a mão e bate selfie em frente à ponto turístico

Mais de 100 milhões de celulares já foram roubados ou furtados no país, segundo Mobile Time (2). Por isso a importância do seguro para celular. (Fonte: Dmitriy Tyukov/ Unsplash.com)

Como funciona o seguro para celular?

O seguro para celular funciona da mesma forma do que um seguro para o carro ou um seguro para a casa. Ou seja, caso aconteça alguma eventualidade com o celular, e esta eventualidade estiver prevista em contrato, o seguro para o celular garantirá o ressarcimento ao segurado.

Ressarcimento

Fique atento ao seu contrato do seguro para celular. Veja se existe taxa de franquia para acionar o seguro, período de carência e se ele cobre a situação que acabou de acontecer com o seu celular. Esses são critérios importantes na hora da escolha que falaremos logo mais.

O ressarcimento pode acontecer de duas maneiras:

  • Novo aparelho ao segurado. A seguradora paga ao usuário um novo aparelho do mesmo modelo ou equivalente. Ele pode ser novo ou seminovo, de acordo com as especificações da apólice.
  • Reembolso financeiro. Nessa situação o segurado recebe o valor em dinheiro. Mas quanto ele vai receber? Sabe a tabela Fipe? Ela baseia o valor dos carros, né? Com os celulares, o que funciona como tabela Fipe é o valor de mercado de um aparelho idêntico, só que seminovo. Vamos supor que o seu aparelho já tenha um ano de uso. Não seria justo você receber o valor de um celular zerado, não é mesmo?

Quais as vantagens de investir em um seguro para celular?

Como estamos falando de um produto de alto valor, com grandes chances de degradação, um seguro se faz necessário.

Já pensou se você parcelou em diversas vezes o seu celular e ele é roubado? Ou então se ele para de funcionar após uma queda e você precisa mandar para o conserto? Imagine o quanto você não vai gastar nessas situações?

Com um bom seguro para celular, você pode ficar tranquilo em relação a tudo isso, pois caso essas coisas aconteçam você está resguardado.

Mas atenção! Você precisa entender muito bem o contrato que assinou para não ter dores de cabeça no futuro.

Por exemplo: a maioria das seguradoras não cobre furtos simples, que é quando o celular é levado sem você perceber. O que elas anunciam como cobertura de roubo e furto, geralmente quer dizer de roubos ou furtos qualificados. Ou seja, quando aconteceu o fato acontece com alguma violência.

Portanto é sempre muito importante você estar atento a apólice que assina.

Veja a seguir as vantagens e desvantagens:

Vantagens
  • Protege de roubo, quebra danos com líquido
  • Agilidade na hora de adquirir um novo aparelho
  • Diminui os custos
  • Pagamento parcelado
  • Pacotes para todos os bolsos
Desvantagens
  • Pacote desejado pode ser muito caro
  • Seguradora pode não cobrir tudo o que o cliente deseja
  • taxa de franquia alta

O que o seguro para celular cobre?

Veja a seguir o que a maioria das seguradoras para celular oferece aos usuários. A maioria cobre apenas roubo e furto qualificado. Algumas não cobrem queda do celular na piscina e outras podem até deixar de cobrir quando ele quebra.

Confira as coberturas mais comuns:

  • Quebra: lembre-se de ler no contrato o que a seguradora quer dizer com “quebra do celular”. Em muitos casos a quebra é apenas para danos acidentais. Ou seja, em um acidente de carro, uma explosão ou algo do tipo. Muitas não realizam a cobertura caso você deixe o celular cair no chão sem querer, por exemplo.
  • Roubo: quando você sofre algum tipo de violência e tem o celular levado.
  • Furto qualificado: vamos supor que o celular estava em sua mala de bordo que foi violada durante uma viagem. Nesses casos o seguro cobre. Como já citamos anteriormente, a maioria não cobre caso você esqueça em cima da mesa de um restaurante, por exemplo.
  • Danos com líquidos: o aparelho caiu na privada ou piscina? Alguns seguros cobrem, outros não cobrem. Mais uma vez afirmamos: olhe na apólice.

O que os seguros normalmente não cobrem?

  • Quando ele deixa de funcionar de repente.
  • Perdeu ele e não sabe onde está? É bastante difícil encontrar coberturas nesses casos.
  • Furto simples: quando alguém leva o seu celular sem você perceber.

Qual a diferença entre seguro para celular e garantia estendida?

Existem pessoas que acham que os dois é a mesma coisa e logo que compram o celular estendem a garantia do mesmo. No entanto, são produtos distintos. O seguro de celular você sabe o que oferece, pois nós falamos até agora.

Já a garantia estendida, dobra o tempo de garantia, após a do fabricante expirar. No caso de garantia estendida, situações como pane elétrica ou falhas estão garantidas. No entanto, caso ocorram quebras, roubo ou perda, a garantia não cobrirá.

Mulher em uma cafeteria mexendo no celular

Não se esqueça de ler atentamente todos os detalhes do seguro antes de contratá-lo. (Fonte: Andrea Piacquadio/ Pexels.com)

Critérios de Contratação: Como escolher o seguro para celular ideal

Existem alguns detalhes bastante importantes que você deve levar em consideração na hora de escolher o seguro para celular ideal.

Conheça quais são esses critérios de contratação a partir de agora. Veja!

Carência

Você encontrará no mercado seguradoras que exigem um tempo mínimo de carência para o plano do seguro entrar em vigor. Os prazos de carência mais comuns são os de 30 dias. Isso quer dizer que mesmo pagando pelo seguro durante esse período, você não pode acioná-lo.

É por isso que batemos tanto na tecla de você analisar minuciosamente a sua apólice. Você não vai querer ser surpreendido, não é mesmo?

Fidelidade

O mercado costuma oferecer duas categorias de fidelidade aos clientes. Os planos de vigência mensal e os de vigência anual. Decida qual é a melhor para você:

No plano mensal, o contrato é renovado mês a mês.Essa é uma boa opção para quem não deseja gastar o limite do cartão com as 12 parcelas do plano anual.

Além disso, é possível parar com o seguro no mês que quiser, sem ter problemas de multa.

Existe também o plano anual. São 12 meses de seguro, com possibilidade de multa caso seja cancelado o serviço.

Taxa de franquia

Este é um dos critérios mais importantes a se levar em consideração. Quando você acionar o seguro, quanto você vai pagar por isso? A média das seguradoras fica em 25%. Isso quer dizer que se o seu celular custou R$3.000,00, a sua taxa para acionar o seguro será de R$750,00.

No entanto, existem seguradoras que não cobram taxa de franquia.

Basta você pesquisar.

Cobertura

Esse critério não poderia faltar, não é mesmo? Falamos tanto dele no artigo, porque ele é o mais importante. O que estará incluso na cobertura do seu seguro? Conheça muito bem as suas necessidades e decida quais você vai querer.

É claro que quanto maior for a cobertura, maior será o valor do seu seguro.

Resumo

Um seguro para celular é uma ótima opção a ser levada em conta, principalmente para quem possui celulares mais caros. No entanto, como você viu ao longo do artigo, é de extrema importância você ler atentamente a apólice oferecida antes de assiná-la.

Existem situações específicas, como pane elétrica e furtos simples, que podem não estar previstas no contrato. Além disso, existem seguradoras que possuem taxa de carência e franquia elevadas. Lembre-se: são esses detalhes que devem fazer a diferença na hora de escolher o seguro ideal para você. Boa escolha!

(Fonte da imagem destacada: Buthsakon Lojanaparb/123rf.com)

Referências (2)

1. Dados da Anatel - Agência Nacional de Telecomunicações
Fonte

2. Dados de celulares roubados ou furtados no Brasil.
Fonte

Por que você pode confiar em mim?

Site
Dados da Anatel - Agência Nacional de Telecomunicações
Ir para a fonte
Site
Dados de celulares roubados ou furtados no Brasil.
Ir para a fonte
Resenhas