Imagem de serra elétrica com madeira ao lado.

Se você está nesse momento em um processo de pesquisa sobre serra elétrica para fazer pequenos reparos em seu jardim ou outros trabalhos domésticos, esse é seu momento de sorte. A jardinagem e a horta urbana estão na moda e para ajudar nos cuidados delas são precisas  ferramentas adequadas, pois, em algum momento deve-se podar e cortar os galhos ou construir novos vasos.

A serra elétrica é uma ferramenta muito versátil, não é algo ideal apenas para seu jardim, como também pode ser utilizada em projetos de bricolagem e reparos domésticos. Existe uma enorme variedade de serras elétricas no mercado e com diferentes tipos de corte. Escolher a melhor não é nada simples, e para lhe ajudar, foi elaborado esse Guia.

O mais importante

  • Existem serras elétricas a motor (e cabo) e outras a bateria de lítio. As de motor são de maior potência, mas precisam de uma maior manutenção.
  • A serra elétrica é um equipamento pesado e muito completo. É importante ficar atento as instruções e respeitar todas as medidas de segurança para evitar acidentes.
  • Embora as RPM (rotações por minuto) e a potência influencie, o que determinará que tipo de material poderá cortar com sua serra, será o tipo de lâmina que terá em mãos.

Ranking: Os melhores modelos de serra elétrica do mercado

No mercado você facilmente encontrará uma ampla oferta de serras elétricas: de bancada, circular, de sabre ou tico tico. Cada tipo de serra possui usos muito específicos e características próprias. Para lhe ajudar a escolher a mais adequada, foram selecionados os cinco melhores modelos de serras elétricas do mercado.

1º – Stanley STSC1718-B2

A serra elétrica circular da Stanley abre muito bem essa lista. Prometendo muita robustez com seu disco de 18 dentes de carboneto de tungstênio e 1700 W de potência, essa máquina é ideal para cortar madeiras, acrílicos e plásticos, de densidades variadas.

Por ser muito potente e usar energia elétrica, uma desvantagem é não ser flexível para ser conduzida para muitos locais. Porém, se você pretende trabalhar com ela em uma só zona, certamente essa serra é uma ótima compra.

2º – DeWalt Serra Elétrica Tico Tico

A serra elétrica tico tico é uma das mais usadas e queridas pelos usuários e esse modelo DW300BR da Dewalt vem para arrebatar corações. Ele possui engate rápido para lâminas de qualquer tipo, luz LED para iluminar o ponto de corte, sapata com paradas nos ângulos 15°, 30° e 45°, e soprador de pó, evitando que esse fique acumulado atrapalhando o procedimento.

Além disso, a máquina tem um sistema de contrapeso que reduz a vibração, controle de velocidade variável e uma potência de 500 W.

3º – Makita Serra Elétrica Mármore

Mostrando o quão útil e poderosas as serras elétricas podem ser, a Makita resolveu também produzir as serras que cortam especialmente mármore e outras pedras. Com 13.800 RPM, potência de 1.300 W e pesando 3.7 kg, essa máquina opera muito bem esse serviço tão pesado.

Apesar de ser compacta e robusta, oferecendo até mesmo uma certa flexibilidade no uso, essa serra tem base fixa, resumindo seu uso apenas em cortes em ângulos de 90 graus.

4º – Vonder Serra Elétrica de Esquadria

A Vonder é mais uma das ótimas marcas fabricantes dos mais diversos tipos de serras elétricas e faz muito sucesso no mercado com esse seu modelo de esquadria. Indicada para cortes de madeiras, ela possui uma base giratória de 45 graus para ambos lados e botão de regulagem para inclinação da cabeça de corte.

Já vem com uma morsa instalada em sua base e apoios laterais, facilitando a fixação e corte de tamanhos maiores de madeira. O seu cabo emborrachado oferece uma ótima ergonomia para o usuário.

5º – Makita Serra Elétrica Sabre

Para finalizar a lista, nada melhor do que um outro modelo extremamente útil de serra. Com sua potência de 1010 W e golpes por minuto de 0 – 2.800, essa sabre é ideal para cortar madeiras, seus derivados e aço.

Devido seu formato, esse modelo é bastante flexível e possível de adequá-lo às diferentes angulações. Além disso, ele possui velocidade variável e ótimos benefícios de segurança.

Guia de Compras: O que você deve saber sobre a serra elétrica

Se você está pensando em comprar uma serra elétrica, é recomendado que tenha em mente certos aspectos da ferramenta para que possa escolher um modelo de boa qualidade. Para adquirir a melhor, deve conhecê-las a fundo, saber quais tipos de serras existem e quais são suas principais características.

Imagem de homem utilizando serra.

Quando realizamos trabalhos de corte em madeiras ou metais é necessário utilizar ferramentas que proporcionam muita potência. (Fonte: Anna Bizoń: 37543759 / 123rf.com)

Qual tipo de serra elétrica necessito?

A serra elétrica é um equipamento básico e indispensável para a bricolagem e para muitos outros trabalhos profissionais. Com o passar dos anos foi adquirindo cada vez mais importância porque facilita muito o trabalho, anteriormente feito com serras manuais. Mas, para escolher o tipo de serra elétrica que precisa é essencial saber primeiro que tipo de material deseja cortar.

A serra elétrica foi se especializando cada vez mais com o passar tempo e hoje em dia existe uma variedade enorme de opções no mercado. De acordo com a atividade que necessita realizar, há diferentes serras que você pode escolher. A seguir, uma lista foi preparada para explicar mais detalhadamente para quais finalidades servem os mais diferentes tipos de serra elétrica.

  • Serra tico tico: São perfeitas para cortar madeiras e plásticos. Com a lâmina e o motor adequado poderá cortar metais, ladrilho, gesso, cerâmica ou vidro.
  • Serra de poda: Perfeitas para trabalhos de jardinagem. Também podem cortar madeira, limar, remover ferrugem e escovar materiais macios.
  • Serra de cinta ou de marchetaria: Ideal para cortes finos em materiais de pouca espessura. São as substitutas das antigas serras de marchetaria.
  • Serra circular: São equipamentos fabricados, especialmente, para trabalhos profissionais. São mais complexas e perigosas. Realizam grandes cortes em qualquer tipo de material, duro e mole, desde plásticos até metais. Podem realizar cortes paralelos e chanfrados.
  • Serra fita “tandem”: A serra elétrica mais precisa de todas. Graças a potência de seu motor pode cortar todo tipo de material. É muito utilizada para cortar concreto.
  • Serra de sabre: Para realizar cortes pequenos em superfícies irregulares. Ideal para jardinagem, cortar tubos de metal ou plástico, para vigas e ripas de madeira, para PVC e gesso.

Serra elétrica a motor ou bateria?

A serra elétrica a motor é mais potente e suas opções variam entre 1600 e 2200 W. Por outro lado, necessita uma maior manutenção, pois, é preciso sempre encher o depósito de lubrificante e limpá-la bem após cada uso. É fácil de usar, mas também é preciso conectá-la a tomada, prejudicando um pouco a mobilidade.

As serras alimentadas por baterias possuem potências que variam de 18 a 36 W. Precisam de menos manutenção do que as de motor, mas são muito menos potentes. Por não possuírem cabos, permitem trabalhar com uma maior autonomia e flexibilidade. São ideais para cortar plásticos e madeiras macias de até 15 cm de diâmetro.

Qual a potência de uma serra elétrica?

Como foi relatado há pouco, a potência de uma serra elétrica depende de diversos fatores. Em primeiro lugar, do motor. A serra a motor é mais potente que a de bateria. Em segundo lugar, o tipo de serra define em grande medida a potência. As serras circulares e as de mesa são muito potentes e as tico tico são bem menos.

Escolha uma serra elétrica adequada para o material ou o trabalho que está pensando em realizar. Como sempre, não é necessário que você acabe pagando mais caro por algo que supera suas necessidades e que não lhe faria falta. Por exemplo, para trabalhos domésticos ou de bricolagem, a melhor escolha é uma serra tico tico e não uma de cinta ou circular. A seguir, a tabela lhe mostrará as diferentes potências de acordo com o tipo de serra.

Tipo de serra Potência média (em W)
Serra tico tico Entre 400 e 700 W
Serra circular Entre 1.100 e 1.600 W
Serra de sabre Entre 500 e 900 W
Serra de mesa Entre 1600 e 2200 W

Quais tipos de serra elétrica existem e quais são suas características?

A serra elétrica foi e ainda é uma ferramenta em constante evolução. Hoje em dia, se pode encontrar uma grande variedade de serra elétrica de acordo com o tipo de material que deseja cortar e o tipo de trabalho que pretende fazer. Cada trabalho requer uma ferramenta especializada e as serras foram se adaptando às mais diferentes exigências e características.

No geral, a serra elétrica serve para realizar cortes, mas isso não quer dizer que uma serra circular tenha a mesma serventia que uma serra de sabre. Para que finalmente consiga compreender os diferentes tipos de serras e suas características, foi elaborada essa tabela comparativa:

Tipo de serra Usos Características
Serra tico tico Cortes pequenos

Materiais macios: PVC, plástico, madeira

Permite realizar cortes arredondados e com mudanças de direção

A lâmina marcará a profundidade do corte

Inclui reguladores de velocidade

Permite o corte com mitra ou chanfrado

Alguns modelos possuem uma função de sopro para limpar o pó

Serra circular Precisa ser apoiada sobre uma superfície

Indicada para cortes retos e chanfrados

Cortam plástico, alumínio, madeira e metal

Dispõem de uma maior potência que o resto das serras

Os modelos profissionais cortam metais grossos e duros

Se pode regular a profundidade de corte

Se pode alterar o ângulo de corte

Possui um sistema de correia e um visor de linha de corte

Alguns modelos usma lâmina de abertura para evitar que as partes cortadas se fechem novamente

Serra de sabre Indicada para cortes pouco profundos

Ideal para materiais cilíndricos e irregulares

Utilizada em construção e jardinagem

Corta madeira, PVC e metal

A serra se apoia no material a ser cortado, portanto, o peso da ferramenta é muito importante

É mais ergonômica

Dispõe de um regulador de velocidade em forma de gatilho

O motor e a lâmina de corte são responsáveis por indicar a espessura total dos materiais a serem cortados

Serra de mesa Maior potência. O material se desliza sobre a mesa em direção a lâmina de corte

Materiais muito duros e resistentes

Metais grossos, madeira, plástico e PVC

Existem diversos tipos de serra de mesa

Ocupa mais espaço

É um modelo profissional, mais caro

A serra de cinta é ideal para cortes finos, enquanto a de disco é perfeita para materiais resistentes e grossos

Que tipo de benefício devo buscar em uma serra elétrica?

Uma vez que tenha claro o tipo de serra elétrica que vai escolher, você deve passar para o próximo passo: os detalhes do produto. A não ser que seja um especialista, você vai precisar entender o que faz uma serra elétrica ser melhor que uma outra. Para lhe ajudar a compreender todos os benefícios de cada serra é preciso olhar para a próxima tabela:

Questões a serem consideradas Resposta
Qual espessura de corte você usará com mais frequência? A espessura dos materiais a serem cortados definirá a potência e a espessura também da lâmina. Quanto maior espessura, maior potência
Com que frequência usará sua serra elétrica? Uma serra para trabalhar diariamente necessita de mais potência e isso é mensurado em cavalos ou W
Fará cortes chanfrados? Se pensa em realizar cortes chanfrados ou mitrados, será necessária uma serra tico tico ou uma a disco. As serras circulares de mesa também podem ajudar nesse processo, mas são muito mais caras
Você vai cortar sempre em um mesmo local ou precisa de dinamismo? Se você pensa em utilizar sua serra elétrica para cuidar do jardim ou da horta, deverá escolher um modelo a bateria e que te permita certa liberdade de movimentação. Se a deseja para tarefas domésticas, pode escolher uma com cabo de força

Uma serra elétrica ocupa muito espaço em casa?

Embora não pareça, essa é uma pergunta de muita importância para a hora de comprar uma serra elétrica. Onde vai guardá-la? Possui um armário para as ferramentas? Necessita de um modelo compacto? A serra elétrica é uma ferramenta de tamanho razoável, por isso deve saber muito bem o quanto de espaço disponível dispõe.

As serras a disco ou as de sabre são grandes e protuberantes, necessitando contar com um bom espaço para serem armazenadas. Por outro lado, uma tico tico cabe em qualquer lugar. Porém, se espaço não é um problema e você deseja uma ferramenta profissional, então escolha uma serra de mesa que possa ficar em sua oficina, sempre pronta para o trabalho.

Imagem de mulher trabalhando com serra, cortando madeira.

Alguns modelos de serras elétricas, em especial as serras tico tico e as de sabre, dispõem de sistemas de reposição rápida de lâmina. (Fonte: Jozef Polc: 91720598 / 123rf.com)

Como se usa uma serra elétrica?

Quando realizamos trabalhos de corte sobre madeiras ou metais é necessário usar ferramentas que proporcionam muita potência para que as realizações fiquem limpas e com uma boa qualidade. A serra elétrica conta com uma variedade de discos e lâminas para se adaptar às mais variadas necessidades. A seguir, será explicado passo a passo como utilizar uma serra elétrica.

  • Leia as instruções de uso: A serra elétrica é um equipamento complexo e com muitos componentes. É importante que os conheça e que entenda para que serve cada um deles antes de colocá-la para funcionar. Estudar as instruções do fabricante te ajudará a se familiarizar com o equipamento e suas partes, com os cuidados que precisam e as medidas de segurança necessárias.
  • Realizar os cortes: Para começar com os cortes, você deve apoiar o material sobre uma base com um fundo profundo para que a lâmina possa furá-la. Também pode usar uma prensa para que o material fique bem fixo. Depois de assegurar o material, ligue a serra, sustentando-a com firmeza e que está sob seu controle. Aproxime a lâmina do material e pressione levemente. Avance devagar, sem forçar a lâmina. Desligue a serra ao terminar.
  • Limpe seu espaço de trabalho: É importante que o lugar de corte esteja sempre limpo antes de começar um novo procedimento. Certifique-se que não há fios ou cabos no meio do espaço e nem qualquer outro tipo de obstáculo.

Como se troca o disco ou a lâmina de uma serra elétrica?

Alguns modelos de serra elétrica, em especial a serra tico tico e a de sabre, dispõem de sistemas de troca rápida de lâminas. Nesses casos, a serra não é parafusada, porém, possuem sistemas de gatilhos de segurança que fixam a lâmina na máquina mediante pressão.

A serra de disco e a de mesa geralmente são mais complexas. Certifique-se que estão desligadas e localize o botão que trava o eixo do disco. Afrouxe o disco e retire-o com cuidado, para fazer essa operação você deve manter pressionado o botão de trava do disco. Retire os anéis de fixação do disco e puxe-o. Faça a mudança e recomece o processo seguindo os mesmos passos de forma invertida.

Imagem de pessoa utilizando serra elétrica.

Se deseja usar sua serra para trabalhos profissionais em uma oficina ou para seus projetos mais sérios de bricolagem, o melhor a se adquirir é a serra a disco. (Fonte: Iakov Filimonov: 75411627 / 123rf.com)

Quais medidas de segurança necessárias para se trabalhar com uma serra elétrica?

A serra elétrica é um equipamento grande, potente e bastante perigoso. Portanto, se recomenda seguir certos critérios de segurança na hora de trabalhar com ela. Nas instruções do fabricante são assinaladas algumas dessas medidas e a seguir, na lista, mais algumas foram relatadas:

  • Quando você for trabalhar com sua serra elétrica, tenha certeza que não há nada perto ou dentro da área de corte;
  • Retire da zona de corte qualquer obstáculo que possa impedir o bom funcionamento da serra ou ser danificado em um possível acidente com a própria ferramenta;
  • Certifique-se que não há nenhum cabo plugado no espaço de corte e que possa se enroscar com a lâmina;
  • Utilize todos os sistemas de proteção da ferramenta, como o guia de corte, botões de segurança ou as telas de proteção;
  • No caso de serras muito potentes, sempre use proteção para os ouvidos;
  • Limpe a serragem, o pó e pedaços de objetos anteriores do espaço de trabalho antes de começar um novo corte;
  • Utilize sempre óculos de proteção para evitar que entrem farpas ou pó em seus olhos;
  • Use máscaras protetoras para proteger suas vias respiratórias do pó gerado com o corte.

Quais as melhores marcas de serra elétrica?

O campo de ferramentas elétricas é muito amplo e existe uma grande oferta de modelos e marcas. Entre as mais reconhecidas está a Makita, especializada em oferecer soluções inovadoras. A Vonder é outra marca bastante conhecida entre os profissionais por causa da excelente qualidade e variedade de suas ferramentas.

Stanley, DeWalt, Bosch e Black and Decker são outras marcas bastante conceituadas no ramo de ferramentas.

Critérios de Compra

Comprar uma serra elétrica não é uma tarefa simples. Existe uma gigantesca variedade de marcas, tipos e modelos de serra no mercado. A não ser que seja um especialista em ferramentas elétricas, não será tão fácil assim escolher a melhor opção. A fim de lhe auxiliar, esse Guia de Compras surgiu demarcando os critérios mais importantes que deve considerar na hora de sua aquisição:

  • Tipo de serra
  • Uso
  • Alimentação
  • Potência
  • Ergonomia
  • Segurança
  • Reposição de peças
  • Acessórios

Tipo de serra

A serra elétrica é uma ferramenta que evoluiu muito e se adaptou aos mais diferentes tipos de trabalho. Cada serra possui uma característica própria e uma potência diferente, aspectos que as fazem únicas. Antes de comprar uma serra elétrica, escolha qual tipo é o mais adequado para suas necessidades.

No mercado você facilmente encontrará serra de cinta, de disco, tico tico, serra de poda, serra de sabre e serra de mesa. Cada item é fabricado para um trabalho específico e possui características únicas, portanto, repare bem antes de escolher uma e tome a decisão baseada em suas necessidades.

Uso

A serra tico tico e a serra de sabre são as mais utilizadas na construção. A primeira serve para realizar cortes arredondados, mitrados e até mesmo para desenhar padrões. A segunda é ideal para materiais irregulares como os canos, além de ser muito importante também para a jardinagem, onde é usada para realizar tarefas de poda e corte.

Se deseja usar sua serra para trabalhos profissionais em uma oficina ou para seus projetos mais sérios de bricolagem, o melhor a se adquirir são as serras a disco. Esse tipo de serra é muito mais potente e realiza cortes retos, angulados e mitrados sobre materiais duros, como o metal.

Alimentação

Basicamente, encontramos dois tipos de alimentação: motor elétrico e baterias de lítio. As serras alimentadas por eletricidade são mais potentes e possuem motores de cobre com potências que vão desde os 1100 aos 2200 W. São perfeitas para trabalhos mais profissionais, embora não sejam tão flexíveis em relação a deslocamentos.

A serra a bateria geralmente é menos pesada, embora também seja muito menos potente. Os motores desses modelos alcançam entre 18 e 36 W de potência. Possuem a vantagem de serem movidas com maior liberdade, mas não são ideais para trabalhos mais profissionais e, consequentemente, não conseguem cortar materiais mais duros.

Potência

A potência é um fator que você deve considerar bastante antes de comprar uma serra elétrica. Não faça a escolha baseada em sua experiência com a ferramenta, pois, se nunca tiver usado uma anteriormente, pode acabar ficando receoso e escolhendo uma com poucos cavalos (ou Watts), o que seria um grande erro. Faça sempre em função de suas necessidades.

Se você usar uma serra com menos potência do que o necessário, não conseguirá cortar determinadas peças, seja por causa da espessura ou dureza. O recomendado é que você opte por uma serra elétrica com uma boa potência e que assegure que poderá utilizá-la com diferentes materiais e em distintos trabalhos.

Ergonomia

A ergonomia é, sem dúvidas, outro fator importante a ser considerado quando for comprar uma serra elétrica, já que ela é uma máquina complexa e perigosa. É importante que ela possua um encaixe perfeito, permitindo que você trabalhe sem se cansar durante um bom tempo e que também não machuque a mão ou o braço.

A serra elétrica deve possuir uma fixação firme, que a impeça de deslizar e que seja capaz de deixar a lâmina da serra a uma distância prudente da mão do operador. Além disso, precisa ter um formato e design adequado para que se adapte à sua mão.

foco

É importante que possua sistemas de absorção de vibrações para reduzir o cansaço.

Segurança

A segurança é um fator que anda estreitamente ligado com a ergonomia e o design da serra elétrica. Uma serra não é um brinquedo, então se não for utilizada com cuidado, pode causar um grave acidente. Preste sempre atenção nas medidas de segurança que ela possui, coisas como freio de emergência e proteção para a lâmina, são importantes.

Muitos modelos possuem sistemas de proteção para a serra quando essa não está sendo utilizada, além de sistemas adicionais, como a necessidade de utilizar uma outra ferramenta para que se realize a mudança de lâmina. Alguns modelos também apresentam bloqueio de lâmina, às vezes em dois locais: nos botões e nos fusíveis.

Reposição de peças

As lâminas das serras elétricas vão se desgastando conforme o uso. É importante comprar uma ferramenta que disponha de reposições e que isso seja encontrado com facilidade. Porém, a reposição não tem que ser apenas das lâminas. Peças internas, como bobinas do motor, os sistemas de proteção e até os cabos, precisam ser trocados com o tempo.

Procure um modelo de serra elétrica que tenha peças fáceis de serem trocadas, afinal nunca se sabe quando se pode perder o parafuso de fixação do disco ou quando um dos fusíveis pode romper. As melhores ferramentas, de melhores qualidades, têm reposições fáceis de serem encontradas em qualquer loja ou armazém de construção.

Acessórios

Da mesma forma que as peças de reposição, os acessórios são outro fator importante. Nesse caso, alguns modelos têm maletas de transporte. Esses objetos, além de permitir ter tudo de modo mais organizado, são ideais para levar a ferramenta para qualquer lugar que necessitar e guardá-la com segurança.

Alguns modelos de serras possuem guias a laser, sistema de correias deslizantes para melhorar o corte, guias de corte reto ou reposições para as lâminas. No caso dos modelos a bateria geralmente possuem baterias de reposição e recarregadores. Logicamente, todos esses acessórios aumentam o preço final da ferramenta.

Resumo

A serra elétrica é uma ferramenta muito completa, versátil e potente. É empregada em uma grande variedade de trabalhos, como: jardinagem, construção, carpintaria, reparação e, sobretudo, é adorada pelos amantes da bricolagem. É um equipamento muito completo, mas que não requer experiência para um uso seguro.

Adquirir uma serra elétrica será sempre uma compra inteligente. Mas, não se deve esquecer dos diferentes fatores de compra: a potência do motor, o uso que fará dela, a alimentação, ergonomia ou a comodidade de uso. Depois que você já leu todo o artigo e aprendeu mais sobre qual é a melhor serra elétrica do mercado, só falta partir para sua decisão final.

Se gostou do artigo, deixe um comentário ou o compartilhe com seus amigos e familiares para que eles também saibam comprar a melhor serra elétrica do mercado.

(Fonte da imagem destacada: Dmitriy Zuykalin: 53766642 / 123rf.com)

Por que você pode confiar em mim?

GUIA55 Redação
GUIA55
Os redatores do GUIA55 realizam pesquisas aprofundadas e escrevem artigos altamente informativos e de qualidade sobre os mais variados temas do seu interesse.