Estação de trabalho
Ultima atualização: 11 de dezembro de 2020

Como escolhemos

15Produtos analisados

18Horas investidas

4Estudos avaliados

66Comentários coletados

O aumento nas exigências do mercado, a chegada de novos softwares para tarefas complexas e a necessidade de alto desempenho nas tarefas diárias podem ser desafios ainda maiores quando não se tem um bom computador à disposição. Por isso, muitos profissionais têm investido na compra de uma workstation para conseguir cumprir todas as necessidades do trabalho.

Chamados de estação de trabalho, esses computadores contam com grande capacidade de processamento e, na grande maioria dos casos, com placa de vídeo dedicada. Se você chegou a este artigo em busca de mais informações sobre a workstation ideal, vamos ajudá-lo a esclarecer todas as suas dúvidas a partir de agora. Siga conosco.




O mais importante

  • Uma estação de trabalho — ou workstation — é um computador de alta potência, com configurações otimizadas para determinadas tarefas que utilizam softwares específicos.
  • Investir em uma boa workstation é uma decisão que, a médio e longo prazo, se converte em um investimento rentável, à medida em que proporciona uma performance muito mais alta e é mais durável do que um computador convencional.
  • O primeiro aspecto a considerar na hora da compra de uma estação de trabalho é a finalidade desta máquina. Desta definição dependem a escolha do processador, a memória RAM, a placa de vídeo e a capacidade de armazenamento.

Workstation: nossa recomendação dos melhores produtos

Escolher a workstation ideal exige conhecimento técnico e, especialmente, saber quais são suas demandas para a máquina. No entanto, mais do que isso, cada modelo pode ter características específicas que o o torne mais ou menos adequado às suas expectativas. Pensando nisso, separamos alguns dos mais vendidos atualmente para que você possa ter uma base de comparação.

Outras Recomendações

A workstation com processador Intel Xeon

O que há de mais avançado em processador de alta performance se une a alta capacidade de armazenamento garantida pelo HD de 1T e SSD de 120 GB.

Além disso, a workstation da Razor conta com placa de vídeo profissional Nvidia Quadro P4000 8GB, o que faz dela a estação de trabalho ideal para modelagem 3 e 4D, a uma velocidade de barramento de 4,2 GHz.

A workstation portátil e funcional

Nesse momento, o produto selecionado não está disponível no fornecedor. Por isso, o substituímos por outro com características similares. Para relatar um problema.

Das Problem mit diesem Produkt wurde gemeldet. Danke!

Simples e poderoso, este notebook é fácil de ser gerenciado, oferece a versatilidade de 3 portas USB (tipe-C e USB 3.0) e a eficiência do processador Intel de quatro núcleos de 8ª geração. Para sua segurança, ele conta com desbloqueio biométrico e tem estrutura à prova de impactos.

Com memória RAM de 8G e placa de vídeo dedicada GeForce MX150 de 2GB, ele permite desempenho para as tarefas da sua rotina de trabalho, em qualquer lugar que você esteja.

A melhor workstation para trabalhos pesados

Nesse momento, o produto selecionado não está disponível no fornecedor. Por isso, o substituímos por outro com características similares. Para relatar um problema.

Das Problem mit diesem Produkt wurde gemeldet. Danke!

Esta workstation vai proporcionar mais rapidez na execução de softwares para edição de imagens e vídeos, tornando seu trabalho mais ágil e prazeroso, sem preocupação com armazenamento, já que conta com HD de 1T de capacidade.

Com placa de vídeo dedicada Nvidia Quadro P1000, processador Intel Coffee Lake com 3.6Ghz de barramento e memória RAM 16GB DDR4, todas as tarefas vão ser desempenhadas em menos tempo e sem risco de travamento.

Guia de compras: O que você precisa saber sobre a workstation

Comprar uma estação de trabalho representa um investimento significativo. Por isso, é muito recomendado que você não tenha qualquer dúvida sobre o aparelho antes da decisão. E nós vamos te ajudar! Preparamos uma seção para responder as perguntas mais frequentes a respeito da workstation, para que você tenha total clareza antes da escolha final.

pessoas que trabalham em estações de trabalho

Investir em uma boa workstation é uma decisão que, a médio e longo prazo, se mostra rentável graças ao melhor desempenho e durabilidade deste tipo de computador. (Fonte: Samborskyi: 135003976/ 123rf.com)

O que é exatamente uma workstation?

Uma workstation — ou estação de trabalho — é um computador projetado para executar softwares específicos nos segmentos da engenharia, arquitetura e medicina, entre outras. São equipamentos com maior capacidade de processamento.

Para tanto, contam com unidades centrais muito mais potentes que as convencionais, dotadas de memória RAM superior a de um computador pessoal. Além disso, este tipo de computador costuma ser fabricado com componentes eletrônicos de alta qualidade.

Quais as vantagens e desvantagens de uma workstation?

A grande capacidade de processamento e a qualidade superior dos componentes de uma estação de trabalho são, como citamos, algumas das vantagens deste tipo de computador em comparação com os convencionais.

No entanto, há mais diferenciais que podemos pontuar tanto positivamente quanto sobre os inconvenientes deste tipo de máquina. Veja no quadro abaixo:

Vantagens
  • Oferece mais seguranças na execução dos processos
  • É mais estável do que um computador pessoal
  • Tem vida útil mais longa
  • Conta com componentes de qualidade superior
  • Possui maior potência de cálculo
  • Costuma incluir placa de vídeo integrada, com mais memória dedicada
  • Pode ter configuração personalizada, de acordo com as necessidades da atividade que vai executar
  • Proporciona economia de tempo nas tarefas diárias, pois tem alta velocidade de processamento
Desvantagens
  • Requer um alto investimento econômico
  • Costuma ser bem maior do que o computador convencional

Para quem a workstation é indicada?

A workstation pode ser utilizada em todos os ambientes corporativos. No entanto, alguns profissionais podem fazer mais uso da sua capacidade de processamento, pois trabalham com aplicativos mais complexos, que podem apresentar travamentos no computador convencional.

Entre as categorias que mais utilizam as estações de trabalho na rotina de trabalho, estão:

  • Engenheiros;
  • Designers industriais;
  • Arquitetos;
  • Designers gráficos e 3D;
  • Analistas financeiros e traders;
  • Médicos;
  • Pesquisadores.

Quais as diferenças entre uma workstation e um computador pessoal?

À primeira análise, os dois podem parecer iguais, já que as diferenças dizem respeito especialmente às configurações e componentes internos. Por isso, criamos um comparativo entre os dois tipos de computadores, seus usos e principais diferenças:

Computador pessoal convencional Workstation
Uso São equipamentos versáteis, pensados para ser utilizados por diferentes tipos de usuários Costumam ser customizados de acordo com as necessidades de um único usuário ou de um grupo específico
Hardware São menos potentes e menos especializados. A exceção a esta regra são os chamados computadores gamers, configurados para oferecer bom desempenho em partidas de jogos online Contam com processadores mais potentes, com maior quantidade de memória RAM. Além disso, o hardware costuma ser otimizado para aplicativos específicos
Preço Mais acessíveis. Mesmo os configurados para gamers costumam ser mais baratos que as workstations Têm preço mais elevado

A workstation é uma boa opção para gamers?

É muito comum que as pessoas se perguntem se a estação de trabalho pode ser a opção mais indicada para "rodar" jogos, especialmente as versões online. Diante das avançadas configurações e a promessa de alto desempenho da workstation, parece uma boa escolha.

O que temos a dizer a respeito é que, os ultra processadores e a grande capacidade de memória RAM das estações de trabalho podem ser convidativas para os gamers. Mas não são, de fato a melhor opção.

Isso porque a workstation costuma ter um preço mais elevado do que os computadores gamers, que são desenvolvidos exclusivamente para essa finalidade. Portanto, se tiver a intenção de adquirir um computador para suas partidas virtuais, o ideal é escolher um bom PC gamer.

Workstation e servidor são a mesma coisa?

Tanto os servidores quanto a workstation são computadores. No entanto, cada um deles foi desenvolvido para uma função diferente. Por este motivo, as configurações dos dois aparelhos são completamente distintas.

O servidor provê os dados a outras máquinas.

Basicamente, pode-se dizer que os servidores abrigam informações dentro de uma estrutura conhecida como cliente-servidor. Por isso, são habitualmente utilizados para armazenar base de dados, como se fossem um grande arquivo.

As estações de trabalho, por outro lado, são computadores em que as ações são executadas, em softwares específicos. Além disso, podem estar conectadas em rede — e a um servidor — ou funcionarem de forma independente, sem conexão com outras máquinas.

Critérios de compra

Seja qual for a aplicação para a qual você necessite de um computador mais potente, certamente vai conseguir encontrar na workstation a solução para as questões de desempenho da máquina. No entanto, para saber qual a estação de trabalho mais adequada para o seu caso, é importante levar em conta alguns aspectos técnicos, que vamos detalhar a partir de agora:

Finalidade

Pode parecer óbvio, mas é sempre bom destacar este ponto. A máquina utilizada por um designer gráfico não tem os mesmos requisitos do que aquela necessária para pesquisa ou simulações de modelos científicos, por exemplo.

Se você for usar a estação de trabalho para editar vídeos ou desenvolver o ambiente gráfico de um videogame, precisará de um com uma CPU profissional. Para simulações avançadas, vai ser preciso um processador de soquete duplo.

Portanto, para decidir qual equipamento é melhor para você, o primeiro passo é ter clareza sobre a finalidade da máquina e as especifidades exigidas para cada tipo de tarefa.

pessoas analisando estatísticas

A workstation é um potente computador, com configurações otimizadas para determinadas tarefas profissionais, que se utilizam de softwares específicos. (Fonte: Standret: 135319643/ 123rf.com)

Memória RAM

Quanto maior for a memória RAM, mais tarefas simultâneas a workstation conseguirá realizar. De maneira geral, a recomendação é optar por um computador com 16 GB. Esta memória será suficiente para garantir alto desempenho na grande maioria dos softwares.

Se a sua necessidade é por tarefas mais complexas, como simulações 3D, por exemplo, pode ser prudente optar por uma memória ainda maior. Também reforçamos que é preciso estar atento ao tipo da memória. A DDR4 é a mais atual e a que oferece as maiores vantagens.

Dell.com
"Outro ponto que influencia a performance da memória é o barramento, que determina a velocidade e como as informações irão circular entre cada parte da sua máquina."

Placa de vídeo

A placa de vídeo é um componente de estrema importância em uma workstation. Especialmente para quem trabalha com muitos recursos gráficos, como edição de vídeo ou fotos, design gráfico e modelação 3D, contar com uma memória gráfica dedicada é essencial.

Atualmente, os principais fabricantes de placas de vídeo são a Nvidia e a AMD. As duas marcas contam com sua própria GPU, exclusivamente desenvolvida para garantir mais precisão e desempenho na execução dos recursos de vídeo.

Processador

O coração da máquina precisa de análise cuidadosa antes da definição. Primeiro, você devem definir entre a necessidade de soquete único ou soquete duplo. Feito isso, considere quantos núcleos cada soquete possui.

O mais comum são quatro núcleos em cada um, mas a verdade é que este número pode variar. No entanto, a quantidade de núcleos não basta. É importante levar em consideração a capacidade de processamento de cada um deles.

Avalie bem sua necessidade, pois não faz muito sentido você optar por um equipamento de soquete duplo, se não for tirar proveito dele. Mas lembre-se: não tente economizar no processador já que substitui-lo no futuro pode ficar mais caro. Uma boa indicação é o processador Xeon, da Intel.

menino analisando coisas de trabalho

A workstation costuma ser mais utilizada por profissionais da Engenharia, Arquitetura e Medicina. (Fonte: Standret: 135319636/ 123rf.com)

Capacidade de armazenamento

Aclamadas no mercado por melhorar o desempenho dos computadores pessoais, no caso da workstation, a unidade SDD é indispensável. Ela é útil, sobretudo, para instalar o sistema operacional e salvar arquivos que você deseja acessar com mais frequência e rapidez.

Outro ponto de destaque é a agilidade para iniciar o sistema e a abertura dos softwares, deixando a rotina ainda mais produtiva. Por outro lado, como você já sabe, o preço de uma estação de trabalho com memória SSD é muito maior.

Para resolver essa questão, você pode optar por uma combinação de um disco rígido tradicional de grande capacidade e um SSD de menor capacidade. Dessa forma, você aproveita os benefícios de ambos os sistemas de armazenamento.

Resumo

A workstation tem se destacado no mercado por ser um equipamento otimizado para softwares profissionais complexos e para trabalhar com arquivos muito pesados. Utilizado quase que exclusivamente no ambiente corporativo, este computador tem grande capacidade de processamento e armazenamento, o que garante a rápida execução das tarefa, com mais segurança.

Neste guia, trouxemos as informações mais relevantes para esclarecer todas as suas dúvidas a respeito da workstation, em que ela se diferencia de outros computadores e como pode ser melhor aproveitada, de acordo com o nível de exigência das suas atividades. Mostramos alguns pontos a serem observados no momento da compra, para garantir um equipamento que possa suprir todas as suas necessidades.

Por fim, esperamos que este artigo tenha sido útil na decisão pelo modelo mais adequado de workstation para sua empresa. Se gostou, fique à vontade para compartilhar com seus amigos. Muito obrigado, até breve!

(Fonte da imagem destacada: Thongsai: 112971265/ 123rf.com)

Por que você pode confiar em nós?

Resenhas